03
outubro

Juiz eleitoral determina pagamento de multa para envolvidos em divulgação de vídeo falso sobre Allan Carneiro


Na quinta-feira (01), o juiz eleitoral Moacir Ribeiro determinou o pagamento de multa no valor de R$ 5 mil para dois envolvidos em divulgação de um suposto vídeo falso sobre o candidato a prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Allan Carneiro.

De acordo com a ação movida pelo até então pré-candidato, o vídeo publicado no dia 24 de setembro foi manipulado e tirado de contexto de uma entrevista em que o político afirma que não é verdadeira a intenção de construir um muro para separar o Moda Center do Calçadão Miguel Arraes de Alencar.

“[corte] Na época a intenção de construir um muro que separasse o Moda Center do Calçadão [corte] o funcionário revoltado com a situação teria usado as próprias mãos para derrubar a mureta [corte]”, cita a ação sobre os cortes feitos no vídeo compartilhado.

Em primeira liminar foi determinado a retirada do vídeo das redes sociais dos dois envolvidos, “por suposta prática de propaganda eleitoral antecipada negativa”. Após os trâmites, foi determinado o pagamento de multa de R$ 5 mil para cada um dos envolvidos, com o prazo de 30 dias para pagamento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


error: Copiando nosso texto?