29
janeiro

Resumório – A Coluna do Professor Tenório


​RESUMÓRIO

 

O RETORNO – Janeiro está acabando! Viajar é maravilhoso, mas voltar para casa também é muito bom. Nada se compara ao cheirinho do travesseiro da gente. E a maior prova de amor do santa-cruzense por sua cidade é ficar feliz ao passar por três motéis, um cabaré, um riacho com cheiro de esgoto, uma passagem molhada, vários buracos e ainda assim gostar da chegada. Não é a entrada dos sonhos, mas é o que temos. De vez em quando alguém ressuscita o assunto de um portal na entrada da cidade. O portal já faz companhia ao açude das porteiras e ao distrito industrial como as promessas mais ilusórias e irritantes de nossos políticos em período eleitoral.

A PONTE – Devido ao surto do Corona Vírus, a China construiu um grande hospital em uma semana. Lembrei da Ponte Velha que virou passagem molhada e demorou quase um ano para assinarem o contrato da reforma. Certamente não será a mesma equipe da China que realizará a obra.

TCE – Segunda-feira da semana passada o Tribunal de Contas do Estado mandou umas lembranças para os vereadores de Santa Cruz. Tenho certeza que não era da Cacau Show. Parece que o TCE continuará mandando lembranças, mas isso é assunto para uma outra oportunidade.

RELATÓRIO – No relatório atual do TCE, entre outras coisas, foi detectado problemas no uso de combustíveis e diárias. Questionou-se a desproporcionalidade nos valores do vale alimentação dos vereadores e demais servidores da câmara etc. Só faltou reclamar do tempo que os vereadores dedicam a séries na Netflix. Há quem ficou preocupado e quem ficou tranquilo. Os vereadores notificados estão formulando suas defesas. Uma coisa é certa, se acontecer algum problema com as cisternas de uns dois ou três vereadores, eles podem usar os tanques de seus veículos como reservatório, porque cabem muitos e muitos litros!

SOMENTE NORONHA – O deputado estadual Diogo Moraes esteve em “Noronha” desenvolvendo um belíssimo projeto voltado para a saúde mental. Eu falei apenas Noronha, porque eu soube que tem Taboquinha tão contra a pré-candidatura de Fernando Aragão que só chamam a ilha de Noronha para não ter de falar o nome Fernando. Esse é um seu Lunga da vida.

TEMPO, FOCO E ENERGIA – Se a deputada estadual Alessandra Vieira dedicasse o mesmo tempo, foco e energia que dedica à realização do Baile Municipal ao seu crescimento político, colocaria Edson, Zé e Diogo no bolso em pouquíssimo tempo.  Não deixem de participar da 8ª Edição do Baile Municipal de Santa Cruz do Capibaribe no dia 07-02 e exercitar a solidariedade. 

NOVELA – Nos últimos episódios da eterna novela Taboquinha, nenhuma novidade que mereça destaque. O roteiro segue o mesmo, com discussões em redes sociais, articulação de traições, perspectiva de perdão, sugestas e as velhas e conhecidas peruas. Eu quase ia esquecendo. Teve uma novidade sim, uma proposta mais do que indecente lá na padaria. Tão indecente que pouparei os leitores da indecência. Vai que sobre pra mim um carão tão grande quanto o que Helinho Aragão levou.

A POLÊMICA FOI NO BREJO – Como se já não bastassem as confusões na política de Brejo da Madre de Deus com a desunião da oposição e principalmente da situação, um vereador de Santa Cruz vai e posta vídeos pornográficos num grupo de WhatsApp da política de lá. Se foi engano, se foi hackeado feito Joãozinho Tenório ou foi de propósito não se sabe, pois ele foi removido do grupo e o caso foi naturalmente pouco repercutido. Uma vez até um renomado e querido padre de Santa Cruz passou uma situação constrangedora com postagens indevidas em grupo de WhatsApp. Uma coisa é certa, ter no celular e compartilhar determinados conteúdos não Vale a Pena!

O GRANDE ENCONTRO – E o destaque da união entre Mamão e Boy lá em Jataúba foi a cena do encontro das duas comitivas na rua, com direito a abraço e choro no ombro do recém-amigo. Depois todos vestiram camisas verdes com um coração vermelho. Uma adesão de liderança política é sempre um ótimo cardápio para quem gosta de política. Para quem não gosta, um bom uísque e três bois assados são e lá teve tudo isso e muito mais.

; 

“Não me queiram mal. Apenas pensem nisso, enquanto lhes digo que fica o dito para ser rido.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 




error: Copiando nosso texto?