29
janeiro

Curtinhas do Romenyck Stiffen!


Novas curtinhas do Romenyck Stiffen!

 

Romenyck StiffenIncansável: A representante do SINDUPROM-PE em Santa Cruz do Capibaribe e região, Luciene Cordeiro, é incansável em sua luta em prol dos professores da região do polo das confecções e não parou um minuto, durante o recesso, as cobranças da regularização salarial do professores do Polo das confecções.

 

Promessa boa (I): Segundo Luciene Cordeiro, A tesoureira da prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe-PE afirmou que o salário de dezembro dos professores efetivos que ainda não receberam estará saindo entre o dia 29 à 30/01, como foi prometido em nota oficial no último dia 20.

 

Promessa boa (II): Ainda segundo Luciene, a tesoureira também afirmou que está tentando regularizar até o quinto dia útil do mês de fevereiro o terço de férias dos professores e o retroativo que está em atraso desde outubro de 2015.

 

Professores: Lembramos que a informação acima trata sobre os salários dos professores efetivos, não temos nenhuma notícia sobre o pagamento em atraso dos professores contratados ou dos demais cargos, nem sobre o pagamento dos demais funcionários públicos efetivos.

 

Reajuste: Sobre o reajuste de 11,36%, determinado pelo MEC, no piso salarial dos professores, o sindicato já enviou uma pauta de reinvindicações, mas até o momento não sentaram para o início das discussões.

 

Em dia: Durante a semana Luciene Cordeiro também se reuniu com o secretário de administração de Brejo da Madre de Deus e o mesmo afirmou que o salário de janeiro será pago em dia, como vem acontecendo. Ainda segundo o secretário, o terço de férias dos professores será pago próximo dia 30, junto com o salário.

 

Mas…: Dr. Edson não dará o reajuste, determinado pelo MEC, aos professores de forma automática como vinha sendo feito no Brejo de forma rotineira nos últimos anos. Segundo Luciene, o secretário de administração alegou que mesmo o MEC tendo definido o valor do reajuste, a CNM (Confederação Nacional dos Municípios) haveria entrado com ações contrárias e que ainda existem indefinições.

 

Nenhum: Apesar de algumas cidades estarem com a folha em dia, a representante do SINDUPROM afirmou desconhecer algum município de nosso polo que já tenha concedido o reajuste.

 

Choro Livre: A maioria esmagadora dos prefeitos do Brasil apontam dificuldades para manter a folha em dia devido à diminuição dos repasses do governo federal, ocasionada pela crise. Contudo, esse será uma das desculpas para os prefeitos não concederem o reajuste, sobrando, assim, para os professores alicerces da educação nos períodos eleitorais de uma pátria educadora.

 

Choro com razão: Será creditado hoje, nas contas das prefeituras brasileiras, o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) referente ao 3º decêndio do mês de janeiro de 2016. Segundo informações do Blog do Magno Se somados os valores dos três decêndios e do repasse extra do presente mês, com o do mesmo período de 2015, teremos uma queda no repasse de 20,15%.

 

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade de seu idealizador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 




error: Copiando nosso texto?