SAMU de Santa Cruz do Capibaribe recebe capacitação para uso da motolância

 

 

A equipe composta por sete condutores do SAMU regional de Santa Cruz do Capibaribe participou de capacitação para utilizar o sistema de motolância (serviço de atendimento de emergência com motocicleta) que em breve será implantado no município.

 

A capacitação ministrada pelo Primeiro Sargento do Corpo de Bombeiros, Alberto Arruda, que já formou turmas de motolância em cidades da região como Caruaru e Gravatá e socorrista em Belo Jardim, Tacaimbó, Pesqueira, Garanhuns e Jurema. O trabalho consiste em repassar aos alunos conhecimento da parte teórica do serviço de socorro pré-hospitalar e aulas práticas no uso da motocicleta com eficiência e agilidade, dentro do Código Nacional de Trânsito.

 

Segundo Alberto Arruda, além de socorrista, o condutor da motolância precisa ser bom condutor e técnico em enfermagem, pois vai realizar o primeiro contato com a vítima em situação de acidente fazendo a abordagem, as avaliações primária e secundária, a estabilização e preparo para o transporte na viatura, caso seja necessário.

 

 

“A motolância é um serviço profissional e especializado que visa agilizar o socorro, uma vez que a condução vai ser mais rápida, o trajeto vai ser feito em menor tempo e com o atendimento desse profissional, a vítima vai ganhar um tempo resposta bem mais ágil em seu socorro”, frisou o palestrante.

 

O secretário de Saúde Breno Feitoza enfatizou o destravamento de mais um serviço para a população. “Estamos prestando conta de mais um dever cumprido, desde 2009 o município tinha uma moto que nunca tinha sido utilizada nem habilitada junto ao Ministério da Saúde e que, caso não tomássemos as providências, perderíamos a motolância que tem uma função primordial no tempo resposta do atendimento”, ressaltou Breno.

 

“Encontramos uma série de dificuldades, porém conseguimos a liberação para emplacar a moto e hoje com a capacitação, estamos finalizamos esse processo e em breve, além das duas viaturas, teremos mais um equipamento que atenderá a população”, finalizou.


Informações da Assessoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?