20
setembro

Abastecimento de água é tema de reunião entre Prefeitura de Santa Cruz e Compesa


Com o intuito de garantir água em repartições públicas (escolas, postos de saúde, secretarias, hospital, entre outros), Edson Vieira, prefeito de Santa Cruz do Capibaribe esteve reunido na manhã desta sexta-feira (20), com a diretoria regional da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento) de Santa Cruz do Capibaribe.

O encontro aconteceu na sala de reuniões do poder executivo e contou com a presença de Alessandra Vieira, deputada estadual, Dida de Nan, vice-prefeito, dos vereadores Zé Minhoca, Zezim Buxim, Irmão Val e Jessyca Cavalcanti e representantes das secretarias de Saúde, Educação, Desenvolvimento Urbano, Governo e Desenvolvimento Social.

O prefeito Edson Vieira falou sobre o balanço do encontro. “Tivemos a garantia da Compesa que a manutenção de água para os prédios públicos (escolas, postos de saúde e hospital) vai continuar e que não será preciso fechar nenhum serviço por falta d’água. Reafirmamos nosso compromisso em trabalhar em união com a Compesa e outros órgãos públicos, pois nosso intuito é beneficiar toda a cidade de Santa Cruz do Capibaribe”, destacou o prefeito.

“Estamos passando por uma situação complicada, após o colapso da barragem de Tabocas, consequentemente, a redução no abastecimento de água que chega à cidade. A gente fez um planejamento nesta reunião, para corrigir alguns pontos da logística e distribuição. A reunião foi positiva, pois vamos tentar amenizar da melhor forma possível, o sofrimento por falta de água da população”, contou Bruno Adelino, Gerente Regional da Compesa em Santa Cruz do Capibaribe.

Na oportunidade foram debatidos também os dias em que a população de Santa Cruz vai ter abastecimento e de acordo os membros da Compesa, vai chegar água apenas uma vez por mês, isso em quatro localidades da Capital da Moda em forma de ciclos. Os bairros contemplados são o Centro, São Cristóvão, Bairro Novo e São Miguel, este último com direcionamento para Moda Center e UPA 24 horas.

A Compesa também informou que as contas dos clientes que não serão atendidos pela rede de distribuição de água vão ser suspensas a partir da conta de setembro.

m

Informações da assessoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores