24
abril

Exclusivo: Clodoaldo Barros é preso


Fotos: Jabson Nunes.

 

Reportagem atualizada às 13h 15m

O popular Clodoaldo Barros foi preso no início da tarde desta quarta-feira (24). A prisão foi determinada pela Justiça e confirmada ao Blog. Neste momento, Clodoaldo está em poder da Polícia aguardando transferência para o presídio de Santa Cruz.

A prisão de Clodoaldo atendeu a um pedido do Ministério Público considerando como principal fator o descumprimento de medidas judiciais previstas ações em que Clodoaldo é réu.

Clodoaldo responde a vários processos na Justiça por ofensas nas redes sociais a pessoas públicas, entre elas um juiz e dois promotores.

Em outra ação ele é réu por ter atirado ovos em vereadores durante uma sessão na Câmara Municipal.

Nos últimos dias Clodoaldo publicou em suas redes sociais um texto ofensivo a deputada Alessandra Vieira e as filhas do prefeito Edson Vieira, com teor característico de pedofilia.

Clodoaldo foi candidato a prefeito nas eleições de 2016, mas teve o registro impugnado pela Justiça.

 

 

 

Clodoaldo é réu em mais de dez processos e tem duas condenações

 

 

Clodoaldo Barros responde a mais de dez processos judiciais, entre eles um tendo como vítima o juiz Tito Lívio, outro tendo com vítima o promotor de justiça Odir Guerra e oito processos em que o promotor de justiça Iron Miranda foi vítima.

 A Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe também foi alvo de Clodoaldo em 2018, quando o popular invadiu o plenário e atirou ovos contra os vereadores. Na ocasião, Clodoaldo foi preso e afirmou em entrevista que “se tivesse uma arma teria atirado” contra os vereadores. Na época, Clodoaldo foi liberado em audiência de custódia condicionado a não aproximação em 500 metros da Câmara. Nos últimos meses, Clodoaldo descumpriu a decisão por duas vezes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores