15
setembro

Em Santa Cruz – Mesa redonda aborda suicídio e traz palestras com psicólogos e psicanalistas     


Fotos: Thonny Hill

Na manhã desta sexta-feira (15) foi realizada, na Câmara de Vereadores de Santa Cruz, uma mesa redonda que discutiu o tema do suicídio. O evento faz parte das iniciativas promovidas pelo chamado “Setembro Amarelo”, mês dedicado a intensificação de políticas que previnam o suicídio, em especial na faixa etária de maior incidência, que está dos 15 aos 29 anos.

Na mesa redonda, estiveram presentes psicólogas, professores, psicanalista, secretários de governo, do vice-prefeito e vereadores, onde o público formado por estudantes de escolas públicas pode ouvir orientações e também relatos sobre como diagnosticar sinais de depressão e também de tendência ao suicídio. As palestras foram proferidas pela psicóloga Dra. Janaína Souza e pelo psicanalista Dr. Geraldo Cordeiro, com apoio e falas também de outras profissionais.

 

 

A iniciativa faz parte de um projeto promovido pela vereadora Jessyca Cavalcanti (PTC) através do projeto “Papo cabeça”, que trará, mensalmente, mesas redondas posteriores com as temáticas “Gravidez na Adolescência” e “O preconceito contra a juventude negra e a população carcerária”.

Em entrevista concedida ao blog, a vereadora falou sobre a importância da discussão da temática do suicídio em Santa Cruz.

“Percebemos que os índices de suicídio são maiores entre as pessoas de 15 a 29 anos e temos que trazer a luz essa discussão. Setembro é o mês estabelecido para conscientização e prevenção e no nosso país, 32 pessoas tiram sua própria vida por dia e em Santa cruz temos muitos casos. Trazer essa discussão é necessária” – pontuou.

Nas palestras foram tratados temas como a automutilação, a falta de atenção maior por parte dos pais, os sinais da depressão e também as doenças de ordem mental. Em Santa Cruz, existem órgãos como o Centro de Apoio Psicossocial (Caps) e também o Cras, que promove encaminhamento a profissionais de saúde de modo a tratar esses males.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


error: Copiando nosso texto?