07
abril

MPPE faz recomendações para supermercados, padarias e estabelecimentos de produtos alimentícios


Para evitar a disseminação da COVID-19 (novo coronavírus), no estado de Pernambuco, o Ministério Público do Estado (MPPE) estabeleceu algumas recomendações para supermercados e padarias, para que cumpram rigorosamente todas as normas sanitárias de controle de qualidade e segurança dos alimentos.

Segundo o MPPE, os estabelecimentos terão que providenciar a colocação de um tapete sanitário na entrada do estabelecimento com sanitizantes (desinfetantes) e com a troca ou reposição dos produtos a cada 2 horas. Disponibilizar a presença de álcool gel 70% na porta de entrada dos estabelecimentos, assegurando que os consumidores ao adentrarem nas áreas internas estejam com as mãos devidamente higienizadas.

Que os balcões dos caixas sejam continuamente higienizados por profissionais devidamente capacitados e protegidos por equipamentos de proteção individual, dentre eles máscaras de proteção e luvas descartáveis; que funcionários se mantenham afastados no mínimo 2 metros do cliente na hora do atendimento; e que haja a higienização contínua das maquinetas de cartões de crédito, antes e depois de sua utilização..

Disponibilizar em cada corredor dos estabelecimentos e no local de seleção de produtos hortifrutigranjeiros recipientes de álcool gel 70%, permitindo que os consumidores higienizem as mãos a qualquer momento.

O MPPE ainda recomenda que a área de preparação dos alimentos deve ser higienizada quantas vezes forem necessárias e imediatamente após o término do trabalho; colocação de sabonete líquido, álcool gel e papel toalha nas áreas de fatiamento de frios.

O MPPE solicita ao PROCON-PE que fiscalizem de forma presencial o cumprimento da recomendação por parte dos supermercados, padarias e outros estabelecimentos de produtos alimentícios, e que encaminhe relatório no prazo de dez dias.

Confira no link abaixo todas as recomendações:

RECOMENDAÇÃO

Um Comentário

  1. Elaine Rejane Lima Rodrigues disse:

    Quero sabe o contato do Procon, e se eles vem nas cidade do interio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?