30
novembro

As curtinhas do Romenyck Stiffen


.

Romenyck StiffenComplicou: Em Santa Cruz do Capibaribe, a situação dos envolvidos no famoso “Escândalo da merenda” complicou de vez, isso devido à condenação em primeira instancia, proferida pelo Juiz Danilo Félix.

Fechado: A pena fixada em cima do ex-prefeito José Augusto Maia (PTN) foi a maior, 10 anos e oito meses em regime fechado.

Semiaberto: Já a pena fixada ao vereador Zé Elias (PSDB), o seu filho José Alexsandro de Araújo e os funcionários públicos, a época, Severino Manoel de França e Gislaine Ramos de Araújo foram de oito anos em regime semiaberto.

Recorrer: É obvio que os envolvidos vão recorrer ao Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), para tentar reverter à decisão do Juiz Danilo Félix. É necessário salientar que enquanto o processo não for julgado pelo TJPE, os mesmos irão responder em liberdade.

Mas…: Contudo, caso o TJPE mantenha a decisão do Juiz Danilo Félix, poderemos ter na história de Santa Cruz do Capibaribe um ex-prefeito preso, o pior, regime fechado, assim como podemos ter um ex-vice-prefeito preso em regime semiaberto.

Não apaga: Sinceramente, o que me chamou a atenção foi a nota de José Augusto Maia sobre o caso. Em um dos trechos, Maia enumera algumas de suas ações enquanto prefeito, contudo é necessário abordar que suas ações não serão apagadas da história, muito menos suas ações (uma obrigação de qualquer gestor) irão apagar esse escândalo que ocorreu em sua gestão.

.

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade de seu idealizador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores