21
junho

Por 11 votos a 4, projeto que amplia o fornecimento de combustíveis para os gabinetes dos vereadores de Santa Cruz é aprovado


Por 11 votos a 4, os vereadores de Santa Cruz do Capibaribe aprovaram o projeto de lei que amplia o fornecimento de combustíveis para os próprios gabinetes, após Reunião Extraordinária na manhã desta terça-feira (21).

O PL é de autoria da Mesa Diretora, formada pelos vereadores: Capilé da Palestina (PSD), Carlinhos da Cohab (PP) e Augusto Maia (PSB). O outro membro é o vereador Irmão Soares (PSD), que não teve participação no PL.

Atualmente cada vereador pode gastar R$ 1.000,00 por mês em combustíveis em veículos cadastrados na Casa de Lei. O valor foi regulamentado em maio de 2017, pela lei 2.664/2017.

O novo projeto aprovado suprime o valor e coloca o limite de consumo por litro de combustível, fixando o teto em 60 litros por semana para cada parlamentar, podendo totalizar 240 litros mensais.

Com o preço atual da gasolina, a despesa anual da câmara com combustíveis gastos pelos vereadores pode ultrapassar R$ 360 mil. Atualmente, o montante gasto por ano não pode ultrapassar R$ 204 mil, uma diferença de R$ 156 mil por ano.

Veja como votou cada vereador:

Emanuel Ramos – Contra

Rosangela NEGA – Contra

Zeba – Contra

Augusto – Favorável

Nailson Ramos – Favorável

Jessyca Cavalcanti – Favorável

Zé Boi – Favorável

Nego Zé – Favorável

Vando da Sertec – Favorável

Zezin Buxin – Favorável

Carlinhos da Cohab – Favorável

Flavio Pontes – Favorável

Gilson Julião – Favorável

Irmão Soares – Contra

Caetano Motos – Favorável

O vereador Demir da Saúde não esteve presente na reunião por motivos de saúde. O presidente Capilé não vota.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


Meses Anteriores