31
agosto

A culpa é de quem? Uma reflexão sobre a violência em Santa Cruz


Foto: Janielson Santos.

A violência desenfreada em Santa Cruz do Capibaribe é constatada em número oficiais da Secretaria de Defesa Social (SDS), que apontou no seu último ranking, a cidade como líder em roubos e furtos no estado de Pernambuco, proporcionalmente.

Além disso, o número de homicídios e demais crimes deixa a população em constante alerta.

Fazendo uso da tribuna, durante a 5º Sessão Ordinária desse semestre, nesta quinta-feira (31), a vereadora Jéssyca Cavalcanti (PTC) tentou expressar o quanto a violência urbana, em geral, é complexa.

“Uma cidade que tem um jovem de 14 anos, executado na mesa de um bar, está doente”, disse em referência a um dos últimos homicídio praticados na cidade.

Ela questiona, onde estavam os pais do adolescente, Conselho Tutelar, Ministério Público, Juiz da Vara da Infância e até mesmo os próprios vereadores.

Para ela, existe, em tudo isso, ‘uma grande indiferença da sociedade e uma tentativa de sempre jogar a responsabilidade para o outro’.

“É necessário ter posturas diferentes e cada um trazer para si, as responsabilidades que lhe competem”, ratificou.

Um Comentário

  1. Gilson Santos silva disse:

    Enquanto nossos gestores estiverem preocupados apenas em criar leis para encherem os próprios bolsos..essas cenas serão corriqueiras!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores