20
maio

Quase metade das crianças em Santa Cruz ainda não se vacinaram contra gripe

A Secretaria de Saúde de Santa Cruz do Capibaribe tem reforçado a recomendação para que pais levem os filhos aos PSF’s,  para imunização contra a gripe H1N1.

Os números de idosos e, sobretudo crianças, que ainda precisam da vacina, preocupam a pasta.

Ao lao do Secretário Dr. Nanau, Natália Gardênia,  coordenadora do Programa Nacional de Imunização, explicou a situação em participação na manhã desta segunda-feira (20), no programa Cidade Notícia (Polo FM).

Os PSF’s  em Santa Cruz do Capibaribe estão abertos das 7h ao meio dia e de 13h às 16h.

17
maio

Secretaria de Saúde promove ações da luta antimanicomial em Santa Cruz

O Dia Nacional pela luta antimanicomial, comemorado no dia 18 de maio, trata sobre a importância do fim dos manicômios e do tratamento humanizado de pessoas que sofrem de doenças mentais ou dependências químicas.

Com o lema “por uma sociedade sem manicômios” e em prol dessa luta, a Secretaria de Saúde de Santa Cruz do Capibaribe preparou uma semana repleta de atividades internas e externas com o objetivo de conscientizar os usuários, familiares e a população sobre o tratamento adequado e a reinserção social das pessoas com sofrimento mental e com necessidades recorrentes de drogas.

As atividades iniciaram segunda-feira (13), no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), com uma palestra sobre os determinantes sociais da saúde mental, que envolve questões econômicas, familiares, educacionais, habitacionais, culturais, entre outras.

Já na terça-feira (14), foi trabalhado a importância do CAPS que desenvolve um trabalho social e também com saúde, através de psicólogos, enfermeiros, psicopedagogo e psiquiatra. Durante a tarde, houve uma palestra com os usuários do serviço e seus familiares. Na quarta (15), com o tema “Por uma sociedade sem manicômios: dia 18 de maio dia da luta antimanicomial” houve uma mesa redonda aberta ao público na Câmara de Vereadores.

São debates e reflexões que visam discutir o serviço e melhorá-lo, assim como lutar contra uma sociedade sem manicômios. De acordo com Laécio Campos, psicólogo, o movimento visa a abertura de mais serviços como o CAPS, uma vez que, diferentemente dos manicômios, tratam os pacientes humanamente e procuram inseri-los na sociedade. “Aprisionar nos manicômios não é solução para quem está em sofrimento mental” acrescenta Laécio.

12
abril

Dados do MP apontam que faltam 60% dos medicamentos na Farmácia de Pernambuco

Governo deve disponibilizar gratuitamente remédios de uso contínuo e de alto custo

Dos 231 medicamentos que devem fazer parte da lista da Farmácia de Pernambuco, 139 estão em falta. A conta espelha uma taxa de desabastecimento de 60% e retrata as queixas frequentes dos pacientes que precisam da medicação para manter sob controle doenças crônicas, transtornos mentais, patologias autoimunes, deficiência do hormônio de crescimento e até dores super intensas só aliviadas com morfina.

O dado é do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), que há cerca de três anos abriu inquérito civil público para apurar o desabastecimento.

Desde janeiro, assim que assumiu o cargo de secretário de Saúde, André Longo sinaliza reconhecer o problema do desabastecimento.

“Por mês, são desembolsados R$ 5 milhões para a compra dos medicamentos. Admitimos que é insuficiente. Estamos criando logística que otimize o processo de compra. Queremos criar um consórcio para que os Estados do Nordeste façam compra compartilhada, em grande escala, para alcançarmos economicidade perante os fornecedores”, informa Longo.

O secretário acrescenta que estão em pauta outros projetos para a farmácia, como a criação de um aplicativo para o cidadão verificar a disponibilidade dos medicamentos sem ter que ir ao estabelecimento.

“Também estudamos a possibilidade de melhorar a distribuição dos insumos, com entrega em domicílio”.

Fonte: Jornal do Commercio. 

09
abril

Evento de conscientização sobre depressão será realizado em Santa Cruz

Acontece na próxima quinta-feira (11), no Teatro municipal de Santa Cruz do Capibaribe, evento destinado à conscientização sobre depressão. O evento é gratuito.

De acordo com o psicanalista Jorge Fontes, um dos organizadores do evento, o objetivo é dar visibilidade ao tema, debater de forma profissional e respeitosa, entendendo melhor a doença para ajudar mais pessoas.

Haverá palestras de psicólogos, psicanalistas, psicopedagoga, entre outros profissionais. O evento tem início agendado para às 18h30.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a doença cresce a cada ano no mundo. O Brasil tem maior prevalência da América Latina.

08
abril

Campanha de vacinação contra gripe começa nesta próxima quarta-feira (10), em Santa Cruz

A prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, por meio da Secretaria de Saúde, informa à população que a campanha de vacinação contra a gripe (Influenza) vai iniciar na próxima quarta-feira, 10 de abril.

A imunização segue até o dia 31 de maio e será realizada nas Unidades Básicas de Saúde (postos de saúde), das 08 às 12 horas e das 13 às 16 horas.

Natália Gardênia, coordenadora do programa de imunização do município, lembra da importância da vacinação. “É muito importante que todos se vacinem, especialmente as pessoas do grupo prioritário. Quem não se vacina coloca em risco sua própria vida, a de seus familiares e das pessoas com quem tem contato”, destaca.

A campanha de vacinação visa reduzir complicações, internações e mortalidades decorrentes de infecções pelo vírus da gripe. A meta do município é vacinar 90% das pessoas inclusas nos grupos prioritários.

Grupos prioritários para vacinação:

Crianças de seis meses a menores de cinco anos (5 anos, onze meses e 29 dias);

Gestantes em qualquer idade gestacional;

Mulheres com até 45 dias após o parto (puérperas);

Trabalhadores da Saúde;

Pessoas com 60 anos de idade ou mais;

Professores das escolas públicas e privadas, mediante apresentação de documento que identifique ser professor;

Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, com prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina.

No primeiro momento da campanha, que vai de 10 a 19 de abril, a prioridade será para as crianças e gestantes. A partir de 22 de abril até 31 de maio, a vacinação ocorrerá com todos os públicos do grupo prioritário. O dia de mobilização nacional, “Dia D”, será 04 de maio.

Contraindicações:

A vacina é contraindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores bem como a qualquer componente da vacina ou alergia comprovada grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.

06
abril

MPPE recomenda que Prefeitura de Santa Cruz encerre atividades dos estudantes estrangeiros na UPA

“A permanência de estudantes não credenciados pode ocasionar risco aos pacientes da UPA” – disse o promotor

A criança foi socorrida para a UPA de Santa Cruz.

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson de Sousa Vieira; ao secretário municipal de Saúde, Inácio Marques Vieira; e ao médico Tiago Costa de Almeida, que fossem encerradas imediatamente as atividades dos estudantes de medicina estrangeiros na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, dada a ausência de convênio.

Segundo o promotor de Justiça Lucio Carlos Malta Cabral, os estudantes estrangeiros não possuem autorização para exercer seus ofícios na UPA, visto que os convênios foram firmados entre a Universidade de Aquino Bolívia (UDABOL) e o Hospital Raimundo Francelino Aragão, através do dr. Tiago Costa de Almeida, e não com a administração municipal, não podendo os alunos exercerem o internato em outra unidade.

“A permanência de estudantes não credenciados pode ocasionar risco aos pacientes da UPA, sobretudo porque estão atuando sem preceptor”, afirmou o promotor Lúcio Carlos malta Cabral.

O MPPE ainda recomendou à administração municipal e ao dr. Tiago Costa revisarem, em até dez dias, os convênios firmados, a fim de que os estudantes atuem apenas onde estão autorizados. Além disso, os estudantes devem ser supervisionados por médicos preceptores, tendo o prefeito, o secretário de saúde e o doutor que remeter à Promotoria de Justiça, no mesmo prazo, informações sobre relação dos estudantes e de seus supervisores.

O não cumprimento da recomendação poderá acarretar a proposição de ação civil pública ou outras ações de cunho administrativo e judicial.

05
abril

Exclusivo – Os detalhes sobre o processo que culminou com o fechamento do matadouro de Santa Cruz

Promotor responsável pelo caso fala ao Blog do Ney Lima: “O risco à saúde da população era grande”

 

 

 

 

REPORTAGEM ESPECIAL

 

O promotor Carlos Eugênio, responsável pela ação do Ministério Público que culminou com a decisão judicial ordenando a interdição do matadouro público de Santa Cruz do Capibaribe, falou com exclusividade ao Blog do Ney Lima. O promotor revelou que os relatórios emitidos pela Adagro e pela CPRH pedem a interdição do matadouro há mais de 10 anos. A omissão e a falta de providências ocorrem desde o governo de Toinho do Pará (PSB) e seguiram no primeiro e no segundo governo de Edson Vieira (PSDB). Confira:

 

Relatórios da Adagro e CPRH pedem fechamento do matadouro há mais de 10 anos

 

 

Relatórios incluídos no processo do Ministério Público apontam que os problemas no Matadouro Público de Santa Cruz do Capibaribe ocorrem há mais de 10 anos. Em julho de 2009, um laudo emitido pela CPRH (Agência Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos) já apontava a presença de retraços de animais em estado de decomposição nas áreas externas do matadouro. A agressão ao meio ambiente também ocorria porque os afluentes líquidos do processo de abate eram lançados diretamente no Rio Capibaribe.

O laudo da CPRH levava em consideração inspeções que foram feitas também pela Adagro, à época, e finalizava sugerindo ao Ministério Público a interdição do Matadouro.

 

Ex-prefeito Toinho do Pará assinou ajustamento de conduta se comprometendo a resolver problemas do Matadouro, mas não cumpriu

 

Em dezembro de 2009, o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe a época, Toinho do Pará, assinou um TAC (termo de ajuste de conduta) se comprometendo a resolver as exigências feitas pela Adagro e pela CPRH.

 

 

Foi assumido um compromisso para a instalação de uma estação de tratamento de afluentes, o que não ocorreu.

 

Más condições do Matadouro Público se agravaram e as providências não foram adotadas

 

 

 

 

As condições de higiene e os danos ao meio ambiente foram agravados durante os governos do atual prefeito de Santa Cruz, Edson Vieira. Nos últimos anos inúmeros pedidos e alertas foram feitos pelo Ministério Público, sempre com base nos relatórios apontados pelos órgãos de controle.

 

“Se percebe que ao longo desses anos que, apesar de ter sido oficializado por parte do Ministério Público e de ter sido notificada a Prefeitura acerca da situação do Matadouro Público nenhuma obra realmente de restruturação foi feita. Apenas obras de caráter paliativo foram feitas, mas nenhuma dessas para atender aos órgãos de fiscalização”, afirmou o promotor Carlos Eugênio.

 

O promotor relatou também que no final de 2018 uma nova vistoria foi solicitada a Adagro para que se tivesse um panorama atual das condições do Matadouro. O levantamento apontou que a precária situação continuava.

 

 

O Blog do Ney Lima teve acesso ao laudo de vistoria que aponta que o Matadouro de Santa Cruz do Capibaribe “não reúne as condições necessárias de higiene”. O relatório identifica ainda que a estrutura física do Matadouro está comprometida e que o local também não possui equipamentos necessários para a operação de abate.

 

O laudo finaliza recomendando “o fechamento do Matadouro, pois, o mesmo coloca em risco a saúde de funcionários e da população. ”

 

 

 

 

“Já existia desde 2009 uma recomendação no sentido da interdição, foram feitas diversas tentativas de solucionar o problema sem que fosse tomada essa medida mais drástica de interdição, mas nenhuma dela foi exitosa” afirmou o promotor de justiça ao Blog.

 

Carlos Eugênio salientou ainda que a medida de interdição é preventiva e que o objetivo principal é que a prefeitura cumpra com os ajustes necessários para que o matadouro público volte a funcionar atendendo as condições sanitárias e ambientais apontadas.

 

A entrevista completa será veiculada na próxima segunda-feira (08) nos programas Cidade Notícia e Rádio Debate.

 

02
abril

“Vamos até o final para esclarecer o caso”, diz Dr. Nanau após morte de bebê na UPA

Família acredita que houve negligência médica

Em participação no programa Rádio Debate da Rádio Polo FM, nessa segunda-feira (01), o secretário de saúde de Santa Cruz do Capibaribe, Dr. Nanau, afirmou que está comprometido em apurar o caso do bebê de um mês, que faleceu na UPA no último final de semana. Para os pais da criança houve negligência médica.

Nanau disse que tomou conhecimento do fato na manhã dessa segunda-feira e conversou com o diretor da unidade bem como com familiares da criança. Ele também adiantou que uma equipe de psicólogos auxilia os pais, nesse momento.

“Lamento. Meus sentimentos. Sei que é momento muito difícil”, disse o secretário acrescentando que abrirá uma sindicância “Vamos até o final para esclarecer o caso”.

O secretário ainda enfatizou que ‘Se foi negligencia, o médico vai ter que responder’.

De acordo com o pai da criança, o médico que fez o atendimento na madrugada da ultima sexta-feira, estava falando ao telefone e pouca atenção teria dado. “Ele disse que, pelo choro, era cólica”, relata o pai.

 

Após o atendimento rápido, segundo o pai, com a medicação receitada, o bebê foi liberado. Poucas horas depois, os pais retornaram à unidade com o bebê em estado grave. Ele não resistiu e faleceu.

Declaração do IML aponta que o bebê estava com infecção generalizada.

Confira a seguir trechos das entrevistas o pai da criança e do secretário de saúde sobre o caso.

28
março

Prefeitura de Santa Cruz informa entrega de raio-X no Hospital Municipal

A Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe entregará, no próximo mês, um equipamento de raio-X no Hospital Municipal Raymundo Francelino Aragão. A informação foi repassada na manhã desta quinta-feira (28), pela assessoria de comunicação.

“É mais um equipamento que vem para beneficiar a população. Nossa gestão tem buscado parceiros para solucionar as dificuldades enfrentadas na cidade, não temos medido esforços para isso”, afirmou o prefeito Edson Vieira (PSDB).

De acordo com a prefeitura, apenas em fevereiro, foram realizados 869 exames do tipo na UPA 24h.

24
março

Casos de tuberculose cresce em Pernambuco

Imagem meramente ilustrativa.

O número de casos de tuberculose aumentou 9,28% entre 2015 e 2018, em Pernambuco, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES). No ano passado, foram confirmados 5.026 casos da doença, 426 a mais que os 4.599 registrados no início da série histórica. Os dados foram divulgados essa semana, pelo governo do estado.

A doença é causada por uma bactéria altamente transmissível através das vias respiratórias. Os pulmões são os órgãos mais acometidos pela doença. O Dia Mundial de Luta Contra a Tuberculose é celebrado neste domingo (24).

O número de mortes causadas pela doença foi de 423 em 2015, diminuiu para 398 em 2016, e em 2017, chegou a 435. O índice de óbitos em 2018 ainda é contabilizado pela SES.

Em crianças, a melhor forma de prevenir a tuberculose é por meio da vacina BCG, oferecida nas unidades básicas de saúde e maternidades. Ela pode ser dada ao nascer ou, no máximo, até a criança ter 4 anos, 11 meses e 29 dias.

Sintomas e tratamento

Entre os sintomas mais comuns da tuberculose está a tosse por mais de três semanas, que pode ser acompanhada por febre durante o dia, suor noturno, emagrecimento, cansaço e fadiga.

O diagnóstico pode ser feito na rede pública de saúde, principalmente por meio de um teste conhecido como “exame do escarro”.

O esquema básico de medicamentos para a tuberculose é distribuído nas próprias unidades de saúde e é composto por quatro remédios. O tratamento dura seis meses. Seguindo corretamente as orientações médicas, o paciente pode deixar de transmitir a doença em 15 dias.

Com informações do G1 PE

24
janeiro

Grátis – Inscrições abertas para Curso Técnico de Enfermagem em Santa Cruz

Estão abertas as pré-inscrições para o Curso Técnico de Enfermagem, do Programa Senac de Gratuidade. A profissionalização vai ser ofertada em Santa Cruz do Capibaribe, onde estão sendo ofertadas 17 vagas.

Segundo a prefeitura, a solicitação foi feita por meio das secretarias de Desenvolvimento Econômico e Agricultura e de Saúde.

O candidato deve atender alguns pré-requisitos, como possuir renda familiar per capita de até dois (2) salários mínimos; ser maior de idade; estar matriculado ou ser egresso da educação básica, de escola pública estadual ou ser bolsista integral.

As inscrições vão até o dia 25 janeiro. O resultado será divulgado pelo próprio site do SENAC no dia 28 de janeiro. Em seguida, serão realizadas as matrículas nos dias: 30 e 31 de janeiro de 2019, na carreta do SENAC, em frente a Secretaria de Saúde, entre as 13h e 17h.

A Secretaria fica localizada na Rua Elias Ferreira Nascimento, nº125, Bairro Dona Dom. Caso o candidato não compareça no prazo, ele será substituído por outra pela ordem de inscrição. As aulas serão iniciadas em 11 de fevereiro e irão até 31 de agosto de 2021.

Para se inscrever acesse o LINK.

15
janeiro

Postos de Saúde em Santa Cruz reiniciam atividades

A prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe informou, através de sua assessoria, que os atendimentos em Unidades Básicas de Saúde (UBS) reiniciaram suas atividades de 2019 nesta terça-feira (15). Isso ocorre após um recesso.

Nesse ano, os atendimentos passaram a acontecer em dois turnos: das 7h às 12h e das 13h às 16h. O trabalho nas unidades é direcionado à prevenção de doenças.

O município conta com 18 UBS’s e três Núcleos Integrados de Saúde e Cidadania.

14
janeiro

Mais Médicos – Quase 1.500 profissionais não se apresentaram aos postos

Um balanço divulgado pelo Ministério da Saúde nesse fim de semana, revelou que 1.462 profissionais com registro no Brasil e inscritos na segunda chamada do Programa Mais Médicos não se apresentaram nas localidades escolhidas.

De acordo com a pasta, 1.087 profissionais se apresentaram aos municípios no prazo definido – entre 7 e 10 de janeiro.

A próxima chamada do programa está prevista para ocorrer nos dias 23 e 24, deste mês. Nesta data, brasileiros graduados no exterior terão a chance de selecionar municípios de alocação pelo site do programa.

Santa Cruz do Capibaribe

No final de 2018, o município de Santa Cruz do Capibaribe passou alguns dias realizando rodízio, após a saída de profissionais cubanos. Em 17 de dezembro, a prefeitura informou que 10 novos profissionais iniciaram as atividades.

De acordo com a prefeitura, a gestão mantém funcionamento em 18 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e três Núcleos de Saúde e Cidadania (Malhada do Meio, Jaçanã e Antônio Burgos).

11
janeiro

Hospital Mestre Vitalino abre seleção para pessoas com deficiência

O Hospital Mestre Vitalino, em Caruaru, está oferecendo nove vagas para pessoas com deficiência. Os interessados devem encaminhar currículo para o e-mail do hospital, até o dia 31 de janeiro.

O processo selecionará candidatos para os cargos de enfermeiro, técnico de enfermagem, copeira, auxiliar de cozinha, nutricionista, maqueiro, porteiro e auxiliar de farmácia. No assunto deve constar o nome completo do candidato e a função desejada.

Para participar do processo, é necessário ainda apresentar laudo médico validado, atestando a espécie e o grau ou nível de deficiência.

Para mais informações, acesse AQUI. 

11
janeiro

Secretaria de Saúde de Santa Cruz passa a funcionar em dois turnos

Através de um comunicado nas redes sociais, o Secretário de Saúde de Santa Cruz do Capibaribe, Dr.Nanau, informou que a pasta passou a funcionar em dois turnos.

Dr. Nanau ressaltou que todos os setores da secretaria (PSF’s, Cap’s, AME, vigilância, etc) vão funcionar obedecendo o novo horário (das 7h às 12h e das 13h às 16h), tendo início nessa quinta (10).  UPA, Hospital Municipal e Samu seguem seus atendimento 24h.

De acordo com o secretário, os horários seguiram uma determinação do Prefeito Edson Vieira.

 

 

 

24
dezembro

Semana do Bebê é comemorada pelo SCFV de Brejo

Na última semana foi comemorado, em Brejo da Madre de Deus, a Semana do Bebê.

De acordo com a prefeitura local, as atividades comemorativas foram promovidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) no bairro Boa Esperança, onde foram realizadas palestras e também atendimentos de gestantes e de famílias acompanhadas pelo projeto Criança Feliz.

A semana do Bebê contou ainda, de acordo com a prefeitura, com a participação das secretarias de Assistência Social, Cidadania e Mulher; Saúde, Educação e do corpo técnico formado pela articuladora do Selo Unicef, o Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF), além do Programa Criança Feliz, Leonardo e do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Fotos: Ascom Prefeitura de Brejo.

04
dezembro

Atendendo mais de 80 cidades, Hospital Regional do Agreste completa 21 anos

Inaugurado em 4 de dezembro de 1997, o Hospital Regional do Agreste (HRA), em Caruaru, principal unidade médica da região, completa 21 anos nesta terça-feira (04).

A unidade é voltada para o atendimento de emergência, sendo referência em trauma de alta complexidade, e atende a mais de 80 municípios, entre eles Santa Cruz do Capibaribe.

Atualmente, são 190 leitos, sendo 18 de UTI adulto, com diversas especialidades.

No primeiro semestre de 2018, foram realizados cerca de 50 mil atendimentos, entre cirurgias, procedimentos ambulatoriais e de emergência.

De acordo com a assessoria, foi agendada uma cerimônia festiva, com homenagens, bênção ecumênica, entrega dos novos kits de enxovais para pacientes, acompanhantes e equipe, além do corte do bolo.

30
novembro

Ações gratuitas de prevenção e combate ao diabetes são realizadas na Câmara, em Santa Cruz

Na manhã desta sexta-feira (30) estão sendo realizadas, na Câmara de Vereadores em Santa Cruz, as ações comemorativas ao “Dia do Azul, de prevenção e combate ao diabetes”.

A iniciativa é promovida desde 2013, graças a um projeto de lei de autoria do vereador Ronaldo Pacas (PR). Na câmara, estão sendo realizados, de forma gratuita, diversos serviços como aferição de pressão, testes de glicemia, emissão do Cartão do SUS, palestras com profissionais de saúde entre outros serviços.

O Dia do Azul segue até o meio dia e, em média, 160 pessoas são atendidas a cada edição. De acordo com o vereador, somadas todas as edições do projeto, mais de 1600 pessoas já foram atendidas.

28
novembro

Secretário divulga calendário com rodízio de médicos nos PSF’s, em Santa Cruz

Rodízio é promovido em resposta a saída de médicos cubanos, do programa Mais Médicos

O Secretário Municipal de Saúde em Santa Cruz, Dr. Nanau, divulgou nota falando sobre o calendário de rodízio de médicos nos postos de saúde do município.

O rodízio de profissionais havia sido confirmado após o fim da parceria com os médicos cubanos que faziam parte do programa Mais Médicos, do Governo Federal.

Dos 20 PSF’s em funcionamento no município, 11 estavam desassistidos. Além do calendário, o secretário afirmou que a deficiência nos atendimentos deve ser resolvida até 15 de dezembro, com a chegada de novos médicos do programa. Confira a nota:

“Em caráter provisório, passamos a adotar um rodízio nos atendimentos médicos nas unidades da Atenção Básica de Saúde.

Como é de conhecimento de todos, com a saída dos cubanos do Programa Mais Médicos, algumas localidades ficaram desassistidas, então determinei que fosse feito um rodízio com os profissionais que ficaram atuando no nosso município, para que nenhuma comunidade ficasse prejudicada.

Com a chegada dos novos profissionais que já começaram a se apresentar, nossa intenção é de que até o dia 15 de dezembro, tudo volte a normalidade. Ainda esta semana estaremos divulgando o atendimento do Núcleo do Loteamento Antônio Burgos.

Qualquer dúvida ou esclarecimento procure a unidade que assiste seu bairro. Mais uma vez peço um pouco de tranquilidade a todos os usuários da Atenção Básica”.

27
novembro

Santa Cruz – Dia Municipal de Combate ao Diabetes contará com ações na Câmara

Imagens: Assessoria.

Acontece na próxima sexta-feira (30), a 5º edição do ‘Dia do Azul (Dia Municipal de Combate ao Diabetes), em Santa Cruz do Capibaribe. O projeto é desenvolvido pelo vereador Ronaldo Pacas (PR).

De acordo com a assessoria do vereador, o evento já beneficiou mais de mil pessoas ao longo das quatro edições, com a oferta gratuita de diversos serviços de saúde. Esse ano serão ofertados testes de glicemia, aferição de pressão arterial, orientação farmacêutica, palestras com médicos e especialistas, além de um café da manhã. Toda programação acontecerá na Câmara de Vereadores.

Haverá palestras dos seguintes profissionais: Dr. Roberon Inácio, psicóloga Verônica Valadares, nutricionista Paula Melo, odontóloga Silvia Monteiro e de duas farmacêuticas de uma empresa parceira do projeto.

O evento começa às 8h, com fichas distribuídas a partir das 7h. Todos devem levar CPF.

Durante os últimos dias, o vereador fez questão de criticar a prefeitura. Segundo ele, ‘diferentemente de anos passados, o poder executivo não contribuiu com o projeto desta vez’.

26
novembro

Semana de Mobilização contra o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya é lançada em Santa Cruz

Na manhã desta segunda-feira (26) foi lançada, na Câmara de Vereadores em Santa Cruz do Capibaribe, mais uma campanha contra o mosquito Aedes aegypti, vetor para transmissão de doenças graves como a dengue, a zika e a chikungunya.

Intitulada “Semana de Mobilização Intersetorial de Combate ao Aedes aegypti”, a campanha terá, de acordo com o secretário de saúde municipal, Dr. Nanau, um conjunto de ações a serem realizadas até 30 deste mês.

Entre elas, de acordo com o secretário, está a intensificação da coleta de lixo em pontos críticos e também reforço nas visitas as residências por parte dos Agentes de Saúde e de Controle de Endemias.

“Vamos fazer de tudo para que possamos realizar o combate a esse mosquito, que é o vetor que leva todas essas doenças. Não podemos deixar que a cidade volte a passar por aquilo que passou em 2015, com aquele surto que tivemos e, infelizmente, com perca de vidas” – disse ele.

Ainda de acordo com o secretário, a participação popular para o sucesso da campanha também é fundamental, especialmente no combate aos focos de procriação do mosquito dentro das casas. Em caso de problemas e denúncias de focos em áreas fechadas, basta procurar a Secretaria de Saúde do município.

.

Confira dicas simples e eficazes de combate ao Aedes Aegypti

Fonte: Ministério da Saúde

 

Notícias Anteriores