26
fevereiro

Estão proibidas a realização das cirurgias eletivas em Pernambuco, a partir de segunda-feira (01)


Secretário Estadual de Saúde, André Longo / Foto: Heudes Regis

 

Devido ao agravamento do número de casos de Covid-19, o governo de Pernambuco anunciou ontem (25), a suspensão de cirurgias eletivas em 63 municípios do interior do estado, que fazem parte das novas medidas restritivas.

O cancelamento das cirurgias eletivas em unidades públicas e privadas nas Regências Regionais de Saúde (Geres) Limoeiro e Caruaru, no Agreste, e Ouricuri, no Sertão se deu pela necessidade de desafogar os hospitais nas três regiões, em decorrência dos altos números de casos de coronavírus. A decisão passar a valer a partir desta segunda-feira (1°) e vai até o dia 12 de março.

De acordo com o Secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, as três regiões tiverem uma maior saturação no número de solicitações de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na região de Limoeiro, as 20 vagas de UTI ficaram lotadas em determinados momentos. Em Caruaru, tem 108 leitos de UTI, com 98% de ocupações, mesma porcentagem de Ouricuri, no Sertão.

Ainda segundo André Longo, a estado vai abrir um edital para contratar novos leitos de UTI’s, junto com a rede privada de saúde, além dos mais de 200 novos leitos que foram contratados nesta quinta-feira (25). Em sequência, o secretário informou o lançamento da plataforma Meu Exame, com site https://meuexame.saude.pe.gov.br/, para que a população tenha acesso aos resultados, sem ter a necessidade de ir ao um dos cinco centros de testagens, sob domínio do estado.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?