01
maio

Resumório! – A coluna do professor Tenório


RESUMÓRIO

FERIADO – 1º de maio é feriado e dia da ressaca do Bregaribe e do não empolgante show do senhor Benito di Paula. Se as festas foram boas ou não é muito relativo, só sei que para nossos políticos não foi lá esse mar de rosas.

O BREGA – A história do Bregaribe é marcada por episódios curiosos com nossos políticos, como por exemplo, discurso embriagado e festival de vaias. Ontem foi pedido aplausos. O povo não aplaudiu, mas pelo menos não vaiou. Saíram no lucro.

AVON E BOTICÁRIO – A cidade ontem estava dividida. O povão no Bregaribe e a sociedade no show de Benito di Paula. Parecia os tempos de Avon e Boticário na Pracinha do Estudante. Ruim para os políticos que precisam passar nos dois eventos pra fazer a média, mas poucos fizeram essa peregrinação. Só fazem esforço em ano de eleição mesmo. Eu vi um que ficou sentado da hora que chegou até a hora que saiu, sem passar na mesa de ninguém para um aperto de mão. É a folga do ano de não eleição.

A PRIMEIRA QUEDA – Nos dois últimos Resumórios eu falei sobre quedas. Será que foi um presságio? Pois bem, caiu o primeiro secretário da dinastia Vieira por envolvimento em suposto esquema de corrupção. Depois da repercussão da denúncia do Ministério Público, o gestor de Turismo e Eventos, Cláudio Soares, pediu exoneração da função.

AS NOTAS – Cláudio Soares emitiu algumas notas, mas não disse praticamente nada sobre os fatos da denúncia e, naturalmente, não convenceu aqueles que fazem o julgamento popular, principalmente nas redes sociais. Antigamente, quando se queria dizer nada, era só ficar calado. Hoje quando não se quer falar nada se faz uma nota.

EM ALTA – As investigações do MP indicaram que Maria José da Silva Ferreira, Babá da filha de Cláudio Soares foi usada como laranja. Já se falou muito de polêmica nesse governo envolvendo pessoas que ocupam a função de “babar”. Polêmica com “babá” foi a primeira vez e já causou um estrago grande.

A PATERNIDADE – Depois de vermos muitas brigas por paternidade de obras, essa semana teve disputa pra ver qual vereador era o pai da denúncia citada na investigação do Ministério Púbico, no caso do Gestor de Turismo e Eventos. O sabido pensou que a denúncia era do novato. Quis pegar carona e disse que foi ele, o novato e o vereador do povão que denunciaram. Depois se descobriu que a denúncia foi só do sabido, que nesse caso, acabou dividindo com os outros dois e sendo o besta da história.

A GENTE CRESCE PARA BAIXO – Impressionante o quanto Santa Cruz do Capibaribe se desenvolve e cresce para baixo. Já tivemos pista de pouso de avião, grande parque de vaquejada, cinema, linha de ônibus fazendo o transporte público, ônibus para estudantes universitários e hospital materno infantil. Como a cidade se desenvolveu, já não temos mais. Fora a temporada sem campo municipal e matadouro, mas aí é outra história.

SÃO JOÃO – Pelo menos o São João cresce pra cima, nas atrações e no custo. Vem aí mais um São João da Moda. Conversas de bastidores apontam para manutenção do padrão, mesmo sem Cláudio Soares e com a eterna crise financeira que existe desde o tempo em que eu era criança.

“Não me queiram mal. Apenas pensem nisso, enquanto lhes digo que fica o dito para ser rido.”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores