15
maio

Resumório! – A coluna do professor Tenório


RESUMÓRIO

 

TUDO CERTO – Sabe quando alguém pergunta se está tudo bem e você responde que está, só por educação? Mesmo tendo uma vizinha fofoqueira monitorando sua vida, um monte de contas para pagar e sem dinheiro, um filho com notas baixas na escola, o telhado com goteiras, vazamento na encanação, uma sogra enchendo o saco toda semana e uma decepção sem tamanho da Daenerys Targryen? Parece que é mais ou menos assim que está a situação da realização do São João da Moda.

VIVA SÃO JOÃO! – O prefeito diz na rádio que está tudo certo, mas na verdade, parece que ainda tem décimo terceiro de contratado para ser pago, falta recurso para o reajuste anual dos professores como vinha acontecendo nos últimos seis anos e falta recurso para realização de eventos, por isso pedido de suplementação na câmara de vereadores remanejando recursos de outras áreas para eventos. O importante é que vai ter festa. Informações do governo sobre a previdência própria foram contestadas e Viva o São João!

DECISÃO – Dadas as devidas explicações a justiça e estando tudo comprovadamente correto, não há motivos para proibição do São João da Moda. Só resta esperar a decisão judicial. Agora o prefeito Edson Vieira estaria muito mais tranquilo se a decisão fosse através de votação na Câmara de Vereadores de Toritama. Bastaria pegar umas dicas com o ex-prefeito Odon Ferreira de como se livrar  de situações complicadas.

GRANDE FAMÍLIA – No programa de rádio da situação, foram veiculados áudios dos Taboquinhas se digladiando, chamando um aos outros de vendidos, pedindo respeito. Isso são águas passadas, pois como diz o meu professor de maldades, são todos uma grande família. Não estranhem se aparecer um personagem dizendo que abriu mão de tudo em nome da união do grupo. Mais previsível do que isso só a indicação de Sérgio Moro para o STF.

MOTIVAÇÃO – Cá para nós, se era tão simples ajustar as finanças, porque só agora foi possível? Foram muitos “cinco meses” de 2013 até hoje. Parece que estava faltando a motivação ideal. Não aquela de saber que o leite do filho do servidor estaria garantido. Que o aluguel seria pago, que não existiria juros do cartão de crédito ou do financiamento do veículo ou da casa própria. A motivação que faltava era a ameaça ao mais que essencial São João da Moda. Sejamos gratos ao santo. Viva São João!

100% DE INCERTEZA – A vereadora líder do governo, Jéssyca Cavalcanti, não confia 100% na inocência do ex-secretário de Turismo e Eventos, Cláudio Soares. Na verdade, está difícil encontrar no governo alguém que acredite.

ECA – Mais do que nunca a politicagem nossa de cada dia contaminou a eleição do Conselho Tutelar. É candidato apadrinhado pelo lado azul, é candidato apadrinhado pelo lado vermelho, é candidato apadrinhado por vereador e liderança. O mais triste é que tem candidato que nunca nem leu o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente.

PRÉVIAS – Pessoas querendo um bom salário e políticos querendo medir forças numa prévia para 2020 é tudo que nossas crianças e adolescentes não precisam. Mais uma razão para lamentarmos e refletirmos. Como sempre, também há bons nomes na disputa. Cabe a cada um fazer uma escolha sensata e não só por indicação de um representante do pastoril.

CHOCOLATINHOS – Câmara dos deputados convoca o ministro para explicar cortes na educação. Era para ser proibido explicações ilustradas com chocolatinhos. Afinal, não é Páscoa, muito chocolate não é bom para a saúde e ele é ruim de matemática. Se usasse laranjas a demonstração teria mais a cara do governo.

DIRETO DA REDE – A frase retirada de cartazes da paralisação desta quarta-feira é emblemática: “Sem educação, já basta o presidente”.

 

“Não me queiram mal. Apenas pensem nisso, enquanto lhes digo que fica o dito para ser rido.”

 

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade de seu idealizador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Anteriores