27
julho

Final de semana violento (2)


Tiroteio em frente a festa no Clube Ôba-ôba

 

Verdadeiro arsenal foi apreendido em posse dos criminosos. Fotos: Fernando Lagosta.

 

Na madrugada deste sábado (27), por volta das 02h30, em frente ao clube Ôba-ôba, aconteceu mais uma tentativa de homicídio em Santa Cruz do Capibaribe.

 

De acordo com as informações colhidas, tudo começou com uma briga entre dois grupos de adolescentes após a saída do clube onde estava acontecendo à festa.

 

Um dos grupos saiu do local da briga e depois retornou em um veículo modelo Fiat Uno (de cor branca), armados e efetuaram vários disparos aleatoriamente em direção as pessoas que estavam em frente do clube, chegando a atingir o jovem Edvaldo Gomes de Souza, de 18 anos.

 

A vítima, que foi atingida no ombro e não corre risco de morte, foi socorrida para o Hospital Municipal, onde recebeu os primeiros atendimentos. Testemunhas relataram a nossa equipe que Edvaldo não estava envolvido na briga dos dois grupos.

 

A polícia militar foi informada do ocorrido e deu-se início as buscas para capturar os criminosos responsáveis pelos disparos, onde conseguiram interceptar o veículo envolvido na Avenida Pedro Paulo da Rocha, no loteamento São Miguel.

 

Veículo em posse dos criminosos, usado também no tiroteio.

De acordo com o Capitão Sena, da PM, no veículo estavam seis pessoas, entre elas duas mulheres, sendo uma adolescente de 17 anos e quatro homens, um maior e os demais adolescentes, com idades entre 14 e 17 anos.

 

Um verdadeiro arsenal estava de posse das pessoas que estavam no veículo: uma espingarda calibre 12 com vários cartuchos intactos e um deflagrado, e dois revolveres (um calibre 38 e outro 32), com mais de 30 munições, sendo algumas já deflagradas e outras pinadas.

 

Os maiores foram identificados por Wagner José de Oliveira (19 anos; ex-presidiário e que estava solto há menos de 15 dias do presídio Juiz Plácido de Sousa, em Caruaru, depois de cumprir pena por tráfico) e Wanessa Maiara dos Santos Silva (23 anos).

Maiores de idade que foram presos na ocorrência.

 

Todos os envolvidos residem no Bairro do Santo Augustinho e foram conduzidos a na delegacia para as medidas cabíveis.

3 Comentários

  1. Anderson disse:

    É isso aí que a população quer, bandido preso! Blitz na avenida é querer enganar a população que a cidade é segura e tem policiamento. Pena que não serve como tem que servir.

  2. Lucinaldo disse:

    É Triste em ver essas qualidade de pessoas que já saem de um presidio e vem fazer desgraça fora olha o mundo em que estamos vivendo onde um estava pra se recuperar em um Presidio saiu pior do que foi acredito eu!

  3. sandra disse:

    obrigada pela chance que foi dada a Diogo, Edson e Eduardo, é isso aí, os cidadãos de bem não devem mais sair de casa, ou se divertir porque correm o risco de serem assassinados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores