15
dezembro

“Vou construir uma história dentro do partido Boca Preta” – afirma Ernesto Maia sobre o seu futuro


Fotos: Elivaldo Araújo.

O Programa Independente desta terça-feira (15), recebeu a presença do vereador Ernesto Maia (PC do B), que falou sobre os bastidores da política em torno das eleições municipais deste ano, onde um dos fatos que chamou a atenção, foi o seu apoio ao então candidato a prefeito Dida de Nan (PSDB). Ele foi interrogado como teria iniciado as conversas para que o mesmo tomasse tal decisão poucos dias antes do pleito.

“Se deu nem por mim e nem por Edson, mas sim por eleitores de Ernesto que procuraram as lideranças do partido azul daqui de Santa Cruz, e a partir desses eleitores meus que já votavam em Dida, houve uma conversa entre eu, Dida, Joselito e Edson” – falou.

Ernesto revelou que não teria sido procurado pelo partido Taboquinha e disse que sentiu desprezado após ter “feito muito pelo grupo Taboquinha, e por “não ser reconhecido”, mas argumentou que não se arrependeu de ter mudado de grupo durante as eleições.

 

“Fui massacrado e muitos trabalharam para eu não me reeleger, (…)mas faria tudo de novo e lhe digo que vou construir uma história dentro do partido Boca Preta” – pontuou.

Ele foi questionado sobre as suas denúncias feitas contra o atual prefeito Edson Vieira (PSDB), e respondeu que “cabe a Edson respondê-las”. Ernesto completou que tem total confiança no gestor e descartou a possibilidade de um retorno ao grupo Taboquinha no futuro, mas revelou que caso não consiga êxito no atual grupo, desistiria de disputas eleitorais.

“Confio em Edson Vieira, sendo que agora eu tô do lado dele, e vou ajudar muito para ele não errar mais” – disse.

Ainda durante a entrevista, ele comentou sobre a sua atual relação com o ex-deputado federal José Augusto Maia, e analisou os nomes dos secretários que irão fazer parte do governo Fábio Aragão (PP), a partir de janeiro do próximo ano.

Confira a entrevista completa:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?