14
setembro

Lava Jato – Pedro Corrêa tem pena aumentada para quase 30 anos de prisão


O ex-deputado federal Pedro Corrêa (PP, foto) teve sua pena condenatória pela participação no escândalo da Lava Jato (que apura o grande esquema de propinas com dinheiro vindo da Petrobrás) aumentada para 29 anos, cinco meses e 10 dias de prisão.

O mesmo já havia sido condenado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro a uma pena superior a 20 anos de cadeia, mas recorreu da decisão da Justiça. A informação sobre o aumento da pena foi confirmada na última quarta-feira (13) onde o ex-deputado de Brejo da Madre de Deus teria recebido, de acordo com as investigações, mais de R$ 11 milhões do esquema de corrupção.

Um fato que chama a atenção é que as propinas, de acordo com as denúncias, teriam sido recebidas também quando ele estava cumprindo pena de sete anos e dois meses de prisão pela condenação no famoso escândalo do Mensalão.

O ex-deputado já havia recebido várias multas que somam R$ 2.248.530,00 (dois milhões, duzentos e quarenta e oito mil e quinhentos e trinta reais), tendo bens bloqueados. Pedro Corrêa também negocia o acordo de delação premiada com a Justiça.

O julgamento foi feito pela A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Notícias Anteriores