Foto: Crédito/Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

 

A Prefeitura Santa Cruz do Capibaribe, por meio do Procon municipal multou duas agências bancárias nesta quarta-feira (24), na Operação Fila Zero.

De acordo com a assessoria da Prefeitura, as multas foram destinadas as duas agências da Caixa Econômica Federal e uma agência dos Correios. A decisão foi tomada pelo não cumprimento de solicitações quanto ao tempo de espera nas filas.

A Lei Municipal n°1.69/2005 delimita um tempo de atendimento, de até vinte minutos em dias normais; até trinta minutos nos dias de pagamento, dia de vencimento de cotas de concessionárias, de tributos e em véspera ou pós feriados prolongados e nos dias de feiras, segundas e terças-feiras.

Lei Municipal

As agências e os Correios foram multadas no valor de R$5.431,00, cada uma das agências. Em caso de descumprimento, após as notificações, podem ser multadas novamente, podendo, ter o alvará de funcionamento suspenso.

Imagem de arquivo de Santa Cruz do Capibaribe

 

Nesta quarta-feira (24), foi publicado no Diário Oficial do Estado, o decreto com as novas restrições e medidas preventivas contra o Covid-19, em Santa Cruz do Capibaribe, Toritama, Taquaritinga do Norte, Jataúba, Brejo da Madre de Deus e mais 58 municípios do Agreste e Sertão de Pernambuco.

A decisão foi tomada por causa da lotação das unidades de saúde, com mais de 90% dos leitos ocupados, em três regiões do estado que terão apenas os serviços essenciais funcionando das 5h às 20h de segunda a sexta-feira, e nos fins de semana das 5h às 17h.

A medita entra em vigor na sexta-feira (26)

Segue abaixo os estabelecimentos autorizados a funcionar:

  • Serviços públicos municipais, estaduais e federais, inclusive os outorgados ou delegados, nos âmbitos dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, dos Ministérios Públicos e dos Tribunais de Contas;
  • Farmácias e estabelecimentos de venda de produtos médico-hospitalares;
  • Postos de gasolina;
  • Serviços essenciais à saúde, como médicos, clínicas, hospitais, laboratórios e demais estabelecimentos relacionados à prestação de serviços na área de saúde, observados os termos de portaria ou outras normas regulamentares editadas pelo Secretário Estadual de Saúde;
  • Serviços de abastecimento de água, gás e demais combustíveis, saneamento, coleta de lixo, energia, telecomunicações e internet;
  • Clínicas e os hospitais veterinários e assistência a animais;
  • Serviços funerários;
  • Hotéis e pousadas, incluídos os restaurantes e afins, localizados em suas dependências, com atendimento restrito aos hóspedes;
  • Serviços de manutenção predial e prevenção de incêndio;
  • Serviços de transporte, armazenamento de mercadorias e centrais de distribuição, para assegurar a regular atividade dos estabelecimentos cujo funcionamento não esteja suspenso;
  • Estabelecimentos industriais e logísticos, bem como os serviços de transporte, armazenamento e distribuição de seus insumos, equipamentos e produtos;
  • Oficinas de manutenção e conserto de máquinas e equipamentos para indústrias e atividades essenciais previstas neste Decreto, veículos leves e pesados e, em relação a estes, a comercialização e serviços associados de peças e pneumáticos;
  • Restaurantes, lanchonetes e similares, por meio de entrega a domicílio e para atendimento presencial exclusivo a caminhoneiros, sem aglomeração;
  • Serviços de auxílio, cuidado e atenção a idosos, pessoas com deficiência ou dificuldade de locomoção e do grupo de risco, realizados em domicílio ou em instituições destinadas a esse fim;
  • Serviços de segurança, limpeza, vigilância, portaria e zeladoria em estabelecimentos públicos e privados, condomínios, entidades associativas e similares;
  • Imprensa;
  • Serviços de assistência social e atendimento à população em estado de vulnerabilidade;
  • Transporte coletivo de passageiros, devendo observar normas complementares editadas pela autoridade que regulamenta o setor;
  • Supermercados, padarias, mercados, lojas de conveniência e demais estabelecimentos voltados ao abastecimento alimentar da população

Foto de arquivo do Moda Center, em Santa Cruz do Capibaribe.

 

As Feiras de Caruaru, Toritama e Santa Cruz do Capibaribe, que fazem parte do Polo de Confecção do Agreste vão sofrer alterações nos horários, a partir das próximas semanas. As medidas estão sendo tomadas por causa do alto números de casos de coronavírus, no Agreste e no Sertão.

A decisão foi tomada por causa da lotação das unidades de saúde, com mais de 90% dos leitos ocupados.

O governo de estadual determinou a proibição de atividades econômica, das 20h às 05h em 63 cidades de Pernambuco. A medida entra em vigor na sexta-feira (26) até o dia 10 de março.

Em Santa Cruz do Capibaribe, os administradores do Moda Center e do Calçadão Miguel Arraes irão se reunir nesta quarta-feira (24) para definir as estratégias que serão adotadas.

Em Toritama, a Feira do Jeans, teve o horário alterado, e vai acontecer de 8h às 17h, nos domingos, enquanto durarem as restrições.

Em Caruaru, o horário da Feira da Sulanca ainda não foi definido. Os representantes da Prefeitura estão em reunião.

 

 

Imagem: Crédito NE10 Interior

 

O número da casos do Covid-19 em Pernambuco estão em alta, desde o final de dezembro de 2020, sendo que municípios do Agreste estão entres os de maiores altas taxas de contágio. Os dados foram informados em uma entrevista ao programa Povo na TV, da TV Jornal Interior, afiliada ao SBT, pelo pesquisador do Instituto para Redução de Riscos e Desastres de Pernambuco da UFRPE (IRRDD) Jones Albuquerque.

Os dados mostram que a tendência de crescimento da doença é registrada a partir de 31 de dezembro, após as festa de fim de ano, e recentemente o Carnaval.

O secretário de Saúde de Caruaru, Breno Feitoza, já havia confirmado que a nova variante do Covid-19 estaria circulando no Agreste. O pesquisador relatou que outras mutações podem estar em circulação no interior.

Ainda de acordo com Jones Albuquerque, entre os municípios do interior do estado, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e Garanhuns estão com alto risco de contágio. Ele reforça que é importante continuar com as medidas de isolamento social, além do uso dos equipamentos necessários, como álcool gel e máscaras.

 

 

 

 

 

Neste ano, as contas de luz devem ter um aumento de 13%, segundo Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O aumento médio deste ano deve ser maior desde 2018.

Entretanto, o percentual pode diminuir e cair para 8% com a devolução aos consumidores de uma parte dos R$ 50 bilhões em impostos cobrados a mais nas contas de energia nos últimos anos. Mesmo assim, o aumento será maior desde o ano de 2018, quando a alta da média foi de 15%.

As conversas entre a Aneel e o Ministério da Economia já começaram para fazer a devolução do dinheiro já a partir desde ano, visto que ajudaria a aliviar o aumento nas contas de luz do consumidor.

Conta de luz cara? Segue a motivação.

O aumento da conta de energia em 2021, é causado por vários fatores, sendo um dos principais é a alta do dólar, já que usinas são cotadas nesta moeda, o que eleva os preços; o uso de usinas termelétricas, que geram mais cara, além do déficit das bandeiras tarifárias que aplicam as cobranças extras nas contas, que esteve suspensa por alguns meses em 2020, arrecardando menos que o necessário.

Foto: Jota Lima

 

Na manhã desta terça-feira (23), uma equipe da Guarda Civil Municipal (GCM) apreendeu uma arma de fogo, em Santa Cruz do Capibaribe.

De acordo com a GCM, a arma apreendida teria sido utilizada por um casal em um assalto a uma lanchonete, na rua Manoel Sobrinho, no bairro Dona Lica, na noite do último domingo (21).

O casal roubou as vítimas e fez um disparo em direção a uma pessoa que reagiu. Após o crime, o suspeito em fuga, escondeu o revólver calibre 38 em um terreno baldio, sendo encontrado pela GCM, e encaminhado para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil.

Foto: Divulgação Agência Brasil

 

O governo federal ampliou para 5,3 milhões, o número de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para participar de um projeto piloto que permite realizar a prova de vida anual por meio de um aplicativo de celular.

A prova de vida digital é feita por biometria facial e dispensa o comparecimento presencial ao banco. O projeto piloto foi lançado em agosto de 2020 e ampliado nesta terça-feira (23). Os acessos estão sendo liberados gradativamente, e para realizar o procedimento, são usadas bases de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Através do aplicativo MeuGov.Br, pode ser feito a prova de vida, como também a ferramenta pode ser baixada em celulares com sistema operacional Android ou iOS.

Os beneficiários serão notificados via SMS e e-mail.

Desde março do ano passado, a exigência anual da prova de vida presencial está suspensa, devida ao Covid-19, e desde estão, a obrigatoriedade vem sendo prorrogada.

O INSS informou que o segurado que não fizer o procedimento digital não terá o benefício cortado.

Reunião entre SENAI e Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), em parceria com a Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe iniciam as matrículas para o curso de Manutenção de Motocicletas.

As aulas começam no próximo dia 15 de março, em uma carreta do SENAI, que ficará localizada em frente a Escola Municipal Ivone Gonçalves, na Avenida 29 de dezembro.

Para ter acesso as informações das matrículas, o contato divulgado pela instituição é 0800 600 9606.

 

 

 

Publicado nesta terça-feira (23), um decreto assassinado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que obriga postos de gasolina a detalhem aos consumidores o valores dos impostos que resultam no preço final do combustível automotivos. A obrigatoriedade passar a valer em 30 dias, após publicação no Diário Oficial da União(DOU).

Os estabelecimentos comerciais deverão exibir as informações do valor de cobranças do ICMS, valor do ICMS, valor do PIS/Cofins, e valor da Cide em painéis visíveis aos clientes.

Além disso, os postos devem divulgar os preços reais e os promocionais dos combustíveis concedidos por meio de aplicativos de fidelidade.

Aumento

Na quinta-feira (18) passada, houve um aumento de 15.2% no valor do diesel e de 10,2% na gasolina. Sendo o quarto reajuste da gasolina e o terceiro do diesel em menos de dois meses.

Foto: Paulo Viana

Uma equipe da Guarda Civil Municipal, em conjunto com o efetivo do 24° Batalhão da Polícia Militar (BPM) estavam realizando uma operação no Sítio São Miguel, na zona rural de Taquaritinga do Norte, quando avistaram um homem em atitudes suspeitas. Ao ser feito a abordagem e a revista pessoal, foi encontrado dois big-bigs de maconha.

O suspeito de 36 anos informou que ao lado da residência que mora tinha mais drogas. No local, foi localizado enterrado  27, totalizando 29 big-bigs de maconha. O homem foi conduzido a Delegacia de Plantão da Polícia Civil, em Santa Cruz do Capibaribe, onde foi ouvido, autuado e apresentado a audiência de custódia.

 

Imagem retirada da internet

 

Sexta-feira (19), completou um mês do início da vacinação contra a Covid-19 em Santa Cruz do Capibaribe. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, até esta segunda-feira (22), 1.321 doses foram aplicadas.
Dentre os vacinados estão profissionais de saúde, do setor público e privado, maiores de 60 anos, além de idosos institucionalizados, idosos acima de 85 anos e profissionais do Lar do Idoso Santa Cruz.

A Prefeitura reforçou que a desde a última sexta-feira (19), as funerárias do município podem enviar a listagem dos profissionais, que realizam o serviço de manuseio de cadáver confirmado ou suspeito da Sindrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), para a secretaria de Saúde realizar o cadastro e posteriormente a convocação para a vacinação.
Os documentos necessários para o cadastro são a carteira de identidade, CPF e comprovante de vínculo profissional com a funerária responsável pelo envio das informações. Dúvidas podem ser tiradas através do (81) 9.8932-2182.

De acordo com os último dados, divulgado no dia 17 de fevereiro, o município contabiliza 10.957 casos notificados, 4.152 confirmados da doença, 84 óbitos, além de 6.808 casos descartados. Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, 3.820 pessoas estão recuperadas da Covid-19. Os novos dados devem ser divulgados no decorrer da semana.

 

 

 

 

 

 

Imagem ilustrativa

 

A Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, através da Secretária de Educação abriu, nesta segunda-feira (22), as inscrições para o cursinho pré-vestibular aos estudantes que desejam estar preparados para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

O estudante para garantir a vaga, deve ir a Secretaria de Educação, na Avenida 29 de Dezembro, n° 79, no Centro, entre os dias 22 de fevereiro e 05 de março, das 08h às 13h.

Os documentos necessários são: cópias de certidão de nascimento ou casamento; cópia de RG, CPF, título de eleitor; comprovante de quitação eleitoral; cópia de reservista(homens), cópia do comprovante de residência, cópia do histórico escola do ensino médio, além de uma foto 3×4.

Ainda não foi informado a data de início das aulas do cursinho pré-vestibular.

Notícias Anteriores


 

error: Copiando nosso texto?