15
setembro

Entrevista Estúdio 1 – Senador Humberto Costa


Denúncias contra Lula e possível reaproximação PT/PSB em Pernambuco, em pauta

 

Fotos: Arquivo Blog do Ney Lima.

Na manhã desta sexta-feira (15), o entrevistado do programa ‘Estúdio 1’ da Rádio Polo FM, foi o senador Humberto Costa (PT). O pernambucano falou sobre o momento conturbado politicamente da capital federal, denúncias envolvendo o ex-presidente Lula, que segue como pré-candidato para as próximas eleições, bem como as articulações do Partido dos Trabalhadores no estado.

Apenas ‘Plano A’

O ex-presidente Lula segue como único plano do partido para o pleito eleitoral do próximo ano. Esse é o entendimento seguido por Humberto.

“Não há razões, ao menos por enquanto, para mudar esse objetivo. Entendemos que Lula não é culpado de nada e tem sido vítima de uma perseguição. Será feito justiça e ele será candidato”, diz.

O senador exalta qualidades de Ciro Gomes (PDT), visto por alguns como possível nome, caso Lula não consiga disputar o pleito. No entanto, entende que o ‘temperamento’ do ex-ministro dificulta em algumas situações.

Aliança PT/PSB?

Humberto Costa considera difícil uma reaproximação das siglas que compuseram a Frente Popular de Pernambuco, nas duas eleições vitoriosas de Eduardo Campos para o governo do estado. Ele relembra que o PSB lançou nome para prefeitura do Recife em 2012, momento conturbado do PT, desaproximando as legendas, algo que se evidenciou ainda mais nos pleitos subsequentes.

Mesmo com a convergência de ideias, quando diz respeito à oposição ao governo Michel Temer (PMDB) e contra reformas que tramitam no Congresso Nacional, o petista pondera que talvez não exista “ambiente nem tempo para um entendimento”, entre as parte, até 2018.

Candidatura própria

Evitando falar em nomes, Humberto também ratifica que a intenção do PT é ter candidatura própria próximo ano, disputando o governo do estado. A ideia tem sido frisada por vários integrantes da legenda, em Pernambuco.

Confira a participação, na íntegra.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


error: Copiando nosso texto?