31
outubro

Resumo da Câmara


Denúncias, falta de água e brincadeira com a disputa pela Presidência da Câmara marcaram mais uma noite de discursos

 

Foto: Arquivo.

Em mais uma reunião ordinária da Câmara de Vereadores na noite de quinta-feira (30), vários temas foram abordados na tribuna.

 

Entre eles, se pode destacar a problemática da falta de água enfrentada pelo município, que  foi citado em uma matéria veiculada pelo Jornal Nacional e como poderiam ser adotadas algumas medidas de enfrentamento.

 

No campo das denúncias, duas ganharam mais destaque: a do vereador Vânio Viera (PSDB) faz novas denúncias sobre a conduta do presidente da Câmara de Vereadores com conhecimento de Junior Gomes (PSB). O vereador Ernesto Maia (PSL) alertou possíveis irregularidades na empresa que presta a o fornecimento na distribuição de merenda a escolas da rede municipal.

 

Já quando o assunto foi a disputa para a presidência da Câmara, o destaque ficou por conta do vereador Zé Elias (PTB), que brincou com os vereadores citando que colocaria seu nome a disposição caso todos votassem nele.

 

Confira o que disse cada um dos vereadores:

 

Afrânio destaca 25 anos de atuações da UESCC em Santa Cruz do Capibaribe

;

No seu discurso, o vereador Afrânio Marques (PDT) destacou o funcionamento da UESCC, entidade de defesa dos estudantes secundaristas do município.

 

A UESCC completou, na última terça-feira, 25 anos de existência. Afrânio foi o primeiro presidente da entidade e aproveitou para fazer um breve resumo de seus 30 anos de vida pública.

 

Afrânio apontou que muitas ações foram realizadas ao longo dos anos pela entidade, como eventos e, durante a década de 1990, o maior benefício, que é a lei da meia-entrada, validada em, Lei Municipal.

 

“Isso se trata de uma grande conquista e várias gerações puderam usufruir desse direito, coisa que eu, particularmente, participei de todas as lutas, mas não usufruí desse direito”.

 

Afrânio destacou também que, ao longo dos últimos 25 anos, mais de 38 mil carteirinhas dos estudantes já foram distribuídas e que a média vem crescendo a cada ano.

 

Deomedes destaca desejo de ver mesa diretora da Câmara com integrantes de Situação e Oposição

.

No principal ponto de seu discurso, o vereador falou da disputa que corre nos bastidores sobre a Presidência da Câmara.

 

“Eu queria ver muito, a cada dia, uma Câmara independente do Poder Executivo e, porque não, ter uma junção de Situação e Oposição, uma Mesa (Diretora) dividida. Muita gente faz críticas e eu não vejo nada diferente que possa, no futuro, ter uma mesa diretora das duas bancadas. Não vejo problema nenhum Oposição votar em Situação e Situação votar em Oposição. Isso é democracia”, pontuou.

 

O vereador aproveitou para mostrar seu repúdio contra os atos de preconceitos a nordestinos que votaram na Presidente Dilma, pediu que a prefeitura solucione problemas de comerciantes do Calçadão que não podem comprar suas bancas e aproveitou para cobrar a revitalização do Açude da Manhosa.

 .

Narah Leandro destaca ampliação do projeto Feliz Viver e mais uma edição do evento Louva Santa Cruz

.

Dois pontos nortearam o discurso da vereadora socialista. No primeiro, Narah destacou a realização da terceira edição do Louva Santa Cruz, evento voltado para o público gospel e que acontece amanhã (01), fazendo seu convite à população.

 

“Ali não existe cor do palanque ou ala partidária, mas uma celebração do que Deus tem feito por nós”, frisou.

 

Já no segundo ponto, a vareadora destacou um ano de atuação do projeto “Feliz Viver”, que beneficia mulheres com diversos serviços focados, especialmente, no combate a depressão entre elas.

 

A vereadora aproveitou para destacar que tem realizado conversas com o prefeito Edson Vieira (PSDB) e frisou que o projeto deve ser ampliado.

 

Zezin Buxin cobra união das bancadas na busca de soluções pelo combate a falta de água em Santa Cruz do Capibaribe

.

No principal ponto de seu discurso, o vereador Zezin (PSDB) destacou a necessidade de união das bancadas na busca por soluções que auxiliem no combate a seca no município.

 

“Temos que nos juntar, independente de lado ou sigla partidária, para reivindicar que sejam construídas represas e reservatórios. Temos muitas correntezas, as chuvas são descontroladas e a água vai embora, por não ter onde ficar”, frisou.

 

Zezinho citou que a escassez de falta de água não é uma realidade exclusiva do nordestino, mas que se passa em todo o país.

 

Em um aparte, o vereador Afrânio Marques também sugeriu que, além da cobrança por mais reservatórios, se deveria também investir em alternativas tecnológicas que viabilizem a economia de água.

 .

Fernando Aragão cobra licitação de construção de Praças na Rua Raymundo Francelino

;

O discurso de Fernando Aragão (PROS) foi pautado em uma dúvida sua, quanto a execução de obras na construção de praças na Rua Raymundo Francelino Aragão.

 

De acordo com o vereador, máquinas cedidas pelo PAC II a prefeitura poderiam estar sendo utilizadas de maneira incorreta, tirando entulhos do local sendo que, tal responsabilidade poderia ser da empresa que está realizando as obras.

 

Fernando citou que, caso isso esteja acontecendo, seria dinheiro público do município jogado fora e cobrou mais empenho por parte do presidente Junior Gomes (PSB) quanto dos vereadores de Situação.

 

“Quando o senhor e o primeiro secretário (Afrânio Marques) era Oposição, cobravam muito as licitações, que elas tinham que vir para cá em outros governos. Mas quando se tornaram situação, se esqueceram”, frisou.

 

Fernando chegou a alegar que funcionários que estão realizando as obras no local sequer poderiam estar registrados e poderiam estar trabalhando como se fossem contratados pela empresa que ganhou tal licitação.

 

“Algumas coisas nesse governo ou se escondem ou não se permitem que nós possamos fiscalizar”, frisou.

 

Zé Minhoca destaca aumento nos valores das multas aos motoristas que cometem infrações

.

Um ponto em especial norteou o discurso do vereador tucano. Zé Minhoca destacou os aumentos nos valores das multas que serão aplicadas a motoristas infratores, citando que elas serão benéficas na redução das infrações.

 

Zé Minhoca falou sobre a frota local de veículos que, segundo ele, chega a 45 mil e cobrou que os motoristas locais estejam mais atentos as legislações de trânsito, em especial os motociclistas. O aumento será valido já a partir do próximo sábado (02).

 

“Não quero ver nenhum conterrâneo dizendo que a multa chegou e eu não posso nem fazer a feira porque as coisas estão difíceis, e vão ficar mais difíceis ainda”, frisou.

Luciano cobra da SEFAZ esclarecimentos sobre repasses de impostos a Santa Cruz pelo Governo do Estado

.

No seu discurso, Luciano Bezerra destacou o seu pedido de requerimento para que a Secretaria da Fazenda de Pernambuco preste esclarecimento quanto a cota de impostos do ICMS destinada ao município pelo governo estadual.

 

Luciano destacou que apenas 13% do orçamento arrecadado pelo município seriam de recursos próprios e mostrou sua dúvida se essa receita, vinda boa parte do ICMS recolhido do imposto de fronteira, estaria sendo repassado de maneira correta.

 

Luciano frisou que cerca de R$ 4,4 milhões são arrecadados mensalmente e que apenas um pouco mais de R$ 1 milhão é repassado ao município, ficando essa dúvida.

 

“Estamos encaminhando a SEFAZ um requerimento que pede informações sobre o total de impostos que foram recolhidos das mercadorias que são compradas em outros estados e ingressam aqui em nosso município. Diga-se de passagem, muitas mercadorias, como quase todos os tecidos, passam por esse processo”, frisou.

 

Helinho Aragão alerta sobre possibilidade de paralisação de obras da Adutora do Agreste

.

A escassez de água foi o principal ponto do discurso do vereador petebista.

 

De acordo com Helinho Aragão (PTB), impasses entre os governos Estadual e Federal estão fazendo com que haja suspensão de contratos e demissões de funcionários encarregados pela construção da Adutora do Agreste, tida como a principal solução para combater a falta de água em Santa Cruz.

 

Helinho citou a repercussão da matéria veiculada no Jornal Nacional sobre a falta de água na região e cobrou para que todos os vereadores formem uma frente para ir a Recife e cobrar esclarecimentos para o município e região.

 

“Eles iniciaram as obras com 1100 pessoas trabalhando. Hoje, tem apenas 300 trabalhando nessa grande obra. Não quero que esse sonho que está sendo concluído e prometido para que no próximo ano nossas empresas e nossas casas tenham água na torneira, seja paralisado”, frisou.

 

Helinho aproveitou para fazer um convite aos vereadores para que o cruzeiro do município seja visitado e que aquele local receba obras e se torne um ponto turístico no município.

 ..

Ronaldo Pacas destaca continuidade das obras de duplicação da PE-160 pós-eleições

;

O vereador do PSDC destacou a continuidade dos trabalhos realizados na PE-160 e solicitou que os vereadores cobrem, dos governos Estadual e Federal, a conclusão não só da PE-160, mas o término da duplicação da BR-104 até a entrada de acesso ao distrito de Pão de Açúcar.

 

“Precisamos agora, nesse final de ano, que se busque na Polícia Rodoviária Federal, no DER, que se busque preparar essas estradas para evitar acidentes, que acontecem cada vez mais”, frisou.

 

Ronaldo também falou sobre o Açude da Manhosa. O vereador frisou que viu na imprensa fotos de caminhões que retornam água daquela localidade e que denunciem não só na imprensa, mas também as autoridades competentes.

 

“É lamentável esse fato que acontece. Temos que levantar essa campanha”, frisou. O vereador também pediu para que mais segurança, por parte da polícia militar, seja destinada aos moradores do Bairro Oscarzão, que enfrentam, segundo ele, altos índices de criminalidade, com furtos e assaltos a estabelecimentos comerciais.

 

Zé Elias brinca com eleições da Presidência da Câmara

.

No principal ponto de seu discurso, o vereador do PTB brincou que se candidata ao posto de presidente da Câmara nas próximas eleições internas da Casa de Leis.

 

“São 17 vereadores, mas se os 16 quiserem votar em mim, eu sou candidato”, frisou.

 

Antes de fazer a brincadeira, Zé Elias (PTB) cobrou que mais soluções sejam aplicadas pela Prefeitura Municipal quando ao combate a dengue, inclusive no aumento da quantidade de agentes de saúde.

 

O vereador aproveitou para falar de requerimentos que não foram atendidos pela Prefeitura, com destaque a compra de um ônibus para que seja destinado a pessoas que procuram atendimentos médicos em Recife.

 

Zé Elias cobrou do presidente Junior Gomes (PSB) para que, se tiver alguma verba disponível no caixa da Câmara, esse ônibus possa ser comprado.

 .

Galego de Mourinha cobra ampliação do cemitério da Vila do Pará e denuncia má conservação do ônibus que transporta pacientes ao Recife

.

No principal ponto de seu discurso, o vereador do PTB voltou a alertar sobre a falta de vagas no cemitério da Vila do Pará.

 

De acordo com Galego de Mourinha, a última reforma de ampliação que foi feita naquele cemitério data da gestão do ex-prefeito Aragãozinho (PTB) e que o assunto não foi visto nas demais gestões subsequentes.

 

Galego fez um pedido a Câmara para que, se exista verba em caixa, essa reforma de ampliação pode ser financiada pela Casa de Leis.

 

Em seguida, o vereador denunciou, segundo ele, a má conservação do ônibus que transporta pacientes a Capital Pernambucana.

.

“Esse ônibus estourou dois pneus de uma vez só em frente ao Atacadão dos Presentes. Vejam que situação está passando o povo que busca tratamentos de saúde em Recife. Isso é lamentável e peço para que nós vereadores façamos uma vistoria nesse ônibus para ver se ele tem condições de transportar esses pacientes”, pontuou.

 

Klemerson Pipoca solicita implantação da Comissão Permanente de Convivência com a Seca em Santa Cruz do Capibaribe

.

A falta de água também norteou o discurso do vereador. Para Pipoca (DEM), se faz necessário que a comissão de trabalhos de enfrentamento a seca, que atuou de maneira provisória na Câmara de Vereadores, seja mais uma vez ativada.

 

Pipoca destacou também quer protocolou requerimento para que o Poder Executivo tenha também essa comissão, mas em caráter permanente para que se obtenham dados, informações sobre mananciais, destinação de água por parte da Adutora do Agreste se forem concluídas, bairros sem oferta de água e outras ações.

 

“Essa comissão seria para diagnosticar essas informações”, frisou, completando que elas ajudariam na execução de projetos e ideias para o enfrentamento ao problema.

 .

Dida de Nan presta contas de suas ações na zona rural

;

No seu discurso, o paramentar tucano destacou requerimentos solicitando terraplanagem nas estradas vicinais do município, citando que o atual governo tem atendido as suas expectativas.

 

Em seguida, o vereador citou de ações que foram realizadas por ele, através de recursos próprios equipou a ambulância que presta atendimentos na Vila do Pará e região.

 

O vereador também aproveitou para elogiar os discursos que o antecederam, que mostraram preocupação com os problemas enfrentados pelo município e destacou novos requerimentos que já foram atendidos pelo atual prefeito.

 

Dida aproveitou para falar de ações realizadas pelo atual governo naquele distrito como o calçamento de ruas, reforma do posto de saúde.

 

Vânio Vieira afirma que não há transparência nas contas e denuncia presidente Junior Gomes

.

No principal ponto de seu discurso o vereador Vânio Vieira (PSDB) fez novas denúncias contra o vereador Junior Gomes (PSB).

 

Vânio falou sobre uma festa de confraternização realizada pelos vereadores ano passado, onde todos teriam feito o pagamento de R$ 1.300,00 a presidência da Câmara para a realização da festa em que também foi discutido o pagamento do 13º salário.

 

Vânio citou que a ideia de Júnior Gomes seria disponibilizar uma diária no mesmo valor de R$ 1.300,00 para que o dinheiro fosse devolvido para realização da festa. Vereadores de oposição teriam se posicionado contrários e a suposta fraude não foi emplacada.

 

“Esse valor foi pago na condição que, se não houvesse o pagamento desse décimo, o presidente da Casa queria disponibilizar, para cada vereador, o valor de R$ 1.300 para que recebesse essa diária e devolvesse a presidência para que se fosse feita essa festa. Isso não é a forma correta onde os vereadores da oposição não concordaram e parte da bancada de Situação não aceitou”.

 

Vânio citou que vários assuntos como esse nem sequer poderiam ser discutidos porque a Câmara não tinha uma Comissão de Ética imparcial para apurar tais denúncias.

“Isso é uma prática de se desviar recurso da Câmara. O presidente vem falar de transparência em todas as contas, mas eu não acredito em transparência aqui. Pode se arrumar, forjar documentos para se colocar no Portal da Transparência e isso não pode nem existir”, frisou.

 

 

 .

Junior Gomes rebate Vânio Vieira e diz que ele precisa procurar tratamento com psicólogo

/

No seu discurso, Junior Gomes rebateu as denúncias citadas pelo vereador Vânio. De acordo com Junior, Vânio Vieira estaria com um problema mental, que deveria procurar um psicólogo e que não haveria verdade em suas denúncias.

 

“Esse tipo de comportamento nós temos que dispensar”, frisou Junior Gomes.

 

Junior também frisou a problemática da insegurança no município e solicitou que a SDS de Pernambuco viabilize mais policiais e viatura para o município, citando que encaminhou um ofício a Diogo Moraes (PSB) para que essa questão também seja tratada em uma audiência.

 

Outro ponto citado por Junior foi seu requerimento, que solicita ao prefeito Edson Vieira (PSDB) que seja implantado, no município, o Bolsa Atleta Municipal, recurso para dar auxílio financeiro a atletas que representem o município em competições nacionais.

 

Ernesto Maia faz nova denúncia contra Prefeitura Municipal sobre empresa que fornece merenda escolar em Santa Cruz

;

Último a discursar, o vereador Ernesto Maia (PSL) trouxe mais uma denúncia contra a atual gestão.

 

De acordo com ele, a empresa que presta serviços no fornecimento de merenda escolar ao município também está sendo investigada pela Polícia Federal e que um esquema de corrupção, envolvendo prefeituras que são comandadas pelo PSB está ganhando destaque na imprensa estadual.

 

A empresa citada por Ernesto ser a “Casa de Farinha LTDA”, que teria um contrato firmado com a prefeitura em um valor superior a R$ 4,8 milhões.

 

“Essa firma também está sendo investigada pela Polícia Federal e foi denunciada, recentemente, na Operação Zelador, onde foram divulgados conversas de grampos autorizados pela Justiça com o doleiro Jordão Emerenciano e Romero Pontual, presidente da Ceasa, no Estado de Pernambuco e pai de Romero Filho, que é proprietário da empresa Casa de Farinha”, frisou.

 

O vereador também citou que outra empresa, a “A.S. Comércio e Representação LTDA” teria vendido, através de dispensa de licitação e com licitação, alimentos ao município, sendo que esta também foi investigada pela polícia por esquema de corrupção.

 

Ernesto mostrou sua indignação em Santa Cruz do Capibaribe manter, segundo ele, contratos com mais uma empresa que está sob investigação federal e cobrou para que lhe sejam repassadas todas as licitações envolvendo contratos com essa empresa.

Um Comentário

  1. janio nunes disse:

    Esse presidente da camara de vereadores de santa cruz envergonha a casa de leis, com sua falt de respeiro com os ses pares, bem como sua postur de moleque que é, sem contar com as denuncias de corrupçao como essa que o vereador vanio apresenta e, o que nos chama atençao é que a maioria cala, nos dá a entender que vanio está certo? E isso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?