10
setembro

“O silêncio foi importante para o diálogo acontecer” – disse Helinho Aragão sobre a definição para vice


Na noite desta quinta-feira (10) o pré-candidato a vice-prefeito na chapa de Fábio Aragão (PP), Helinho Aragão (PSB) concedeu entrevista ao Programa Independente, veíuculado diariamente pela fanpage do Santa Cruz Online. Helinho Aragão falou sobre os momentos em que esteve como pré-candidato a prefeito.

“A pré-campanha de prefeito foi muito válida, apesar do êxito que não tivemos, levei ideias para todos os bairros da cidade e discutimos a política pública para ajudar a nossa cidade” – disse.

Ele citou os momentos difíceis até a aceitação de ser confirmado como pré-candidato a vice do grupo.

“Voltando para o momento em que estamos hoje, foi uma discussão dentro do próprio grupo e eu não estava pensando nessa pré-candidatura a vice, pois eu tinha outro foco depois que o PSB confirmou o apoio ao PP, e então preferir o silêncio que foi importante para o diálogo acontecer” – falou.

Na época da pré-campanha quando disputava com Fernando Aragão (in memorian), dentro do grupo Taboquinha haviam discussões para que houvesse uma pesquisa política para decidir quem seria o principal nome do grupo para a disputa. Helinho pontuou que após a morte de Fernando, teve que refletir.

“Infelizmente depois da morte de Fernando, tivemos que repensar e parar com aquelas arestas, até porque o cenário mudou totalmente, e nos unimos e vimos o que é era melhor para o grupo, e se chegou ao nome de Fábio, e quando o convite (para vice) surgiu, fui conversar com a família e amigos. Não adiantava mais a questão da pesquisa, até porque já tínhamos o candidato” – frisou.

Helinho foi questionado sobre a possibilidade de Tallys Maia, aderir ao projeto do pré-candidato a prefeito de situação, Dida de Nan (PSDB).

“Essa questão que ele vai para outro grupo, eu não acredito”

Um Comentário

  1. Fátima disse:

    Tomara que ele não venha para o partido que eu voto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 




error: Copiando nosso texto?