03
agosto

Carlinhos da Cohab oferece sigilo bancário e pede que críticos façam o mesmo


Fotos: Janielson Santos.

Um dos momentos de maior exaltação, durante sessão ordinária na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, nessa quinta-feira (03), aconteceu durante o discurso do vereador Carlinhos da Cohab (PTB). Ele fez críticas a quem classificou de ‘riquinhos da moralidade’.

O petebista disse respeitar o protesto realizado na Câmara, mas não gostou do uso da palavra ‘honestidade’, escrita em uma das cestas básicas levadas por manifestantes.

“Colocaram as cestas básicas e eu respeito. Mas uma chamou atenção, ‘honestidade’. Tem muitos ‘riquinhos da moralidade’ querendo jogar que essa casa não é honesta. Uma pessoa que não é honesta é ladrão, para bom entender meio palavra basta”, falou.

Carlinhos disse que ‘as mesmas pessoas que fizeram críticas, em redes sociais, são os mesmo que administram o Moda Center, mas não realizaram prestação de contas’.

O vereador disse ainda que fazia questão de disponibilizar seu sigilo bancário e desafiou que o outro lado fizesse o mesmo.

Presente na sessão, Valmir Ribeiro, mesmo sem ser citado nominalmente, chegou a se levantar pedindo direito de resposta, se sentindo prejudicado. O pedido foi negado pelo presidente, Zé Minhoca (PSDB).

O presidente explicou que, de acordo com o regimento interno da Casa, para uso da tribuna, populares precisam fazer o pedido com 48h de antecedência. O empresário deve ter o direito na próxima reunião.

Mais desafios

O vereador Deomedes Brito (PT) aproveitou para reforçar o desafio proposto pelo colega de bancada.

“Desafio também essa pessoa, esse cidadão, a abrir tudo. Tem pessoas que pensam que a gente é moleque, mas somos homens, temos família e tem que respeitar o cidadão de bem”, falou.

Valmir nega que tenha tentando atingir a honra de qualquer parlamentar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


Meses Anteriores

error: Copiando nosso texto?