06
abril

Exclusivo

Rádio Vale é vendida mais uma vez

 

 

Foto (arquivo): Gilberto Silva

 

As negociações de repasse da emissora “Rádio Vale do Capibaribe” ocorreram na quinta-feira (05). O empresário Kleber Moraes Mena, filho da ex-vereadora Zilda Moraes, voltou a assumir o controle da emissora.

 

Segundo informações colhidas pelo BLOG DO NEY LIMA, o proprietário anterior, Ruberval Farias, chegou a negociar o repasse com o ex-vereador Aguinaldo Xavier junto com sua irmã, a empresária Áurea Xavier, mas as negociações foram frustradas.

 

Kleber Moraes, novo proprietário, era detentor da emissora antes de Ruberval.

 

A Rádio “Vale AM” foi a primeira emissora de rádio de Santa Cruz do Capibaribe e durante décadas pertenceu ao “Grupo Mendonça”, do deputado federal Mendonça Filho.

 

Nos últimos anos, a emissora foi repassada e mudou de direção várias vezes. Mas isso pode não parar por aqui, já que políticos do grupo de oposição afirmaram ao Blog que o atual proprietário (Kleber) poderá repassar a emissora para a “família Maia”, do deputado Federal José Augusto Maia.

 

Por telefone, a ex-vereadora Zilda Moraes confirmou ao BLOG DO NEY LIMA que a emissora hoje pertence a sua família. Explicou ser uma sociedade dela com o filho (Kleber) e negou as especulações de que a emissora será repassada para a família Maia, mas completou dizendo: “O amanhã não se sabe, mas hoje a rádio está conosco”.

 

O destino dos profissionais que compõem a emissora é incerto.

05
abril

Zilda Moraes se diz decepcionada com Augustinho Rufino

Foto: Ney Lima

Em entrevista concedida a Rádio IGM, no programa “IGM em Ação”, a ex-vereadora Zilda Moraes fala acerca de diversos assuntos sobre política. Destacou-se na entrevista a sua insatisfação e não compreensão com a posição tomada por Augustinho Rufino em Apoiar Edson Vieira (PSDB) e não Ernando Silvestre.

 Sobre Augustinho Rufino, ela afirmou:

 

“Ele simplesmente fez uma opção, há tempo que ele está com Edson (Vieira), permaneceu e vai permanecer com Edson. Eu tenho dito que nós só temos a lamentar. Não foi possível ainda sentar, eu, Augustinho, Ernando e Mendonça pra se ter uma conversa do porque de tudo isso. Porque tudo tem um motivo, tudo tem uma razão de ser. Não é por acaso que eu não estou com Edson. Nós só temos a lamentar porque Augustinho sempre foi tido como nosso líder, uma pessoa amiga”.

05
abril

Diretório Municipal do PT será recriado na Capital da Sulanca.

Em entrevista à Rádio Polo FM, no programa “Enfoque Político”, o presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) aqui na Capital da Sulanca, Marcos Antônio, falou sobre a recriação do diretório municipal do PT em Santa Cruz, de modo a firmar a legenda aqui na cidade. Outro fato importante mencionado foi a possibilidade do partido ter um candidato de modo a concorrer às eleições a majoritária, cujo nome cotado seria o do vereador Deomedes Brito (PT).

 

Sobre a recriação do Diretório Municipal do partido, existem duas chapas, uma delas coordenada pelo vereador Deomedes Brito e a outra por Moisés Américo, cujos nomes dos integrantes de cada chapa já foram enviados ao Diretório Estadual do partido, segundo Marcos Antônio.  A votação para a recriação do Diretório Municipal será feita pelos filiados do PT aqui na cidade, que totalizam 211.

 

Para votarem em uma das duas chapas, esses filiados necessitam estar em dia com o partido. Segundo Marcos Antônio “A grande maioria vai poder votar. Para isso, evidentemente, as pessoas deverão estar em dia com o partido porque a lei determina que cada filiado contribua, anualmente com uma importância de 15 reais”, uma das condições que qualifica o filiado para votar na eleição dessa recriação do diretório municipal. Ainda, segundo Marcos Antônio, uma lista de candidatos aptos a votar lhe será enviada nesta próxima segunda-feira (09/04) e a votação será realizada no dia 15, em local ainda não definido.

 

Questionado sobre a possibilidade do partido ter um candidato próprio, Marcos Antônio afirmou que, ao participar de uma reunião do no Recife com o Deputado Federal Pedro Eugênio (PT), lhe foi recomendado que, em cidades onde existe a formação do partido ou recriado seus diretórios, “Esses municípios procurassem se aproximar com os partidos que mais se identificam com a realidade petista” e que o momento seria mais propício para uma coligação: “Nós vamos ter uma reunião com os filiados para confirmar sim ou não o lançamento de uma candidatura própria”.

 

Marcos afirmou que, além do nome de Deomedes Brito cotado para uma possível candidatura majoritária, existem “mais oito ou nove pessoas como pré-candidatos”, visando levantar o partido aqui em Santa Cruz do Capibaribe.

04
abril

Bate Papo

Em entrevista ao Blog do Ney Lima, Galego de Mourinha fala um pouco de sua história e também das diversas mudanças ocorridas ao longo de sua trajetória política como também do aumento de vagas na câmara e o cenário político atual. Um bate papo bem humorado, que resultou em uma entrevista descontraída, iniciada a partir da promoção na qual os leitores teriam que dizer quem era o candidato da foto, tirada no ano de 1982. Veja agora os melhores momentos da entrevista.

Sobre a foto de 30 anos atrás (1982), vendo a resposta das pessoas com os comentários, como é que você se sente?

O sentimento é grande. Foi justamente nessa época que eu ingressei na política. Eu estava com 23 anos na época e fui eleito como o vereador mais jovem de Santa Cruz. Fui eleito naquela época com mais de 5% da votação, que na época tinha 9600 votos. Eu tive 609 votos.

 

Quais as diferenças na forma de fazer política naquela época para a de hoje?

A forma de fazer política em santa cruz mudou muito, porque santa cruz era considerada uma cidade pequena. Tínhamos pouco mais de 9 mil votos e hoje temos quase 50 mil ou seja, cinco vezes mais a população aumentou. Com isso, a mentalidade da população de santa cruz é de cidade grande e não mais de cidade pequena.

 

O que mudou em Galego de Mourinha como pessoa?

Eu mudei muito como pessoa. Adquiri muita experiência, da própria câmara e da própria política. O meu primeiro mandato durou seis anos, de 1983 a 1988. O prefeito naquela época era Augustinho Rufino, que era de oposição, mas eu fiz um trabalho de ajudar aquela administração e, seis anos depois eu obtive 160 votos a mais que na primeira eleição,

Galego de Mourinha em 1982

onde fiquei na primeira suplência por 12 votos. Após isso, eu passei 12 anos fora da política. Veio 2004 e fui o vereador mais votado dos taboquinhas, perdendo apenas para Edson Vieira. Em 2008 fiquei na primeira suplência, onde agora estou assumindo a câmara de vereadores.

 

Essa próxima eleição se desenha o seguinte cenário: serão 17 vagas na câmara de vereadores e consequentemente, uma maior quantidade de pré-candidatos. Como é que fica o cenário dessa forma, facilita ou dificulta a eleição?

Na verdade não existe eleição fácil. Se aumenta o número de vagas, aumenta o número de pré-candidatos. A competitividade torna a eleição mais difícil, tanto que eu não considero que santa cruz tenha dois vereadores hoje com mais de 3 mil votos. A média vai baixar muito.

 

O que você acha que mudou em relação a responsabilidade do papel do vereador de 30 anos atrás até hoje?

Naquela época o vereador não recebia nada. Meu pai morava no Pará e alugava um carro e pagava do próprio bolso para vir para as reuniões. Então o vereador era vereador por natureza, porque gostava de resolver os problemas da cidade. Hoje não, muita gente quer ser candidato a vereador perguntando logo quanto ganha, quanto é o salario de um vereador em santa cruz do Capibaribe. Baseado nesse salário, aparecem muitos candidatos sem aquela preocupação, sem aquele interesse de compromisso que tinham os outros vereadores em relação à hoje. A responsabilidade, o compromisso do vereador era mais em relação à hoje.

 

Nossa política ainda é rodeada de maus políticos, de maus profissionais. O que você um vereador, ou um político como um todo, deve fazer para mudar essa imagem ruim que se instaurou na população sobre os políticos?

Para isso nós devemos apresentar projetos e propostas que venham a mudar a situação de qualquer cidade. O gestor é a principal peça importante para que se faça uma grande administração.

 

Qual a mensagem que você deixa para os nossos leitores?

Eu me sinto muito feliz. Se Deus quiser, eu vou voltar à câmara de vereadores de Santa Cruz do Capibaribe.

04
abril

Entrevista com o senador Armando Monteiro Neto

Em entrevista concedida ao Blog do Ney Lima e à Rádio Comunidade FM, o senador Armando Monteiro (PTB) falou acerca de diversos pontos, destacando-se o processo de definição do nome do possível candidato a Prefeito de Santa Cruz do Capibaribe. O senador falou também sobre a possibilidade do Deputado Federal José Augusto Maia entrar na disputa, a importância dos aspectos da pesquisa encomendada pelo grupo e também deixou um recado para os quatro pré-candidatos do grupo taboquinha.

 

 

O processo de definição

 

O senador afirmou que o processo de definição “será compartilhado com o companheiro José Augusto e também com o prefeito Toinho do Pará (PTB)” e que essa definição de um nome “será de maneira tranquila”. De acordo com ele, tudo será definido após a Páscoa.

 

 

Possibilidade do Deputado Federal José Augusto Maia concorrer à Prefeitura nas Eleições 2012

 

Sobre a possibilidade de o Deputado Federal José Augusto Maia (PTB) concorrer como candidato a prefeito, nas Eleições 2012, Armando foi enfático.

 

“Se o deputado José Augusto, em algum momento desse processo, admitir que seu nome seja colocado no rol das opções, é evidente que, por todas as razões, o deputado terá a preferência. Mas o deputado sempre manifestou, ao longo desse processo, o desejo que ele pudesse continuar com seu trabalho na Câmara Federal”, afirmou.

 

 

 

O enquadramento na lei “Ficha Limpa”

 

Questionado sobre o enquadramento do Deputado Federal na lei “Ficha Limpa”, Armando Monteiro disse:

 

“É evidente que nós devemos considerar um processo de habilitação, do ponto de vista legal. Ninguém cogitará uma candidatura dessas se não houvesse aspecto legal”.

 

Pesquisa qualitativa é mais importante

 

Sobre a definição do grupo acerca do nome que vai disputar a majoritária, o senador falou da realização de uma pesquisa dentro do grupo político, levando em conta diversos aspectos.

 

“Eu considero a pesquisa qualitativa (que avalia quem melhor se enquadra no perfil de candidato) mais importante”, afirmou.

 

O resultado da pesquisa, segundo o senador, ainda não foi entregue, detendo apenas os resultados parciais. “Nós recebemos uma delegação dos companheiros para conduzir esse processo. Nós vamos concluí-lo de maneira tranquila”, completou.

 

Recado aos quatro pré-candidatos

 

Sobre os quatro nomes cogitados como pré-candidatos à prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, o senador enfatizou novamente a tranquilidade para a conclusão desse processo e que a unidade do grupo político seja mantida, independentemente do nome escolhido.

 

“O mais importante é que nós possamos assegurar ao final a unidade de nosso grupo, a nossa solidariedade. Eu tenho certeza que os nossos quatro pré-candidatos tem sinalizado claramente o seus compromissos. Acho que esse grupo tem responsabilidade com Santa Cruz, tem um conjunto de realizações, de obras e conquistas”, afirmou.

 

Ouça a entrevista na íntegra: armandomonteiro

 

 

04
abril

Resumo da sessão dos vereadores

Confira os principais momentos de cada vereador em mais uma reunião na Câmara Municipal, realizada no dia 03 de abril. 

 

Abrindo os Trabalhos, Fernando Aragão destacou o projeto acerca da doação de geladeiras, que visa a troca de aparelhos velhos por novos, de forma a promover a economia de energia para as camadas de baixa renda. Fernando apresentou também documentos que comprovariam o pagamento dos terrenos localizados no Oscarzão, como forma a desmentir as acusações do vereador Dimas Dantas de que ele (Fernando) tinha sido beneficiado com terrenos irregulares.

 

Galego de Mourinha deu destaque aos boatos de que ele seria o possível traidor do grupo político no qual está inserido, passando para a oposição. Galego manteve o segredo sobre quem seriam os candidatos à majoritária na próxima eleição. Ele disse que os nomes serão divulgados após a Páscoa.

 

Dimas Dantas deu destaque aos documentos apresentados por Fernando Aragão, afirmando que os mesmos não encerrariam as possíveis dúvidas sobre a aquisição dos terrenos. O mesmo ainda provocou a bancada taboquinha, falando sobre a preocupação do grupo com a possível indicação dele para vice-prefeito, ao lado de Edson Vieira.

 

Afrânio Marques iniciou fazendo um resumo dos trabalhos realizados pela oposição nas últimas gestões e também disparou seu discurso contra o Deputado Federal José Augusto Maia, afirmando que o tio do vereador Ernesto Maia é o maior ladrão do dinheiro público de Santa Cruz do Capibaribe”.

 

 

Zezin Buxin iniciou seu discurso na tribuna, falando acerca de um desabafo pessoal sobre o atendimento realizado na policlínica no último domingo (01/04) a um jovem da Palestina que havia levado um tiro, onde a família do jovem escutou palavras desagradáveis, inclusive de um policial, citando a “falta de humanidade” de alguns profissionais do serviço público. Zezin também citou a importância do professor Jorge Luiz Mendes, falecido no último dia 25 de março. Segundo o vereador, o professor “era um grande homem”. Ele disse que Jorge vai ficar na história da cidade. Zezin relembrou a última participação de Jorge durante apresentação da Sociedade Musical Novo Século, ocorrida no dia 31/03, no Teatro Municipal.

 

Dr. Nanau começou o ataque frente a Dimas Dantas, afirmando que não era de interesse dele quem Edson Vieira iria colocar como vice na sua chapa, dizendo “a mim pouco me interessa”. Nanau deu destaque sua defesa ao Deputado Federal José Augusto Maia afirmando que iriam sair esse ano as suas emendas. Nanau aproveitou para falar também acerca do caos no trânsito e na quantidade mínima de agentes de transito (três ao todo) que fazem a fiscalização do mesmo em nossa cidade e da falta de sinalização na Avenida 29 de Dezembro. Nanau falou da implantação da nova agência do INSS, que terá seu novo posto construído ao lado do novo Fórum, em frente ao Moda Center.

 

Francisco Ricardo deu destaque ao texto veiculado neste blog, e escrito por Ney Lima, acerca das “possíveis trapalhadas” realizadas pelo deputado ao logo de sua trajetória política e, segundo Francisco, a “falta de Credibilidade do deputado” perante a população. Francisco falou também acerca de uma possível preferência do deputado para que seu filho, Tallys Maia (atualmente na CIRETRAN), fizesse uma possível chapa com Dr. Nanau para concorrer à majoritária nas eleições municipais de outubro e que a mesma indicação de Tallys se confirmaria, caso o mesmo se afastasse do trabalho, de forma a cumprir as exigências para poder concorrer ao pleito.

 

Ernesto Maia deu destaque à defesa do deputado José Augusto Maia, falando da trajetória política de seu tio e das vitórias conquistadas pelo mesmo desde que entrou na política, em 1988. Ernesto atacou Edson Vieira, afirmando que o deputado possuía uma trajetória de muitas derrotas acumuladas ao longo de sua vida pública. Dimas Dantas pediu-lhe um aparte, no qual falou que as derrotas obtidas por Edson Vieira eram relativas e citou o exemplo do ex-presidente Lula. Ernesto, por sua vez, continuou o ataque dizendo a Dimas Dantas: “O senhor vem hoje ao microfone comparar Edson Vieira com Luiz Inácio da Silva. Aí pode dizer que é o fim da picada”. Na ocasião, Ernesto pediu a 3ª CIPM um reforço policial para o bairro da Cohab.

 

Deomedes Brito começou seu discurso falando da importância do Professor Jorge Luiz e que o mesmo iria fazer uma grande falta. Deomedes falou também das constantes mudanças de aliados ao longo das últimas gestões e também da mudança de lado na política. Citou também Dimas Dantas, de forma que o mesmo tivesse cuidado com seus aliados. Deomedes destacou os problemas do trânsito e a falta de sinalização na cidade.

 

Junior Gomes, inicialmente, agradeceu aos moradores da Vila do Pará pela acolhida que teve quando lá esteve, no último fim de semana, junto com outras lideranças políticas. Junior Gomes também aproveitou para falar de algumas denúncias feitas, há um mês, como a doação de tubos de saneamento por uma imobiliária no Bairro Dona Lica e que esse saneamento não foi feito, inclusive, que os tubos já não mais estavam lá. Falou também sobre a audiência da ocupação irregular dos terrenos da prefeitura próximos à feira de gado e da distribuição de medicamentos vencidos na farmácia da Policlínica. Junior Gomes aproveitou para atacar Dr. Nanau por não ter se posicionado sobre o assunto dos medicamentos vencidos.

04
abril

Fernando Aragão é o preferido do PC do B

O BLOG DO NEY LIMA está realizando um levantamento entre os partidos que irão compor a coligação da “situação” em Santa Cruz do Capibaribe.

 

Na apuração feita pelo BLOG, o pré-candidato a prefeito Fernando Aragão (PTB) foi apontando, pela maior parte dos componentes do PC do B, como sendo a melhor opção para disputar a prefeitura pelo Grupo Taboquinha.

 

O partido (PC do B) deve apresentar quatro pré-candidatos a vereador para as eleições deste ano.

02
abril

Partido Trabalhista Cristão promove evento e apresenta seus pré-candidatos.

Lideranças políticas prestigiam evento do partido. Foto: G2 Comunicação Integrada

 Foi realizado neste último sábado (31/03) a reunião do PTC, Partido Trabalhador Cristão.

 

O evento, prestigiado por centenas de pessoas, aconteceu no Fest Hall e contou com as presenças do presidente do partido aqui em santa Cruz do Capibaribe, Mário Melo, de lideranças políticas como o Vereador Dimas Dantas (PP), do pré-candidato a prefeito Edson Vieira (PSDB) e dos deputados estaduais Ricardo Costa (PTC) e Eriberto Medeiros (PTC), este último é o atual presidente do partido em Pernambuco .

 

Na ocasião, o partido também apresentou nomes de pré-candidatos ao cargo de vereador: Jéssyca  Cavalcanti, Nailson Ramos, Nem do Cruz Alta e Irmão Val.

30
março

Entrevista exclusiva

Em uma entrevista com fortes emoções para o BLOG DO NEY LIMA, o deputado federal José Augusto Maia (PTB) falou sobre a sua trajetória política, o medo de ter que deixar a política para cuidar da saúde e anunciou um pronunciamento do senador Armando Monteiro Neto (PTB), acerca da situação do grupo Taboquinha, em Santa Cruz do Capibaribe (PE).

 

 “Cada um sabe o quanto eu lutei, o quanto eu luto por Santa Cruz”, falou José Augusto, relembrando os cargos que públicos que ocupou ao longo de sua jornada e sobre os transtornos, sofrimentos e sedentarismo que cada um proporciona. Vivendo todos os momentos com “fé em Deus”

 

Escute na íntegra: joseaugustomaiaentrevista

30
março

A espera continua

 José Augusto renova licença médica e vai permanecer por mais uma semana em Brasília

 

 

 

Deputado deve continuar sem tratar de assuntos políticos

 

O deputado federal José Augusto Maia (PTB) deve permanecer em Brasília por mais uma semana. A informação foi repassada por um assessor ao Blog.

 

Zé Augusto voltou a fazer exames na tarde de ontem (29), e foi orientado por médicos a permanecer na capital federal. O atestado foi renovado e o deputado não dará expediente na Câmara dos Deputados.

 

A demora no retorno de José Augusto a Pernambuco esfriou o processo político na terra das confecções, já que depende dele a definição dos nomes que irão disputar a prefeitura da cidade pelo grupo de situação.

 

José Augusto Maia ainda se recupera de uma crise hipertensiva, fato ocorrido há uma semana.

 

 

29
março

Vereadores apresentam denúncia e Prefeitura não contesta

Na última reunião da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe – PE, no dia 22 de março, os vereadores Afrânio e Júnior Gomes, da bancada de oposição, fizeram uma denúncia de que medicamentos fora do prazo de validade estariam à disposição da população.

 

Uma denúncia grave, já que medicamentos vencidos prejudicam a saúde e podem levar à morte. No entanto, até o momento não houve qualquer pronunciamento por parte da Prefeitura do município. Uma postura lamentável já que o caso requer atenção e cuidados.

28
março

Clima quente entre vereadores pelo Brasil

 Com a proximidade do período eleitoral a tensão tem reinado em algumas câmaras eleitorais pelo Brasil. Esta semana vários fatos aconteceram.

 

 

Na noite de segunda-feira (26), a sessão na Câmara de Itatinga (SP) foi tumultuada e os vereadores acabaram se espancando no plenário. Dois vereadores começaram uma briga com troca de socos e só foram separados pelos policiais militares que acompanhavam a sessão. As pessoas que assistiam invadiram o plenário e também foram contidas pela PM.

 

Na mesma noite, na Câmara de Feira Nova, em Pernambuco, os vereadores Josenildo Daurino de Paula48 anos, “Juba”, e Joel Cândido Gonzaga, 49 anos, entraram em atrito e luta corporal. O policiamento interveio e apaziguou, porém nenhuns dos dois quiseram representações.

 

Já na manhã de ontem (27), dois vereadores de Sapeaçu, a 155 km de Salvador (BA), brigaram  durante uma sessão na Câmara Municipal. Depois de uma troca de agressões entre os vereadores Zelino Nascimento Ribeiro (PP) e Durval Lago (PP), os dois tiveram que ser contidos para evitar uma situação pior.

 

O desentendimento começou depois que Lago fez críticas ao prefeito George Vieira Gois, também do PP, classificando-o de “ditador”. Zelino, da base aliada, criticou o colega: “O senhor diz hoje que o prefeito é ditador. Ontem, ele dizia que era seu pai, o maior prefeito do mundo”.

 

 

 

Lago não gostou. E retrucou “me respeite, seu satanás. Meu pai já morreu, tu não honras teu pai, eu, honro o meu”, respondeu. Levantando-se em seguida para tentar atingir Zelino com tapas. Ameaçando arremessar o pedestal domicrofone no colega.

 

Já em Santa Cruz…

 

Em Santa Cruz do Capibaribe, espera-se que fatos lastimáveis desde tipo não aconteçam, porém, pode não estar tão longe. Denuncias de conteúdo forte e pessoal tem tomando conta das sessões, principalmente no embate entre os vereadores Fernando Aragão (PTB) e Dimas Dantas (PP).

 

Já o público tem provocado verdadeiras badernas durante as sessões. O presidente da Câmara, Francisco Ricardo (PSDB) não afasta a possibilidade de realizar reuniões fechadas, caso os ânimos não sejam contidos.

28
março

Ernesto Maia responde nota de Bartol Neves

O vereador e pré-candidato a prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Ernesto Maia (PTB), enviou nota à imprensa, esclarecendo fatos que envolvem o comunicador Bertol Neves.

 

Veja a nota na íntegra:

 

 

Caros cidadãos de minha querida Santa Cruz do Capibaribe, lendo blogs da cidade na noite de ontem me deparei com uma série de ataques, todos infundados, feitos pelo comunicador Bartôl Neves. Lendo aquilo, me senti na obrigação de vir a público e responder, com o objetivo de esclarecer alguns fatos, deturpados por Bartôl.

 

1 – No dia 23 de março de 2012, fui agredido verbalmente pelo comunicador na Rádio Vale do Capibaribe, Emissora da qual ele é diretor. Onde de forma raivosa e insana ele disse as seguintes palavras: “O vereador faz(cuspindo no prato que comeu) parte do esquema, aí vem a uma Emissora de Rádio dizer que a mãe do assessor dele foi vítima, ela foi vereador, mas de uma quadrilha que o senhor faz parte e é sub comandante”.

 

Em outro trecho ele diz: “Quer dizer, o cara rouba, leva; eu não gosto de falar palavra diferente, que eu não sei. O que eu gosto de dizer: rouba mesmo, ladrão. Chama de corrupto se quiser, o que desvia, agora na escola onde eu aprendi a ler e a escrever isso se classifica de ladrão. O camarada é ladrão, aí vem para a Emissora de Rádio se passar por vítima e ainda tentar englobar de você uma campanha de trabalho”.

 

Bartôl conclui seu ataque dizendo o seguinte: “Em relação a você, eu queria dizer o seguinte: tenha certeza Ronaldo (Pacas), que jamais você será preso pela Polícia Federal, porque não é gerente de uma Emissora, agora o comportamento dele como político pode ser que a qualquer hora dessas, ele seja algemado pela Polícia Federal”.

 

2 – Reafirmo publicamente que ingressei com uma ação judicial contra ele, já que me senti obrigado a isso, por jamais ter sido citado em nenhum processo referente à polêmica questão da “merenda escolar”. A tia do meu assessor, não a mãe como dito por ele, no referido processo é tratada como vítima, ou seja, não tive nenhuma participação neste processo.

 

Em relação a José Augusto, não existe nenhuma condenação contra ele, que ainda está se defendendo e vai provar que não tem, assim como eu, participação alguma neste processo.

 

3 – Quanto ao fato de persegui-lo, ele deve está sofrendo de algum problema de memória ou foi mal intencionado mesmo. Bartôl Neves, durante muito tempo, foi meu eleitor e prestou serviços a campanhas políticas das quais participei. Em relação à Rádio Polo FM, quando minha família iniciou sua participação na Emissora, o mesmo já havia deixado seus quadros, ocupando inclusive a direção geral da Rádio Vale do Capibaribe.

 

Santa Cruz do Capibaribe me conhece e sabe que convivo muito bem com todos os meios de comunicação. Valorizo o trabalho de cada um dos comunicadores de nossa cidade, no entanto, não permitirei que Bartôl Neves ou qualquer outro, de forma raivosa e caluniosa, servindo muitas vezes de instrumento para políticos que não gostam de mim, tente enlamear meu nome e macular minha imagem de homem público.

 

Assim como você Bartôl, acredito na Justiça, a diferença entre nós é que ao contrário de você, não sou ingrato, respeito os preceitos da democracia e acima de tudo, a honra dos verdadeiros bons cidadãos de Santa Cruz do Capibaribe.

 

Ernesto Maia

28
março

Bartol Neves envia nota à imprensa

Recentemente uma polêmica tem envolvido o comunicador Bartol Neves e o vereador santacruzense Ernesto Maia, o fato polêmico seriam acusações deferidas por Bartol contra Ernesto, que informou que acionará a Justiça.

 

Veja a nota de Bartol:

 

CARTA A POPULAÇÃO

 

– Primeiro quero   agradecer  pelo o espaço  cedido  neste  órgão  de comunicação, sei  que nem  todos irão  divulgar este desabafo de um Radialista que tentar  trabalhar sem ser  refém políticos  e poderosos de nossa cidade. Fiquei sabendo que um vereador  de Santa Cruz do Capibaribe vai ingressar na  Justiça contra  minha pessoa, sei que é um direito que ele tem,  mas eu  acredito muito na Justiça, mesmo  sabendo  que não  tenho dinheiro para contratar vários  advogados como o vereador tem…  aliás   dinheiro  resolve muitas  coisas não  é nobre  vereador? ,  só não conseguiu me calar  e nem vai conseguir.

 

Declaro  a toda população que  venho  sofrendo perseguição  por parte de se  vereador de sua  família há quase  dois anos,  quando  trabalhava em outra emissora (que hoje pertence a família desse honesto vereador)   o vereador  e  seu  tio ficaram  indignados por  que divulgamos alguns fatos  sobre  a Lei da  Ficha  Limpa ( ou Ficha Suja), a qual seu tio se enquadra  e  até  hoje os mesmos não admitem isso,  de lá  pra cá foi só perseguição.

 

Este  vereador e seu tio chegaram a ligar várias  vezes para o gerente e os  proprietários daquela  Rádio, chegando a fazer ameaças que se a Emissora continuasse com nossa equipe iria processar  a mesma, depois de várias ligações e ameaças, só se deram  por  satisfeitos quando  compraram a Emissora  por quase  UM   MILHÃO DE  REAIS.

 

Mesmo depois  de  tudo isso continuam nos  perseguindo, desta  vez o  vereador ligou para o proprietário da Emissora que estou trabalhando  hoje  em dia, por que rebati as  declarações feitas por esse vereador nos microfones da Rádio Vale do Capibaribe a qual faço parte, o mesmo afirmou que a tia de seu assessor foi vítima, ele só esqueceu de dizer de quem? E como foi feito o processo de licitação onde uma firma “fantasma” ganhou a concorrência para fornecer a merenda para as escolas públicas de nossa cidade, ele não falou também que nunca existiu nenhuma  empresa naquele  endereço que é uma residência na zona rural de Santa Cruz,  o vereador também não  falou  que seu tio e outros que fizeram parte da administração dele foram  ACUSADOS PELO  INISTÉRIO PÚBLICO POR FORMAÇÃO  DE   QUADRILHA   e outras fraudes,  durante o governo que este vereador fazia e faz parte e ainda hoje estão no poder,  só não  sei até quando sua  família vai  manobrar os destinos de nossa cidade que  está  tão  sofrida e acabada.

 

Acredito na  coerência dos Homens de Bem dessa Santa cidade,  acredito e confio no Ministério Público, no Poder Judiciário  e nos  poucos  companheiros  de Imprensa que não são  vendidos aos  poderosos, nem fazem  parte  de roubalheiras e patifarias  de maneira que a cidade sabe quem são   AS  HIENAS  que  comem  os restos  mortais da Honra, da Moral e dos  Bons  Costumes.

 

 Acredito  muito  nas pessoas de bem que acompanham nosso trabalho a vários  anos,  defendo os “pequenos”  e lutando  contra  os  poderosos  que pensam que o dinheiro  compra tudo e todos,  que passam como  rolo compressor por cima do  povo  que tenta fazer  o bem e a justiça a favor dos menos favorecidos,  em  fim  acredito em Deus,  pois tenho minha  consciência  tranqüila e sempre que  me deito  consigo dormi,  pois nunca  roubei dinheiro de merenda,  de limpeza pública, não  tenho patrimônio  fantasma nem faço  parte de quadrilha nenhuma.

 

Estou firme  e forte  para o que der e vier sempre  com Nosso  Senhor  Jesus  Cristo,  a frente de tudo.

 

Obrigado a todos e fiquem  com Deus.

Atenciosamente,  Bartôl  Neves

 

Radialista e Blogueiro

 

27
março

Disputa Taboquinha

Armando Monteiro não se pronunciará sobre quadro político em Santa Cruz enquanto Zé Augusto não se recuperar, diz assessor

 

 

Foto: Ney Lima

Armando permanece calado (foto: Ney Lima)

 

Um assessor do senador Armando Monteiro (PTB) revelou ao radialista Silvio José que o parlamentar não vai se pronunciar sobre o quadro político de Santa Cruz do Capibaribe enquanto o deputado federal José Augusto Maia (PTB) não estiver totalmente recuperado.

 

José Augusto Maia passou mal na quinta-feira (28) com quadro de crise hipertensiva.

 

O processo para definição do candidato a prefeito pelo grupo de situação do município está travado e deve continuar assim nos próximos dias.

 

 

26
março

Diogo Moraes aguarda retratação do prefeito de Toritama

O deputado estadual Diogo Moraes (PSB) enviou nota sobre as afirmações do Prefeito de Toritama, Flávio Lima (PSD), que acabou chamando o deputado de “Dioguete” durante entrevista na Rádio Líder FM de Toritama.

Diogo Moraes disse que espera retratação por parte do prefeito Flávio.

 

Confira a nota:

 

A política é a arte de agir em benefício da melhoria da qualidade de vida da população. O homem público deve zelar por este pré-requisito basilar, e acima de tudo, valorizar o respeito daqueles que lhe confiaram um voto de confiança.

 

 

Diante disto, explicito neste momento meu repúdio ao infeliz pronunciamento do prefeito de Toritama, Flávio Lima, que recentemente esteve num veículo de comunicação local proferindo um discurso de baixo nível contra minha pessoa.


O povo de Toritama, que é referência em empreendedorismo e desenvolvimento, que me fez o deputado majoritário na cidade, não admite este tipo de fato, principalmente vindo de uma figura que deveria ser exemplo no trato da coisa pública e se mostra de uma incapacidade, falta de discurso e postura. É clara a reprovação de sua pífia gestão, além de evidenciar uma forte incoerência ideológica ao longo de sua vida pública.


É dessa forma que o prefeito tenta a sua reeleição. Parece nítido que ele sabe que os seus dias à frente do executivo estão contados, visto a sua tamanha reprovação popular. Enquanto isso, o meu pré-candidato a prefeito, Odon Ferreira (PSB), cresce a cada dia e fortalece seu nome e o nome do partido do governador Eduardo Campos nos quatro cantos da cidade.


Esperamos tão breve, que o prefeito reconheça sua imatura atitude e que faça uma retratação pública em nome de todo respeito que o povo de Toritama merece.


Deputado Estadual Diogo Moraes (PSB).

 

26
março

Blog de Inaldo Sampaio destaca lançamento do BLOG DO NEY LIMA

O jornalista Inaldo Sampaio postou ontem em seu blog uma matéria sobre o lançamento do BLOG DO NEY LIMA em Santa Cruz do Capibaribe.

 

Nós que fazemos este BLOG agradecemos ao jornalista Inaldo pela presença e significativa consideração.

 

Confira a matéria:

 

Radialista de Santa Cruz do Capibaribe lança um Blog de Política

O radialista Nei Lima é o mais novo “blogueiro” de Santa Cruz do Capibaribe, uma das mais progressistas cidades do Agreste pernambucano.

 

Conhecido e respeitado nos meios políticos à frente de um programa de debates numa emissora de rádio do município, Nei Lima decidiu inaugurar um Blog para divulgar em tempo real os assuntos políticos da “capital da sulanca” que terá este ano uma das eleições mais disputadas de sua história.

 

Ao lançamento do Blog, sexta-feira passada, numa área de lazer do “Rota do Mar”, compareceram políticos de várias tendências, entre os quais o vice-prefeito José Elias (PTB), o deputado Édson Vieira (PSDB) e o ex-prefeito Ernando Silvestre (DEM).

 

Também estavam lá os pré-candidatos a prefeito pelo PTB Fernando Aragão, Dr. Nanau e Ernesto Maia. Todos são ligados ao deputado federal José Augusto Maia (PTB), que só não esteve presente ao ato porque se encontrava em Brasília convalescendo de uma crise de hipertensão.

 

Convidado por Nei Lima, o editor deste Blog também esteve lá para falar sobre a força das novas mídias, especialmente nas cidades do interior aonde os jornais da capital não chegam ou, quando chegam, o fazem com atraso.

 

Notou-se a ausência no evento, que reuniu aproximadamente 300 pessoas, do prefeito Antonio Figueiroa (PTB) e do deputado estadual Diogo Moraes (PSB).

 

http://maisab.com.br/tvasabranca/inaldosampaio/2012/03/25/radialista-de-santa-cruz-do-capibaribe-lanca-um-blog-de-politica/

22
março

Zé Augusto fala sobre pesquisa eleitoral

Zé Augusto explica pesquisa eleitoral

 

Após a polêmica envolvendo os panfletos no inicio desta semana, o deputado federal e líder Taboquinha, José Augusto Maia (PTB), informou que a pesquisa de intenção de voto que definirá o candidato à prefeito, do grupo, deverá ser finalizada e o resultado anunciado neste fim de semana.

 

Zé Augusto lembrou que “são duas pesquisas uma qualitativa e uma quantitativa” e que serão analisadas por um cientista político. O deputado enfatizou ainda que a demora é causada porque há uma precaução na hora de dar o resultado para os candidatos, principalmente os que não serão escolhidos:

 

– Tem cautela também na hora de dar o resultado para eles (os pré-candidatos), porque o vencedor é muito bom, na hora faz a festa. E para que não tenha duvidas, teremos um cientista político que vai conversar com eles, mostrando os resultados, tecnicamente, cientificamente. Qual o resultado, os motivos. Na qualitativa e na quantitativa, para que eles não tenham duvidas de que tudo foi feito com seriedade. A demora é mais por isso, esclareceu o líder.

 

Maia informou ainda que a pesquisa não foi anunciada antes, porque o período que seria feita foi a semana pré-carnavalesca e que a cidade fica praticamente vazia, decidindo durante reunião do grupo, que a pesquisa seria feita depois do Carnaval, quando os santracruzenses votam para casa.

21
março

Edson Vieira responde a José Augusto sobre caso dos panfletos

Vieira responde as acusações de José Augusto

 

Logo após as afirmações do deputado estadual Diogo Moraes (PSB), nossa equipe foi contactada pelo também deputado estadual Edson Viera (PSDB), que completou a resposta sobre as afirmações de José Augusto Maia (PTB):

 

“Quem foi que mandou pixar a frente da Prefeitura? Que orquestrou a vaia que ao prefeito Toinho do Pará na Cohab? Nosso grupo nunca fez isso. A população sabe de quem é essa prática”, afirmou Edson.

 

21
março

Zé Augusto se pronuncia sobre onda de panfletos

Zé Augusto afirma que a suposta pesquisa partiu da oposição

O deputado federal José Augusto Maia (PTB) foi informado por telefone, através do Blog do Ney Lima, sobre os panfletos espalhados na cidade com um suposto resultado de pesquisa de intenção de voto.

 

Entrevistado, ao vivo, na Rádio Comunidade, Zé Augusto atribuiu a onda de panfletos ao grupo de oposição da cidade.

 

“Quem fez isso fez de forma burra. Um panfleto burro e incompetente, quem fez isso fez para causar confusão entre no nosso grupo, isso é coisa dos nossos adversários”, afirmou o deputado.

21
março

Panfletos com suposta pesquisa são espalhados na cidade

A cidade amanheceu repleta de panfletos com o suposto resultado da pesquisa do grupo Taboquinha.

 

A suposta pesquisa aponta o vereador Doutor Nanau liderando com 18%, contra 13,7 de Ernesto Maia. O vereador Fernando Aragão aparece com 6,3% e o atual vice-prefeito Zé Elias com 2%.

 

Nossa equipe de reportagem tentou contato com o vereador Doutor Nanau mas, ele não atendeu ou respondeu nossas ligações.

 

Os panfletos devem gerar muita confusão no já conturbado processo de definição do pré-candidato a prefeito pelo grupo Taboquinha.

20
março

Tallys Maia falará sobre sua possível indicação à vice

Tallys Maia possível vice do grupo Taboquinha

 

Possível herdeiro político do deputado federal José Augusto Maia, o jovem Tallys Maia, falará sobre o assunto durante entrevista à Rádio Comunidade na manha desta terça-feira (20).

 

Tallys tem sido citado, por várias fontes, como possível indicado para a vice-prefeito, no grupo Taboquinha, mas a hipótese tiraria do vereador Ernesto Maia, sobrinho de José Augusto, a chance de disputar a prefeitura.

 

Ontem (19), o deputado José Augusto participou do programa “Enfoque Político”, da Rádio Polo FM, e negou a indicação direta para o filho, mas admitiu que o nome de Tallys tem sido citado dentro do grupo em virtude da necessidade de aglutinar juventude na chapa.

 

A participação de Tallys Maia está prevista para as 11 horas da manhã de hoje pala Comunidade FM, 87,9 e pode ser acompanhada, ao vivo, pelo BLOG DO NEY LIMA.

 

16
março

Dimas é anunciado como vice de Edson

Dimas Dantas é anunciado oficialmente como vice de Edson Vieira

 

Foi anunciado às 10h30min da manhã de hoje (16), na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, oficialmente, o vereador Dimas Dantas como candidato à vice-prefeito na chapa encabeçada por Edson Vieira.

 

Estava presente, imprensa, correligionário e chamou a atenção do público, que lotou a Câmara, o apoio do ex-vereador Natálio Arruda – que fez parte do grupo Taboquinha.

 

Edson e Dimas entraram no plenário da Casa José Vieira de Araújo de mãos dadas e fizeram discursos, juntamente com outros correligionários presentes.

Notícias Anteriores


 




error: Copiando nosso texto?