08
junho

Jason Lagos fala sobre pesquisa polêmica, fatos históricos, e avalia governos Bolsonaro e Fábio Aragão na estreia do quadro Olho no Olho


Estreou na noite desta terça-feira (08) durante o Programa Independente, o novo quadro Olho no Olho, com apresentação de Ney Lima e entrevistou Jason Lagos, que é diretor da rádio Comunidade FM e atual secretário municipal de articulação da prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe.

Durante a sua participação, Jason Lagos foi questionado sobre a diferença entre o jornal impresso e a mídia digital da atualidade. Ele também deu detalhes sobre informações publicadas na época em que estava a frente do jornal Tribuna Popular.

“O trabalho no impresso era uma verdadeira aventura e contava com um custo muito alto, e a informação teria que ser trabalhada com mais cuidado (…) Hoje em dia, infelizmente temos a notícia com muito mais celeridade e menos mais profundidade do que o impresso” – disse.

Jason Lagos falou sobre o futuro do rádio e citou emissoras atuais que estão conseguindo interagir através da internet.

“Eu não acredito que o meio rádio, desde que ele saiba trabalhar atrelado também ao mundo virtual, eu não acredito que ele perca relevância. Quem demorar para entender isso, vai ficar para trás sem dúvidas nenhuma” – completou.

Ele falou sobre alguns fatos históricos que tiveram cobertura através da Rádio Comunidade FM, entre eles, no ano de 2004 algumas enchentes preocuparam a população de Santa Cruz e a emissora serviu para orientar.

“Muitos ficaram sobre as barragens por celular dando informações do nível de água que tava acontecendo, os perigos que poderiam advir com um eventual rompimento daquela barragem” – falou.

Jason falou sobre pesquisas divulgadas pela emissora nas eleições municipais de 2012, e revelou que os números apresentados na época teriam deixados “arranhões para a imagem da rádio”, e frisou que a pesquisa não foi contratada diretamente pela emissora, mas sim por um político, “prometendo que o instituto era sério e idôneo” – disse.

Ele comentou sobre a atual situação do Governo Bolsonaro em relação a economia e enfrentamento a Covid-19, entre outros pontos. Jason também avaliou os primeiros meses do Governo Fábio Aragão (PP) a frente da prefeitura municipal.

Confira a entrevista na íntegra clicando abaixo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?