24
maio

Bell Marques, Wesley Safadão e Alok são confirmados no São João da Moda

Na tarde desta sexta-feira (24) foram confirmadas as atrações do São João da Moda 2019. Os festejos na ‘Arena da Moda’, montada no campo municipal Arizão, acontecerão de 21 a 29 de junho. Além disso, haverá programação para os distritos do Pará e Poço Fundo, em 1 e 16 de junho, respectivamente.

Entre as atrações, artistas renomados no cenário nacional, como Bell Marques, Wesley Safadão e o DJ Alok. O nome do cantor Leonardo já havia sido antecipado no Blog durante a semana.

A animação do evento ficou por conta da banda santa-cruzense Forró Gostoso.

Em evento realizado para convidados e imprensa, em um restaurante da cidade, o prefeito Edson Vieira (PSDB) divulgou a programação completa para o palco principal.

Dia 15 (sábado) – Gente Boa e Jerry Vaqueiro (Pará)

Dia 16 (Domingo) – Magníficos (Poço Fundo)

Dia 21 (sexta-feira) – Leonardo, Renno e Forró dos Bossas

Dia 22 (sábado) – Wesley Safadão, Amigos Sertanejos, Alysson Levado e Jordão Jó

Dia 23 (domingo) – Jorge de Altinho, Solteirões do Forró, Decentes do Forró e Fagundes

Dia 24 (segunda) – Márcia Fellipe, Alok, Bidinga do Acordeon e Bedeu Quirino

Dia 28 (sexta-feira) – Bell Marques, Cavaleiros do Forró e Bidinga do Acordeon

Dia 29 (sábado) Luan Estilizado, Davi Firma, Gleydson e Henrick e Garota Dengosa

A programação do Polo Multicultural será lançada na próxima semana pela Gerência de Cultura. Este ano, o evento traz como homenageados os sanfoneiros Zuza de Mandaçaia e José Glicério da Silva Filho, o popular Zé Novo (In memoriam).

Zuza de Mandaçaia discursou no evento e agradeceu pelo reconhecimento de sua importância para o cenário musical da cidade.

“Estou muito feliz em ser um dos homenageados, pra mim é uma satisfação ser lembrado em um dos maiores festejos juninos do Estado. Parabenizo todos pela organização”, falou.

Durante o lançamento o prefeito Edson Vieira falou da grandiosidade alcançada pelo São João da Moda.

“O São João da Moda é um patrimônio de Santa Cruz do Capibaribe, não pertence a nenhum grupo político como quiseram rotular a festa. Hoje estamos entre as melhores festas juninas de Pernambuco, fruto de muito trabalho, visão e compromisso com o nosso povo”, disse.

Polos de animação

O festejo junino deste ano terá dois polos de animação, a Arena da Moda e o Multicultural. O primeiro irá trazer atrações consagradas nacionalmente e artistas regionais, com estrutura para receber um público de aproximadamente 60 mil pessoas diariamente. O Multicultural, como o próprio nome diz, vai reunir a diversidade regional com uma variedade de ritmos como forró pé-de-serra, forró estilizado, brega, violeiros, entre outros.

Estrutura

A estrutura do São João da Moda vai contar com vila cenográfica, camarotes família, camarote frontstage, camarote da acessibilidade, espaço para alimentação, piso easyfloor (o mesmo do ano passado) e parques de diversão.

Segurança

A Guarda Civil Municipal vai atuar em conjunto com as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e apoio do Ministério Público, Poder Judiciário e Conselho Tutelar, além de segurança privada e câmeras de videomonitoramento. Haverá revista pessoal em todos os acessos do festejo com aparelhos detectores de metal e equipe especializada. Os forrozeiros também contarão com apoio de ambulância com profissionais de saúde todas as noites.

22
maio

Vazamos: Leonardo se apresentará no São João da Moda 2019

O cantor Leonardo estará em Santa Cruz do Capibaribe no próximo dia 21 de junho, durante o São João da Moda 2019. A prefeitura divulgará a programação na próxima sexta-feira (24).

Renomado nacionalmente, o cantor se apresentou no palco principal do evento da Capital da Moda em 2017, na oportunidade com imenso público.

O cantor formou dupla com o irmão Leandro, em 1981. Em 23 de junho de 1998, Leandro faleceu em decorrência de um câncer raro e Leonardo seguiu carreira solo.

Leonardo nasceu em Goianápolis, interior de Goiás, em 25 de julho de 1963. Com incontáveis fãs espalhados por todo o Brasil, tem entre seus maiores sucessos , clássicos como “Entre tapas e beijos”, “Pense em mim” e “Um Sonhador”.

 

22
maio

Prefeito confirma lançamento do São João da Moda para sexta (24)

 

O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB), confirmou na tarde desta quarta-feira (22), durante participação no Programa Rádio Debate, que o lançamento oficial do São João da Moda 2019, será realizado na próxima sexta-feira (24), em um restaurante da cidade.

O gestor adiantou que, diferentemente de anos anteriores, o evento será exclusivo para imprensa, homenageados e familiares dos homenageados deste ano.

O lançamento foi adiado em duas oportunidades, com os impasses judiciais. Na manhã de hoje, o juiz Moacir Ribeiro da Silva Júnior, revogou a decisão, por entender que a prefeitura está em dias com suas obrigações com os servidores, previdência própria e repasses de empréstimos consignados.

Sem repassar números, Edson Vieira garantiu que, em 2019, haverá uma diminuição significativa nos investimentos, comparados a anos passados.

O prefeito não adiantou atrações. Segundo ele, Gustavo Lima estava na lista, mas, em virtude dos impasses nos ultimos meses, não foi possível fechar acordo.

 

 

22
maio

Urgente: Juiz revoga liminar e São João da Moda será realizado

Matéria Atualizada às 12h15

O juiz Moacir Ribeiro da Silva Júnior revogou, nesta quarta-feira (22), a liminar que impedia a realização do São João da Moda 2019. A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe estava impedida de realizar eventos com gastos públicos desde dezembro do ano passado, caso existissem obrigações financeiras pendentes.

Semana passada, a prefeitura apresentou sua defesa, alegando ter colocado as contas em dia.

Nos últimos dias, o promotor Lúcio Cabral defendeu que a liminar, não poderia ser modificada, porque a prefeitura teria perdido o prazo para recorrer. O Blog do Ney Lima teve acesso ao conteúdo completo desta decisão, onde o juiz ratificou questão legal para revogação da decisão.

“O artigo 296, dispõe que ‘a tutela provisória conserva sua eficácia na pendência do processo, mas pode, a qualquer momento, ser’ revogada ou modificada”, diz o juiz em trecho de sua decisão, complementando em seguida; “Assim sendo, com base no mencionado dispositivo, o magistrado pode alterar o seu convencimento preliminar e provisório avaliando a necessidade de manutenção ou não da tutela de urgência, podendo, inclusive, modificá-la, diante de fatos novos que alterem o seu convencimento preliminar”.

Ministério Público não conseguiu demostrar existência de débitos

Em outro trecho de sua decisão, o juiz Moacir Ribeiro aponta que faltou ao Ministério Público ‘demonstrar cabalmente’ a continuidade das dívidas da prefeitura.

A proibição estava vinculada, diretamente, ao atraso com o pagamento dos salários dos servidores e com as obrigações perante às empresas terceirizadas, além de débitos com os repasses previdenciários e valores retidos dos servidores para pagamento dos empréstimos consignados.

“O requerente (Ministério Público) teria que demonstrar cabalmente a perpetuidade das situações que ensejaram o deferimento da tutela de urgência, o que não ocorreu no caso em apreço”, diz o juiz e acrescenta em outra parte “No presente caso, o autor alegou desacerto das contas municipais, no que tange ao pagamento de verbas salariais de seus servidores. Entretanto, não corroborou suas alegações com qualquer documento hábil a comprovar tal situação”.

Esta semana, o Ministério Público sustentou também que a soma dos valores repassados pela Prefeitura ao Santa Cruz Prev, apresentados à justiça, não alcançariam o valor total devido de quase R$ 2 milhões. No entanto, o juiz Moacir Ribeiro da Silva Júnior entendeu que documentos apresentados pela diretora do Santa Cruz Prev, Elaine Silva, alegando que a prefeitura está em dia com órgão, “possui sua veracidade presumida”.

Caixa atesta que repasses dos empréstimos consignados estão em dia

Por fim, o juiz alegou que a própria Caixa Econômica Federal reafirmou que o poder público municipal se encontra em situação legal no que diz respeito aos repasses de empréstimos consignados.

“O convênio para Empréstimos em consignação em folha, para Servidores Municipais da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe/PE, se encontra adimplente, até a presente”, diz resposta da Caixa, encaminhado à justiça, em 10 de maio deste ano.

O Ministério Público ainda pode recorrer da decisão.

20
maio

Exclusivo – Promotor contesta prefeitura sobre quitações de débitos e defende que decisão liminar que impede a realização de festas com gastos públicos já não pode ser modificada

 

 

EXCLUSIVO

O embate jurídico em que se transformou a tentativa de realização do São João da Moda 2019 ganhou um novo capítulo nesta segunda-feira (20). O promotor Lúcio Carlos Malta Cabral apresentou mais uma petição ao processo que suspendeu a realização de festividades com investimento de recursos públicos em Santa Cruz do Capibaribe e questionou duramente as argumentações da prefeitura de que as contas públicas estariam em dia, especialmente no que se refere aos repasses com o Fundo Municipal de Previdência Social de Santa Cruz do Capibaribe (Santa Cruz Prev).

 

Promotor aponta contradições em declaração assinada pela diretora do Santa Cruz Prev

 

O Ministério Público apontou que a diretora-presidente do Santa Cruz Prev, Elaine Silva, apresentou informações “conflitantes” e sustenta que a Prefeitura de Santa Cruz apresentou no processo “várias quitações misturadas (…) que não comprovam a saúde financeira do referido Fundo Municipal”.

 

 

O promotor revela que o atestado assinado pela diretora Elaine e incluído pela prefeitura no processo judicial dos eventos é datado de 14 de março deste ano. No entanto, um dia antes, em 13 de março de 2019, Elaine Silva prestou depoimento ao promotor Carlos Eugênio e afirmou que a prefeitura possuía débitos em repasses patronais referentes aos meses de novembro, dezembro e competência do 13º salário, relativas ao ano de 2018. No dia 20 do mesmo mês a diretora apresentou uma planilha, informando que até aquela data havia um débito de quase R$ 1,9 milhão com o Santa Cruz Prev.

 

 

“como a referida servidora atestou em 14 de março de 2019 que o Santa Cruz Prev estava sanado se em 20 de março de 2019, a mesma servidora encaminhou ao Ministério Público uma planilha contendo débitos na ordem de quase 1.900.000,00 (um milhão e novecentos mil reais)?”, indaga o MPPE no processo.

 

 

“Assim, pode-se chegar a conclusão de que a Prefeitura anexou várias quitações misturadas, algumas relativas aos meses de Janeiro, Fevereiro, Março e Abril de 2019, de débitos a vencer, que não comprovam a saúde financeira do referido Fundo Municipal, de modo que as declarações anexadas pela Diretora do Santa Cruz Prev são conflitantes”, interpreta o promotor no texto da petição.

 

Promotor indica que valores dos repasses comprovados, não atingem soma devida

 

O Ministério Público sustentou também que a soma dos valores repassados pela Prefeitura ao Santa Cruz Prev. apresentados na justiça não alcançam o valor total devido.

 

“Após o dia 20.03.2019, foram anexados três comprovantes de pagamento, datados de 10.04.2019, 10.05.2019 e 07.05.2019, os quais, SOMADOS, chegam ao quantitativo de quase R$ 980.000,00 (novecentos e oitenta mil
reais), valor este bem inferior ao indicado”, diz o promotor no processo.

 

 

Juiz não pode reformar a decisão liminar, diz promotor

 

O Blog do Ney Lima apurou ainda que o promotor Lúcio Cabral defende que a decisão liminar, proferida pelo juiz Moacir Ribeiro da Silva Júnior em dezembro de 2018, não pode ser modificada porque a prefeitura teria perdido o prazo para recorrer da decisão.

 

A liminar que impede a Prefeitura de Santa Cruz de realizar gastos com festejos enquanto as obrigações financeiras do município estiverem em atraso é datada de 20 de dezembro de 2018. De acordo com o Ministério Público, o município teve 15 dias para apresentar recurso contra a decisão, mas não o fez.

 

“Assim, houve preclusão quanto à irrecorribilidade da decisão antecipatória do mérito, não sendo possível a este juízo reformar a decisão liminar a partir de um mero pedido de reconsideração da parte ré (a prefeitura)”, sustenta do Ministério Público.

 

O promotor aponta ainda que o novo código de processo civil “estabeleceu que se torna estável a decisão proferida em sede de tutela antecipada e que não é alvo de recurso”.

 

Prefeitura afirma que houve equivoco na data da declaração da diretora do Santa Cruz Prev e apresenta correção após posicionamento do Ministério Público

 

Sobre o conflito de datas mas declarações da diretora do Santa Cruz Prev, a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe afirmou ao Blog do Ney Lima que “houve de fato um equívoco na data da referida declaração enviada, pois constava 14/03/19 e na verdade a declaração correta é referente ao dia 14/05/19”. De acordo com a nota um petição foi apresentada ao processo ainda na tarde desta segunda-feira (20).

O governo sustenta ainda que os repasses ao fundo estão em dia. Confira a nota na íntegra:

 

Nota- Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Com relação a matéria veiculada no blog do Ney, a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe vem informar que protocolou nesta segunda-feira (20), manifestação contestando a referida peça da promotoria, reforçando mais uma vez, que os pagamentos repassados ao Santa Cruz Prev estão em dia.

Com relação aos dados “conflitantes” esclarecemos que houve de fato um equívoco na data da referida declaração enviada, pois constava 14/03/19 e na verdade a declaração correta é referente ao dia 14/05/19. Esta situação já foi enviada e corrigida, acompanhada de documentos individualizados que comprovam o efetivo pagamento das obrigações do referido instituto de previdência.

Posicionamento do juiz ainda é aguardado

 

Caberá ao juiz Moacir Ribeiro Júnior se prenunciar a qualquer momento sobre o conflito entre o que defende o Ministério Púbico e os argumentos lançados pela Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe. Enquanto isso, a realização do São João da Moda segue suspensa.

18
maio

Na história – Há 5 anos, Santa Cruz perdia o cantor Robério Souza

Por volta das 19h do dia 18 de maio de 2014, falecia vítima de acidente de trânsito na BR-104, próximo ao trevo de acesso ao distrito de Pão de Açúcar, pertencente à Taquaritinga do Norte, o cantor Robério Souza aos 48 anos de idade.

Robério Souza nasceu no dia 25 de setembro de 1965, na cidade de Custódia. Em sua adolescência, ele fazia parte do coral da Igreja Adventista do Sétimo Dia. O então jovem passou a residir em Santa Cruz do Capibaribe em 1985, quando começou a trabalhar em uma gráfica da cidade.

Além da música, Robério também começou a trabalhar como fotógrafo, porém o que mais chamava atenção era o dom de cantar e tocar violão. Na Capital da Moda, o artista começou a participar de festivais de músicas, além de realizar shows em serestas e comícios interpretando canções sertanejas na década de 1990.

Robério gravou o seu primeiro CD no ano 2000 e lançado em 2001, o disco foi produzido por Marcelo Santa Cruz e também autor do seu primeiro grande sucesso “Vale a Pena Te Querer”.

No total, Robério gravou 5 cds e suas últimas apresentações públicas no município foi na edição 2014 do “Bregaribe”, no dia 30 de abril e também no bairro da Palestina, onde realizou um pequeno show em homenagem as mães daquela localidade.

Em seu sepultamento amigos prestaram as últimas homenagens e na ocasião cantaram a música “Agora quem parte sou eu”, canção que foi gravada e interpretada pelo seu maior ídolo musical, o cantor e já falecido Paulo Sérgio.

Confira abaixo a participação de Robério Souza em uma das edições do Bregaribe:

17
maio

Em Santa Cruz – Edson Tavares lança livro contando a história do rádio caruaruense

Na noite desta quinta-feira (16), o Professor e Escritor, Edson Tavares, lançou o livro “Amplitude Modulada – Os Locutores e o Rádio de Caruaru”, no Teatro Municipal de Santa Cruz do Capibaribe.

Na oportunidade, aconteceu uma palestra sobre o rádio caruaruense nas décadas de 70 e 80, e sua influência na comunidade santa-cruzense. Foram exibidos vídeos com a história das três emissoras AM de Caruaru, com a utilização de vinhetas, características de programas, fotos e vozes dos locutores da época.

Em entrevista concedida ao Rádio Debate, Edson Tavares revelou que a obra é fruto de um amor que tem pelo rádio desde a sua infância, e completou que o trabalho durou cerca de quatro anos de pesquisas para transformar tudo em livros.

“A inspiração veio da paixão pelo rádio que é desde o meu tempo de menino aqui em Santa Cruz do Capibaribe, e que através de um rádio do meu pai eu comecei a conhecera as vozes que faziam parte das emissoras de Caruaru. Esse trabalho durou quatro anos, conversando e procurando chegar a todos os profissionais do microfone das três emissoras de rádio desde 1951 até os dias atuais” – revelou.

Durante o lançamento no Teatro Municipal, o radialista Erivaldo Silva que atualmente trabalha em Santa Cruz do Capibaribe, e que já fez parte da radiofonia de Caruaru, onde trabalhou na Rádio Difusora (hoje Rádio Jornal) e Rádio Liberdade, falou sobre a felicidade em fazer parte da história do rádio da Capital do Agreste.

“Me sinto muito orgulhoso e feliz por ser parte integrante dessa obra, pois acredito que colaborei e colaboro com a radiofonia desse nosso Agreste” – frisou.

A obra é composta por três volumes, traz também um rico acervo fotográfico, relatos de fatos pitorescos e um resumo da presença do rádio desde o século XIX, no Brasil e no mundo.

Entrevista com Edson Tavares no Rádio Debate:

 

15
maio

São João da Moda: Prefeitura apresenta explicações à justiça e afirma que obrigações com folha de pagamento, repasses consignados e previdência estão em dia

 

 

 

A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, através do procurador Marcelo Diógenes, apresentou nesta quarta-feira (15), uma resposta aos questionamentos levantados na Justiça pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) de que o município não poderia realizar gastos com festas públicas, enquanto o município estiver com pagamentos em atraso. As alegações fazem parte de uma ação civil pública com decisão liminar obtida desde dezembro de 2018.

Na tentativa de mudar a decisão judicial, a Prefeitura de Santa Cruz alegou que “durante esses 05 (cinco) meses o município conseguiu colocar em dia todo débito atrasado, referente aos consignados, RPPS (Regime Próprio de Previdência Social) e RGPS (Regime Geral de Previdência Social), estando atualmente com o pagamento da folha salarial sendo efetuado até o 5º dia útil de cada mês”.

A procuradoria alega ainda que o município vem atendendo a decisão liminar proferida pelo juiz local e ao que pede a recente recomendação conjunta emitida pelo Tribunal de Contas, Ministério Público de Contas e MPPE.

 

São João 2019 terá maior parte das despesas pagas pela iniciativa privada, diz Prefeitura

 

 

Ainda na resposta apresentada a Justiça, a Prefeitura de Santa Cruz alegou que as despesas do município com o São João da Moda 2019 estão previstas para serem menores que os gastos nos anos anteriores.

A explicação é que o processo licitatório, aberto este ano, impõe um aumento de obrigações a serem cumpridas pela empresa vencedora.

A procuradoria do município explica que o modelo de concessão previsto neste ano não foi aplicado nos anos anteriores devido à incerteza quanto ao sucesso do evento “que se mostrou viável em razão da quantidade de turistas que frequentaram o São João da Moda nestes últimos 02 (anos), girando em torno de 30 (trinta) mil pessoas durante as principais atrações”.

O município alegou ainda que até o momento não realizou nenhuma despesa com contratações de shows ao algo que pudesse contrariar os efeitos da decisão judicial em vigor.

 

 

UPA atende com normalidade e algumas obras paralisadas aguardam recursos do Governo Federal, diz Prefeitura de Santa Cruz

 

 

Em contraponto aos argumentos apresentados pelo Ministério Público, a prefeitura de Santa Cruz alegou que os atendimentos da UPA da cidade acontecem normalmente, com média de 400 pessoas atendidas todos os dias.

A prefeitura apontou como exemplo de esforços do município na manutenção dos serviços, a existência de um débito de mais de R$ 1,6 milhões do Governo do Estado para com a saúde do município, conforme relatório do Conselho de Secretarias Municipais do Estado de Pernambuco (COSEMS-PE).

 

 

Juiz decidirá se aceita ou não explicações da prefeitura para realização do São João

 

 

Com o envio da resposta por parte da Prefeitura, caberá ao juiz Moacir Ribeiro Júnior decidir a qualquer momento se aceita ou não os argumentos suspendendo ou mantendo a limiar que este momento impede a realização do São João da Moda com gastos públicos.

14
maio

Edson Tavares realizará palestra e lançamento de livro em Santa Cruz  

Na próxima quinta-feira (16), o Professor e Escritor, Edson Tavares, estará lançando o livro “Amplitude Modulada – Os Locutores e o Rádio de Caruaru”, no Teatro Municipal de Santa Cruz do Capibaribe. O evento terá início às 19h, com entrada gratuita.

Na oportunidade, haverá uma palestra sobre o rádio caruaruense nas décadas de 70 e 80, e sua influência na comunidade santa-cruzense. Serão exibidos vídeos com a história das três emissoras AM de Caruaru, utilizando vinhetas, características de programas, fotos e vozes dos locutores da época.

Obra – O livro “Amplitude Modulada – Os Locutores e o Rádio de Caruaru” é o resultado de uma pesquisa de quatro anos, realizada pelo Prof. Edson Tavares, da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), e conta a História do rádio AM de Caruaru, através da biografia de mais de duas centenas de locutores que usaram os seus microfones, desde a década de 1950.

A obra, composta por três volumes, traz também um rico acervo fotográfico, relatos de fatos pitorescos e um resumo da presença do rádio desde o século XIX, no Brasil e no mundo.

Acondicionados numa caixa temática, os três volumes têm um valor de R$ 90,00, e se encontram à venda nos seguintes locais, em Caruaru: Banca Terceiro Mundo, Livraria Imperatriz e Bodega de João Doutor (Shopping Difusora), Armando Art’s Fotográficas (Rua Porto Alegre, centro), Soparia do Gordo (Av. Dom Bosco) e Bule de Barro (Polo Caruaru).

08
maio

The Voice Student 2019 abre nova temporada em Santa Cruz

Considerado um programa de sucesso pela Prefeitura Municipal e Secretaria de Educação de Santa Cruz do Capibaribe, o The Voice Student teve início nesta segunda-feira (06) a sua temporada 2019. Essa já é a quarta edição do projeto para descoberta de novos talentos.

Este ano estão participando como técnicos: Alexiana Muniz, Jaime Papão, Jeysiel Marcos e Paulas Voices, que trazem suas experiências musicais para melhorar o desempenho dos estudantes, e escolher dentre os 24 candidatos, a voz campeã da edição.

De acordo com a secretária executiva pedagógica, Fátima Neves, ao todo, o projeto consegue mobilizar mais de mil alunos durante o período em que as escolas escolhem seus representantes.

Joselito Pedro, secretário de Educação, participou da abertura e parabenizou o envolvimento das escolas no projeto. “Há quatro anos que desenvolvemos esse projeto maravilhoso que nos enche de alegria e expectativa. Estamos vendo um teatro lotado com a participação da comunidade escolar, dos pais e dos diretores das unidades de ensino”.

Para a aluna da Escola Evangélica, Jéssica Fernanda, esse programa serve como inspiração para a realização de sonhos. “O projeto representa muito coisa porque muitas crianças daqui não tem como investir sozinhas na carreira, e o The Voice Student possibilita esse sonho. Desejo investir na carreira e quem sabe um dia chegar no programa da TV Globo”, disse.

No regulamento do programa os alunos cantam para os técnicos nas chamadas audições às cegas. Os treinadores ficam de costas para as apresentações e caso optem pelo candidato, viram as cadeiras, fazem suas colocações e começam as formações das equipes.

Antes disso, a primeira fase da competição foi realizada nas escolas, onde cada unidade de ensino escolhe seu representante. Essa etapa conta com a presença de técnicos auxiliares, dando dicas e orientações aos participantes. O segundo período conta com as disputas eliminatórias e a formação de equipes.

A final do projeto acontece durante a realização do São João da Moda, onde os três finalistas se apresentam no Palco da Moda e são julgados pelos técnicos, que escolherão a voz campeã.

A Prefeitura e a Secretaria de Educação irão proporcionar ao campeão um ano de aula de música gratuita e troféus aos três finalistas. A deputada estadual Alessandra Vieira, irá ofertar um violão ao campeão.

Histórico de sucesso – O programa foi responsável por levar adiante cantores que se tornaram campeões e conseguiram participar do The Voice Kids, da TV Globo, como são os casos de Júlia Costa, que participou da edição 2018, e de Yasmin Ruth que esteve esse ano no programa global.

07
maio

Programação completa da Festa do Bode Rei 2019 de Cabaceiras (PB) é divulgada

Festa do Bode Rei que acontece em Cabaceiras, no Cariri da Paraíba, entre 31 de maio e 2 de junho. — Foto: Divulgação.

Foi divulgada nesta terça-feira (07) a programação da Festa do Bode Rei 2019, em Cabaceiras, no Cariri paraibano, município que fica a 64 quilômetros de Santa Cruz do Capibaribe. Na edição deste ano, os destaques de shows ficam por conta de Amazan, Lúcia Lemos e Vicente Nery, mas a programação também conta com mais música e outras atividades.

O evento vai acontecer entre os dias 31 de maio e 2 de junho. Na sexta-feira 31 de maio a abertura acontece com Amazan, Forró Lampejo e Rogério Ventura e Banda. Os shows ocorrem a partir das 21h, no arraial Líu dos Oito Baixos.

No dia 1º de junho a festa começa a partir das 11h, com Lucia Lemos, Trio Asa Branca, Forró do Bode Rei, Forró Gente Bode e Messinho Atualizado. Durante a noite tem mais shows no Roliúde Hall, a partir das 22h com Vicente Nery, Hanry Freitas e Bedeu Quirino, que é um dos representantes santa-cruzenses no “Vem Cantar Forró” da TV Asa Branca.

No domingo dia 2 de junho, as atividades começam às 10h, no Arraial Popular com Hermes Lira, Samara Costa, J.Show e Forrozão Chapéu de Palha, Berinho Lima, Klever Lemos e Forró Anos Dourados.

Além da programação de shows musicais, a Festa do Bode Rei também tem vilas de gastronomia com carne de bode, feira de artesanato, exposições, competições, concursos e seminários. Um dos destaques da festa é o concurso do Bode Rei.

 

Fonte: G1 Paraíba.

07
maio

Programação esportiva e shows marcam 132 anos de Taquaritinga do Norte

Na próxima sexta-feira (10), o município de Taquaritinga do Norte completa 132 anos de emancipação política. Para comemorar, a Prefeitura está realizando, através da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte, programação esportiva e festiva durante a semana.

No início do mês, houve atividades relacionadas à história do município nas Escolas e na segunda (06) torneio de futsal.

Nessa terça-feira (07) está programado torneio de vôlei, na quarta-feira (08) haverá torneio de futsal feminino e na quinta (09) disputa no futsal com veteranos e handebol. As competições estão previstas para às 17h, na quadra de esportes do município.

A programação esportiva tem como tema “O Esporte tem a Capacidade de Transformar pensamentos educando o jovem pelo prazer”.

Finalizando, na sexta-feira (10) haverá corrida de rua, desfiles cívicos e missa em Ação de Graça, além de shows em praça pública a partir das 22h, com Davi Firma e a dupla Gleydson e Henricky.

 

06
maio

Mais de mil pessoas participam da segunda caminhada ‘Os passos de Ibiapina’

No domingo (05) aconteceu em Santa Cruz do Capibaribe, a segunda Caminhada “Os passos de Ibiapina”. Fiéis da paróquia do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, caminharam aproximadamente 12 km entre a paróquia e o sítio Poço da Lama, na zona rural.

De acordo com organizadores, participaram mais de mil pessoas. O evento relembra Padre Ibiapina, um dos grandes responsáveis pela evangelização e organização de diversas comunidades cristãs na região, inclusive em Santa Cruz.

A saída aconteceu nas primeiras horas do domingo, com concentração ainda durante a madrugada. Confira mais imagens:

 

06
maio

Jorge de Altinho e Geraldinho Lins serão atrações no São João de Toritama

Foram confirmadas, neste final de semana, as primeiras atrações que deverão se apresentar no São João da Torre 2019.

Os pernambucanos Jorge de Altinho e Geraldinho Lins foram anunciados em meio aos shows do Festival do Jeans.

O São João da Torre, acontece tradicionalmente no largo de Fazenda Velha. Este ano as datas dos festejos serão nos dias 12 e 30 de junho.

Além do Polo de Fazenda Velha, a prefeitura já confirmou o São João nos bairros e o apoio à Moridrilha, festa organizada há 20 anos pelo vereador Morica.

Com informações de Evandro Lins, correspondente do blog em Toritama

03
maio

Homenageados do São João da Moda de Santa Cruz são divulgados pela Prefeitura

Na manhã desta sexta-feira (03), o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, divulgou em reunião quem serão os homenageados do São João da Moda 2019. Os escolhidos pelo gestor e pela equipe do evento foram Zuza de Mandaçaia e José Glicério da Silva Filho, mais conhecido por “Zé Novo”, ambos sanfoneiros. O Festival Biu & Gogó de Quadrilhas de Ruas terá Fogoió dos oito baixos como homenageado especial.

O convite transmitido pelo prefeito Edson Vieira, pelo vice-prefeito Dida de Nan e pelos coordenadores do evento, Alberto Grilo e Bartôl Neves,  deixou familiares e o homenageado em vida surpresos e emocionados.

“Quero agradecer aos filhos de seu Zé Novo, ao meu amigo Zuza de Mandaçaia e a Robson, filho de Fogoió, por terem aceitado nosso convite. Cada um deles tem sua história na cultura de Santa Cruz do Capibaribe”, falou o prefeito Edson Vieira durante a reunião.

Robson Araújo, filho do sanfoneiro Fogoió dos oito baixos, comentou sobre a segunda homenagem que seu pai recebe no São João.

“Pra mim é motivo de alegria e muita emoção saber que meu pai sempre vem sendo lembrado pelo prefeito Edson em eventos que eram sua cara. O São João era a época que ele mais gostava e tinha dedicação total quando era chamado para tocar em quadrilhas e festas juninas. Agradeço em nome da família Fogoió”, disse.

“Eu já esperava receber um convite para ser homenageado, porque o prefeito sempre falava de sua intenção e eu agradeço pela lembrança no nosso nome. Temos uma amizade de vários anos e esse momento foi marcante para mim, é gratificante ter a oportunidade de ser homenageado em uma festa tão grande como é o São João da Moda”, relatou o homenageado em vida, Zuza de Mandaçaia.

Filhos de Zé Novo, homenageado in memoriam, Vavá, Esmeraldo e Tio Chico se mostraram surpresos com o convite. “Fomos convidados para vir aqui e não imaginávamos que fossemos receber uma notícia tão boa relacionada ao nosso pai. Ele representou muito e contribuiu para o desenvolvimento da cultura dessa cidade. Será a melhor festa que nossa família vai ter”, afirmaram.

Programação

A programação oficial do São João da Moda 2019 será apresentada oficialmente para a imprensa na próxima terça-feira (07), a partir das 19h no bar e restaurante Teike. O evento acontecerá novamente no espaço do Estádio Municipal Ary Barbosa (Aryzão), no bairro Nova Santa Cruz, com estrutura semelhante à do ano passado.

03
maio

“Tenho sempre que atualizar meu repertório e conquistar a nova geração” – diz a vocalista Kátia Cilene

Fotos: Elivaldo Araújo.

O programa Expresso 100,7 da Rádio Polo FM, recebeu na tarde desta sexta-feira (03) a compositora e ex-vocalista da banda Mastruz com Leite, Kátia Cilene, que faz apresentação no São João do Jovens em Santa Cruz do Capibaribe.

Com quase 30 anos de carreira, a cantora despontou no forró após ficar à frente da banda Mastruz com Leite por 17 anos no grupo, que teve sua primeira formação em 1990, e sua voz ficou conhecida nacionalmente com a música “Meu Vaqueiro, Meu Peão”.

Ela deixou a banda Mastruz com Leite em 2008, quando seguiu para o projeto Forró do Bom, antes de seguir carreira solo, ela participou poucos meses da banda Cavalo de Pau. Durante a entrevista, ele destacou que sempre estar se renovando para também conquistar novos fãs.

“Às vezes somos criticados por nossa geração que dizem que não gostam porque eu canto músicas novas, mas eu tenho sempre que atualizar meu repertório e conquistar a nova geração também, mas as músicas antigas eu canto sim nos meus shows” – revelou.

Além de seus últimos trabalhos solos, ela já fez parcerias com Simone e Simaria e Aldair playboy. Kátia Cilene comentou sobre a agenda de shows para o período junino deste ano.

“Estou começando a me preparar e a minha agenda está quase lotada. Aparece muitos convites, mas temos que trabalhar dentro de uma logística para atender a todos” – disse.

O São João do Jovens acontecerá nesta sexta-feira (03) na Casa da Criança, Bairro Nova Santa Cruz, a partir das 21h, e a abertura da noite será com a banda santa-cruzense Decentes do Forró.

 

Confira a entrevista completa:

03
maio

Comédia ‘Socorro! Virei Freira’ estreia neste final de semana em Santa Cruz

Fica em cartaz durante o mês de maio em Santa Cruz do Capibaribe, a comédia teatral ‘Socorro! Virei Freira’ da Cia Cult’Art, sendo apresentada nos dias 4, 5, 11, 12, 18 e 19 aos sábados e domingos às 20h00 no Teatro Municipal.

A encenação conta a história da Corrinha, uma mulher desengonçada e debochada que é vítima de bandidos, e para não ser morta faz uma promessa aleatória: virar freira. A graça é alcançada e ela que é acostumada as farras, passa a viver uma realidade diferente, tendo de se adaptar ao uso do hábito. As irmãs do convento chegam à casa para conhecer a noviça, e muitas peripécias irão acontecer, já que a Corrinha de freira não tem nada. No meio dessa confusão toda ela acaba metendo todo mundo em situações embaraçosas.

A comédia faz uma encenação irônica e também caricata, fazendo menções a assuntos atuais sobre política, religião e contextos sociais. No espetáculo, o público poderá conferir paródias de artistas como Anitta e Pabllo Vittar, satirizando problemas urbanos das cidades brasileiras. A montagem é da mesma companhia responsável pela comédia ‘A Casa da Mãe Joana’ que foi sucesso de público por dois anos na cidade.

Os ingressos antecipados custam R$ 15,00 e estão à venda na Discoteca do Borjão, na Fish Farma, panificadora Art Pan, na sorveteria Maxter Mix ou no site Sympla. Na bilheteria do teatro estará por R$ 20,00 inteira e R$ 10,00 para os que têm direito a meia entrada (estudantes, professores, idosos, pessoas com deficiência, servidores públicos da prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe e etc). Haverá uma sessão com intérprete de libras no dia 19 de maio, tal ação faz parte do projeto ‘Teatro Acessível’.

/

Informações da assessoria.

29
abril

UESCC leva Encontro Literário para as ruas de Santa Cruz

Ocupar espaços públicos e recheá-los de cultura, com boa leitura e boas histórias. Os diretores do Instituto UESCC, levaram o Encontro Literário, que sempre ocorre na sede da entidade, para o Coreto da Av. Padre Zuzinha.

A ação aconteceu na tarde deste sábado (27), com a participação de jovens, estudantes e amantes de boas histórias.

“Foi muito bom com pessoas de uma energia maravilhosa. Show”, avaliou o presidente da UESCC, Eudhes Sellen.

O Encontro Literário consiste em exposição de textos da literatura, de vários gêneros, onde os participantes escolhem um dos textos e leem para os demais, ou seja, uma roda de leitura, onde se lê de clássicos a textos atuais, muitas vezes escritos pelos próprios participantes.

O ato acontece sempre no último sábado de cada mês.

28
abril

Quatro santa-cruzenses seguem na disputa do ‘Vem Cantar Forró 2019’

Na tarde do sábado (27) foram escolhidos os 20 artistas que seguem no “Vem Cantar Forró 2019”. Entre os participantes, estão quatro representantes santa-cruzenses: Fabiana Lira, Cristiano Monteiro, Bedeu Quirino e Marcos Diskarado.

Os quatro artistas foram selecionados na primeira etapa, que aconteceu em votação no site do G1.

Ao lado de artistas de Caruaru, Altinho, Garanhuns, Afogados da Ingazeira, Camocim de São Félix e Pedra, os santa-cruzenses irão se apresentar no dia 5 de maio no Polo Caruaru.

Em 2018, o vencedor do concurso foi a banda representante da Capital da Moda, ‘Decentes do Forró’.

 

28
abril

Na história – Há 7 anos, Santa Cruz perdia o sanfoneiro ‘Biu Marcelino’

Por volta de 1 hora da madrugada do dia 28 de abril de 2012, falecia no Hospital Jesus Pequenino, na cidade de Bezerros, Severino José Mariano, mais conhecido por “Biu Marcelino”. Ele nasceu no sítio Bandeira, zona rural de Brejo da Madre de Deus, em 1° de janeiro de 1920.

Biu Marcelino foi lançado na música ainda adolescente, quando tocava seu fole de oito baixos em festinhas de casamentos e eventos diversos na zona rural do Brejo e região. Em Santa Cruz do Capibaribe, ele começou tocando na Rua do Alto, no famoso forró do Gogó da Ema, ou simplesmente “A Ema”. Por muitos anos, a Ema gemeu ao som do fole de seu Biu.

Em 1979, ele começou a tocar nas quadrilhas juninas de Santa Cruz do Capibaribe, principalmente na “Quadrilha Mobral”, que era organizada pelo radialista Francisco Amaral. Seu desempenho e seus arranjos inconfundíveis o tornaram a sensação dos Festejos Juninos da Região por aproximadamente três décadas.

Os marcadores de quadrilhas eram unânimes quanto ao entrosamento com Biu Marcelino durante as apresentações o que lhe rendeu o codinome de ‘Dedo de Ouro’. Um dos marcadores chegou a afirmar que “Quadrilha Junina sem Biu Marcelino tocando é feito namoro sem cheiro ou manga sem caroço”.

Biu Marcelino foi homenageado no São João de 2008, em Santa Cruz do Capibaribe e anualmente, seu nome ficou marcado ao lado do saudoso Nelson Gogó de Ouro, nas quadrilhas de Santa Cruz, que leva o nome de “Festival Biu e Gogó”.

Confira um documentário produzido pelo jornalista, Gilberto Geraldo:

26
abril

EXCLUSIVO – MPPE denuncia gestor de eventos de Santa Cruz, Cláudio Soares, e sua esposa, em suposto esquema criminoso

 

 

 

 

EXCLUSIVO

 

 

As investigações começaram em 2018 quando um vereador apontou suposto superfaturamento na locação de itens da estrutura usada nos festejos de natal, aniversário da cidade e réveillon de 2017.

Com base na denúncia, o Ministério Público chegou até Maria José da Silva Ferreira, que teria sido beneficiada em onze empenhos oriundos da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe referentes à locação e confecção de equipamentos para eventos públicos.

Os pagamentos ocorriam desde 2015 e alcançaram o total de R$ 74.750,00, pagos de forma fracionada, conforme as regras previstas na Lei de Licitações para que seja admitida a dispensa.

Ocorre que a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe possuía um contrato de fornecimento licitado com uma empresa especializada no fornecimento de estrutura para eventos. Em ofício enviado durante as investigações do Ministério Público, o gestor de eventos Cláudio Soares afirmou que os pagamentos se deram “em decorrência de um grande equívoco” e explicou que as notas da senhora Maria José da Silva Ferreira deveriam ter sido emitidas contra a empresa detentora da licitação, que não pôde atender a demanda da prefeitura naquele período de final de ano.

No mesmo ofício, Cláudio informou que seria cobrado da fornecedora Maria José da Silva Ferreira o ressarcimento aos cofres públicos dos valores que supostamente foram pagos em equívoco.

O Ministério Público considerou as explicações de Cláudio Soares como “esdrúxulas”, revelando que a empresa detentora da licitação para fornecimento das estruturas também emitiu notas fiscais e recebeu pelos serviços referentes aos festejos de natal, aniversário da cidade e réveillon de 2017, “revelando uma aparente duplicidade de pagamento para o mesmo serviço, cuja realização era sempre atestada por Cláudio Soares da Silva”, diz o trecho da denúncia.

Cláudio Soares apresentou ao Ministério Público um extrato da conta bancária da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe com um depósito no exato valor de um dos empenhos pagos a Maria José, apontando que tal movimentação seria a devolução do valor aos cofres públicos.

 

Investigações indicam que Maria José foi usada como “laranja”. Ela declara ser babá da filha de Cláudio Soares

As investigações do Ministério Público evoluíram quando se percebeu que a fornecedora de serviços Maria José da Silva Ferreira era residente na cidade de Bezerros e que nunca celebrou outros contratos com poder público. Ela declara sua profissão como agricultora.

Ao ser ouvida por um promotor de justiça na cidade de Bezerros, Maria José revelou que trabalha para o gestor de eventos de Santa Cruz do Capibaribe, Cláudio Soares, como babá da filha dele na cidade de Caruaru.

O promotor de justiça mostrou a Maria José o extrato com o que seria a devolução de valor feito por ela a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe. Maria José afirmou que nunca fez qualquer depósito e reiterou que foi contratada por Cláudio Soares e por sua esposa Andreza Soares para cuidar a filha do casal, recebendo o salário mensal de R$ 950,00. Maria José afirmou também no depoimento que “nunca recebeu qualquer valor referente a locações com a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe”.

Maria José apresentou ao Ministério Público sua carteira de trabalho assinada por Cláudio Soares e revelou que foi conduzida a sede das Promotorias de Justiça em Bezerros pelo próprio Cláudio Soares, que estaria lhe esperando no interior de um veículo modelo Corola estacionando defronte à sede.

 

Ministério Público aponta que objetivo de Cláudio é “enriquecer ilicitamente à custa do erário”

 

 

 

 

 

Na denúncia apresentada à Justiça, o Ministério Público aponta que o Gestor de Turismo e Lazer de Santa Cruz do Capibaribe “valendo-se dos documentos de sua empregada doméstica”, forjou a celebração de contratos com o município. O promotor conclui ainda que Cláudio Soares “com o objetivo de enriquecer ilicitamente a custa do erário, além de emitir documentos ideologicamente falsos, falsificava documentos públicos”.

 

Movimentações bancárias de Cláudio Soares são incompatíveis com a renda

 

 

 

Durante as investigações, o Ministério público obteve autorização judicial e teve acesso à movimentação bancária de Cláudio Soares, conforme apurou o Blog do Ney Lima.

A promotoria concluiu que os valores competentes aos salários recebidos por Cláudio Soares compreendem a um pequeno percentual dos mais de R$ 1,2 milhão, movimentados entre 2015 e 2018.

A intenção de ocultação de patrimônio foi configurada em cruzamento dos valores obtidos pela quebra do sigilo bancário com as declarações de imposto de renda.

Esposa de Cláudio Soares recebeu depósito em conta no mesmo valor de cheque pago a empresa considerada laranja

 

 

Andreza Soares é lotada no Fundo Municipal de Assistência Social de Santa Cruz do Capibaribe. A servidora, casada com Cláudio Soares, também está sendo acusada por improbidade administrativa.

O MPPE aponta que um dos pagamentos feitos à empresa considerada “laranja”, aberta em nome de Maria José da Silva Ferreira, não foi depositado na conta da suposta fornecedora. “Entretanto, no dia imediatamente seguinte ao empenho, 10 de fevereiro de 2017, foi feito um lançamento de depósito em dinheiro, realizando por Andreza Soares em sua própria conta, com um valor idêntico (R$ 5.513,28), inclusive nos centavos”, diz o trecho da denúncia.

A denúncia conclui que Andreza “participava do conluio com o esposo, obtendo, inclusive, vantagem direta mediante depósito de valores oriundos do erário em sua própria conta corrente”.

MPPE pede imediato afastamento dos cargos e bloqueio de bens de Cláudio Soares e Andreza Soares

Na denúncia apresentada à Justiça nesta semana pelo promotor Carlos Eugênio, o Ministério Público pede que seja concedida liminar para o imediato afastamento de Cláudio Soares e Andreza Soares das funções públicas e ainda o bloqueio de bens dos acusados.

Caso a denúncia seja aceita pelo juiz, eles passarão a responder por improbidade administrativa.

Na denúncia, o Ministério Público pede que a decisão judicial seja tomada com urgência. Os acusados ainda não foram oficializados.

MPPE aponta segunda fase de investigação com denúncia criminal

Além da denúncia de improbidade administrativa apresentada nesta semana, o Ministério Público aponta que Cláudio Soares é alvo de investigação criminal que deverá ser apresentada à justiça em uma segunda fase.

Notícias Anteriores