04
setembro

Condenado a mais de 24 anos por crime bárbaro


COBERTURA EXCLUSIVA

 

Em Santa Cruz, jovem que matou idoso a pauladas é condenado a mais de 24 anos de prisão

 

 

 

Fotos: Elivaldo Araújo

 

 

Chegou ao fim o julgamento de um dos crimes mais chocantes da história de Santa Cruz do Capibaribe. Na tarde desta quinta-feira (03), o Blog do Ney Lima acompanhou com exclusividade o desfecho do julgamento do jovem Klebson Luiz, hoje com 20 anos de idade, condenado pela morte do agricultor José Raimundo de Souza, 87 anos de idade, ocorrido em 10 de junho de 2013.

 

Klebson foi preso no mesmo dia em que ocorreu o crime e acabou confessando a participação. Na época ele tinha 18 anos e estava acompanhado de um menor de 17 anos.

 

 

 

 

O júri popular foi formado no Fórum da cidade. O acusado foi defendido pelo advogado Gláucio Fernandes e a acusação foi feita pelo Ministério Público, na pessoa do promotor Iron Miranda. O julgamento durou toda a tarde e foi concluído por volta das 19 horas. Os trabalhos foram conduzidos pelo juiz da Vara Criminal, Danilo Felix Azevedo.

 

Klebson foi considerado culpado pelo crime e condenado a 24 anos e seis meses de prisão. O condenado deverá cumprir pelo menos 10 anos e regime fechado. Após isso ele poderá cumprir parte da pena em regime semiaberto, caso tenha bom comportamento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Relembre o caso

 

Klebsou, que na época do crime tinha 18 anos, confessou ter matado o idoso a pauladas, após um desentendimento banal. O agricultor teria reclamado que Kleberson, em companhia de um menor de 17 anos, estavam roubando leito do curral de uma vaca.

 

O criminoso e a vítima teriam iniciado uma discussão e, assim que o idoso caiu no chão, Kleberson, então, desferiu as pauladas na cabeça, que levaram a vítima a óbito. Em seguida, os dois tentaram esconder o corpo da vítima com capim.

 

 

 

 

 

 

 

Um Comentário

  1. Angela Maria ramalho disse:

    Um bandido desse, ainda vai sair muito jovem da prisão, isso não vale nada e quando sair vai continuar fazendo o mal, porque caráter ele não tem, o que ele fez sem precisar não vai mudar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


Meses Anteriores

error: Copiando nosso texto?