20
agosto

Corpo de Fernando Aragão é sepultado, em Santa Cruz


Fotos: Alex Lima

Foi enterrado no final da manhã desta quinta-feira (20), o corpo do ex-vereador e empresário Fernando Aragão. O sepultamento aconteceu no Cemitério São Judas Tadeu. O momento foi marcado por muita comoção. O corpo foi seguido por inúmeras pessoas em carros e motos, até o Cemitério. Amigos, políticos, empresários, familiares e vários santa-cruzenses acompanharam o cortejo.

O caixão estava lacrado e não houve velório, seguindo as normas de saúde. Antes de ser enterrado, o corpo do ex-vereador percorreu algumas avenidas da cidade de Santa Cruz até o conhecido Cemitério Velho. Em frente ao Cemitério, o filho dele, Fábio Aragão, emocionado, lamentou, agradeceu a todos e pediu orações para toda família.

“O que me consola, é saber que o meu pai teve um encontro com Jesus Cristo. E que um dia, na ressurreição, eu vou abracá-lo e escutar a voz dele como eu queria.  Eu vou sentir saudade, muita saudade, por que ele era o meu amigo. Não só meu, mas dos meus irmãos. Mais uma vez quero agradecer a Deus. Obrigado, muito obrigado Senhor! Deus me deu, Deus tomou e louvado seja o nome do Senhor. Em segundo lugar eu queria agradecer a todos que estão aqui hoje, muito obrigado! Eu sei que ele amava vocês profundamente, cada um. E eu queria pedir a vocês, continuem orando por nossa família, principalmente pela minha mãe. Não vai ser fácil. Mas Deus está conosco, eu tenho certeza!” – disse Fábio Aragão.

Antes do corpo ser enterrado, houve uma oração, em frente ao Cemitério.

 

José Fernando Arruda Aragão, tinha 69 anos de idade e faleceu por complicações causadas pela Covid-19. No dia 20 de julho, ele foi diagnosticado com a doença e logo em seguida internado no Hospital da Unimed, em Caruaru, onde faleceu. Fernando Aragão era pré-candidato a prefeito de Santa Cruz do Capibaribe.

Um momento dramático da família 

Assim como os outros dois filhos do ex-vereador, Simone Aragão estava muito abalada. Durante todo o cortejo, ela esteve ao lado do carro onde estava o caixão com o seu pai.

Um Comentário

  1. José Rodrigues Sobrinho disse:

    Sentirei saudades de Fernando, também. Fomos colegas de estudos, durante o Curso Ginasial, no Ginásio Santa Cruz, na mesma sala, e fizemos a Festa de Conclusão do Ginásio em Dezembro de 1968, há 52 anos. Vá em Paz, meu conterrâneo e contemporâneo de ginasial! Que DEUS conforte os corações dos seus Familiares e Amigos! Amém! Saudades eternas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?