03
maio

Fernando Monteiro propõe modelo de cooperação para ativar agência do INSS em Santa Cruz


Fotos: Juana Carvalho

O deputado federal Fernando Monteiro (PP) esteve nesta sexta-feira (03), em Santa Cruz do Capibaribe. Ele participou de uma audiência pública na Câmara de Vereadores sobre a ativação da agência do INSS no município e também do programa Rádio Debate na Polo FM.

Em relação ao INSS, atualmente, a população da região precisa se deslocar até Caruaru para atendimento, mesmo com um espaço físico pronto há mais de dois anos. De acordo com Fernando Monteiro, faltam funcionários na agência local por conta de decreto que proíbe concurso público para o preenchimento de novas vagas.

Para resolver a demanda urgente, o deputado propôs a criação de modelo de cooperação com funcionários da prefeitura e da Câmara de Vereadores. Para isso, o deputado federal conversou com o superintendente regional do INSS, Marcos de Brito, que concordou com a viabilidade da proposta.

“Agora é levar isso para discussão na superintendência do órgão em Brasília e possibilitar isso juridicamente. Obtivemos sucesso, com outro modelo, na abertura de uma agência do INSS em Panelas, foi um compromisso meu assumido e cumprido. Não faço promessas, eu trabalho para que necessidades urgentes sejam sanadas e foi isso que comecei hoje em Santa Cruz. Não vou medir esforços para voltar com esta demanda atendida” – atestou o deputado federal.   

Sobre a Reforma da Previdência, o deputado enfatizou ser contra o atual modelo de reforma da Previdência nos moldes em que ainda se apresenta. Segundo Fernando Monteiro, “enquanto a proposta penalizar as minorias, como os trabalhadores rurais, ela não passará. É preciso mais diálogo”, afirmou.

Ainda de acordo com o parlamentar, outro ponto que precisa ser rebatido é a ausência de propostas para o Nordeste.

“Não descansarei enquanto não tivermos um olhar mais atento para as necessidades de nossa região, tão rica em potencial econômico e que tem muito mais a contribuir pelo nosso País, mas isso requer empenho”, avalia Fernando Monteiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores