30
setembro

Condôminos do Moda Center recebem vacinação contra o sarampo


Nesta segunda-feira (30) foi realizado, no Moda Center Santa Cruz, o primeiro dia da ação de vacinação contra o sarampo. A iniciativa aconteceu em parceria com a prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, juntamente com o Governo de Pernambuco, tendo como foco a imunização de condôminos do maior centro atacadista de confecções do país.O ponto de vacinação foi instalado entre os setores Amarelo e Branco do parque.

Durante todo o dia, equipes do Moda Center, da Secretaria Municipal de Saúde e técnicos de enfermagem do Centro de Ensino Superior Santa Cruz (CESAC) realizaram a imunização. Após a triagem para conferência da idade, já que a vacina pode ser administrada em pessoas até 49 anos, a vacinação acontecia em menos de um minuto.

Os condôminos destacaram a importância dessa campanha ocorrida no Moda Center. “É muito importante, pois ajuda a prevenir essa doença, que é muito perigosa. É muito bom e só temos a agradecer ao Moda Center e a todos que estão participando desse trabalho”, destacou Jobson Inácio de Araújo.

“A campanha é muito válida. Muitas vezes, não temos tempo durante a semana e aqui podemos deixar uma pessoa no box, nos deslocar rapidinho, tomar essa vacina e nos prevenirmos dessa doença. Por termos muitos visitantes aqui, alguém pode acabar transmitindo sem querer o sarampo e temos que eliminar qualquer risco”, comentou Joseílson Ferreira da Silva.

Para esta primeira etapa da campanha foram destinadas 2.500 doses ao Moda Center. A ação segue pelas próximas quatro semanas, até o fim de outubro, todas as segundas e terças-feiras, dias de feira no centro atacadista de confecções. A meta é que até 10 mil pessoas sejam imunizadas. Amanhã (1°/10), a vacinação tem início às 8h e segue até às 13h, no mesmo local.

QUEM PODE SE VACINAR – De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação estará disponível para as faixas etárias recomendadas:

– Até 29 anos: duas doses, sendo a primeira na campanha e outra, de reforço, trinta dias depois, podendo esta ser aplicada em qualquer posto de saúde.

– De 30 a 49 anos: a dose única.

No ato da vacinação, deve ser levado algum documento de identificação, de modo a que a idade de quem deseja se vacinar seja confirmada. A vacina não será aplicada em quem não estiver com algum documento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores