22
abril

Futebol 2013


Com segundo tempo atordoado, Ypiranga é goleado na semifinal

 

Jogadores encaram arbitragem alegando erros a favor do Sport. Fotos: Ney Lima e Elivaldo Araújo

 

Na tarde deste domingo (21), no Lacerdão em Caruaru, aconteceu a primeira partida envolvendo Ypiranga e Sport pelas semifinais do Campeonato Pernambucano.

 

A partida teve dois tempos distintos e a Máquina foi goleada pelo placar de 5 a 1, o resultado mostrou a superioridade do Leão na segunda etapa, apesar do domínio do primeiro tempo ter ficado por conta da equipe alviazulina.

 

Confira os lances:

 

1º TEMPO:

O primeiro gol da partida foi aos 12 minutos. O lateral Diogo cruzou na área e a bola foi desviada em Fábio Bahia, que enganou o goleiro Magrão, abrindo o placar para a Máquina.

 

 

Torcedores comemoram bom momento no primeiro tempo

 

Após o gol, o Leão esboçou reação e, aos 22 minutos, Cicinho cobrou o escanteio e Gabriel cabeceou para fora.

 

O empate do time da capital surgiu aos 25 minutos. Em uma jogada de linha de fundo, o lateral Reinaldo chutou cruzado forte ao gol, o goleiro Jaílson realizou uma grande defesa. No rebote, Lucas Lima chutou a gol e o meia Dácio conseguiu impedir, porém a bola sobrou para Mateus Lima, que sozinho empurrou para o fundo do gol.

 

Ainda no primeiro tempo a Máquina conseguia dar movimentações de jogadas pelas duas laterais.

 

2º TEMPO:

Aos 6 minutos, o meia do Ypiranga Jeferson Piauí errou a saída de bola, que sobrou para Mateus Lima. O mesmo chutou ao gol e o goleiro Jaílson conseguiu fazer uma bela defesa.

 

Aos oito minutos, o Leão conseguiu a virada. Cicinho cobrou falta, a bola desviou na barreira e sobrou para a cabeçada do volante Tóbi, fazendo Leão 2X1.

 

Após o gol, muita reclamação por parte do Ypiranga contra o assistente Bruno Dias, alegando impedimento do volante leonino.

 

Cinco minutos após, o Leão ampliou a vantagem. O lateral Reinaldo cruzou para a entrada da área, o zagueiro Egon tirou pra frente e de primeira Lucas Lima chutou no canto esquerdo de Jaílson.

 

 

A essa altura o cansaço já havia tomado conta do Ypiranga. Mostrando descontrole, a equipe errou passes e se atrapalhou nas saídas de bola.

 

Aos 23 minutos, Cicinho cobrou falta da esquerda e Felipe Azevedo, com um leve desvio, fez Sport 4X1.

 

 

O goleiro Jaílson salvou a Máquina em dois lances. Aos 33, em uma jogada de Erico Junior e aos 38, em uma jogada perigosa de Felipe Menezes.

 

Um minuto depois veio o quinto gol leonino. Rithely chutou de fora da área, o goleiro Jaílson deu rebote e Reinaldo sozinho sacramentou a goleada.

 

 

Com esse o resultado, o Ypiranga terá a dura missão de vencer o jogo de volta com uma diferença de 5 gols.

 

A diferença de quatro só seria a partir de 6×2, para se classificar á final. Na outra semifinal, disputada em Recife, o Santa Cruz venceu o Náutico por 1×0.

3 Comentários

  1. Mário Florêncio disse:

    Agora é fácil: o Ypiranga só precis a ganhar de 5×0 para o Sport, na Ilha do Retiro/Recife. “- Mas nem com reza de múier-véia.”

  2. LEVY DE SOUZA disse:

    TIME PEQUENO NA HORA H NÃO AGUENTE O GRANDE NÃO

  3. Eduardo disse:

    De volta as origens….
    4ª divisão é o teu lugar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Anteriores