25
novembro

Augusto Maia e Carlinhos da Cohab detalham os bastidores do grupo Taboquinha que resultaram na vitória de Fábio Aragão


Fotos: Elivaldo Araújo.

Os vereadores reeleitos de Santa Cruz do Capibaribe, Augusto Maia (PSB) e Carlinhos da Cohab (PP), participaram na noite desta quarta-feira (25) do Programa Independente, veiculado diariamente pelo portal Santa Cruz Online.

Eles comentaram sobre os bastidores do grupo Taboquinha, em torno da definição para se chegar ao principal nome do grupo para disputar a eleição municipal deste ano, entre outros assuntos.

Durante a entrevista, Augusto Maia afirmou que a proibição de atos políticos com aglomerações por parte do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), teria afetada a campanha do então candidato Fábio Aragão (PP).

“Aquela parada foi ruim para Fábio, bom para Allan e péssima para Dida” – disse Augusto.

Carlinhos da Cohab afirmou que a votação nas urnas da zona rural teria sido determinante na vitória de Fábio.

“Teve um momento em que Allan abriu uma frente de 300 votos, mas eu acreditava que quando abrisse as urnas de Poço Fundo, a gente iria passar. Aí veio as urnas do Pará, foi quando Fábio encostou, entraram as de Cacimba de Baixo, e quando veio as Poço Fundo aconteceu a virada, e que deu a vitória de quase 400 votos de Fábio para Allan” – avaliou Carlinhos.

Carlinhos e Augusto analisaram a votação entre os vereadores do grupo Taboquinha, além da situação de Ernesto Maia (PC do B), que no final da campanha política se aliou ao grupo liderado pelo prefeito Edson Vieira (PSDB) e apoiou o projeto eleitoral de Dida de Nan (PSDB).

“A imagem de Ernesto ficou marcada como uma pessoa que bateu, bateu, bateu, e de última hora se aliou a quem ele tanto criticava, e isso abalou a sua história política” – frisou Augusto.

“Ernesto foi um bom vereador na Câmara, mas cuspiu no prato que comeu. Fez várias denúncias contra Edson Vieira e depois foi pra lá” – afirmou Carlinhos.

Confira a entrevista completa abaixo:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?