07
agosto

Paulo Câmara autoriza a produção do projeto executivo para a duplicação da PE-90


Segundo o governador, a duplicação será de Surubim até o entroncamento em Toritama

Paulo Câmara autoriza a produção do projeto executivo para duplicação da PE-90. Foto: Arquivo.

Através de sua fanpage no Facebook, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) revelou a autorização da produção do projeto executivo para a duplicação da PE-90. A obra terá 42,6 km de extensão e beneficiará seis municípios da região: Surubim, Santa Maria do Cambucá, Frei Miguelinho, Vertentes, Taquaritinga do Norte e Toritama.

Segundo o gestor estadual, ao todo, serão cerca de 200 mil pernambucanos beneficiados e o projeto executivo terá um investimento em torno de R$ 7,8 milhões. Além dessa obra, a PE-84 também vai ganhar pavimentação e restauração de 8,4 quilômetros. O trecho tem início no entroncamento com a PE-89, em Machados, e vai até o entroncamento com a PE-86, em Orobó, beneficiando 40 mil pessoas.

Foto: Elivaldo Araújo (Arquivo).

Paulo Câmara destacou a importância das obras para o estado de Pernambuco.

“Essas duas vias complementam um conjunto de obras de infraestrutura viária urbana que estão no planejamento para este ano. Os projetos estão sendo bem elaborados e, em breve, já começam as obras. São empreendimentos que vão fortalecer e estimular o comércio de seu entorno, além de garantir o ir e vir das pessoas com mais segurança e conforto” – avaliou.

Um Comentário

  1. Micael MT disse:

    Certamente esta duplicação na PE-90, será para facilitar futuramente o fluxo de veículos para o SURUBIM MODA CENTER…. Pergunto: Será que Valmir e Allan vão protestar porque a duplicação da BR 104(Toritama/Pão de Açúcar) e a PE – 160 ainda não saíram do papel??? Pense numa potência estas entidades Ascap, Ascont, CDL, Moda Center… em defesa do pólo… Pense numa força este tal facebook…. Será que foi uma retaliação do protesto de Allan….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 


error: Copiando nosso texto?