23
novembro

“Estamos angustiados com essa incerteza” – afirma representante do MTST sobre mudanças no Ministério das Cidades

Novo ministro deverá revogar a portaria assinada por Bruno Araújo para a contratação de residências do Minha Casa Minha Vida

;

Foto: Thonny Hill.

Na tarde desta quinta-feira (23) a equipe do Blog do Ney Lima entrevistou na Câmara Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, o Reverendo Marcos Cosmo, representante estadual do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) na região.

O representante falou de como o Movimento recebeu a informação do desligamento de Bruno Araújo (PSDB) do Ministério das Cidades, já que diversas Casas Populares seriam destinadas ao Estado de Pernambuco através de uma portaria assinada para a contratação de 54 mil unidades do Minha Casa Minha Vida.

“Toda mudança traz consequências e com essa saída de Bruno (Araújo) nós do movimento sofremos um grande impacto, pois tínhamos além do ‘Minha Casa Minha Casa’, mais outras propostas enquadradas em Brasília, ele saiu e não selecionou essas propostas e então nos deixou de mãos atadas e para o movimento foi um prejuízo muito grande. E agora o novo ministro assumiu e a gente vai esperar qual será a reação dele. Tem boatos que ele vai suspender, mas não temos a menor clareza se essas propostas enquadradas irão para a seleção ou não com esse novo ministro e, estamos angustiados com essa incerteza” – detalhou.

O Reverendo Marcos Cosmo foi questionado sobre a articulação do Movimento para tentar garantir as Casas populares prometidas. Vale destacar que o novo ministro Alexandre Baldy (sem partido) deverá revogar a portaria assinada por Bruno Araújo.

“Estamos usando a ferramenta da pressão popular, como elas foram apenas enquadradas e não selecionadas, se elas tivessem sido selecionadas teríamos força de irmos a justiça e fazer com que o presidente garantisse essas propostas, mas como Bruno Araújo não selecionou ficamos no prejuízo e o que temos agora é fazer a pressão com manifestações, movimentações, caminhadas e passeatas para fazer valer o nosso direito a moradia” – completou.

 

23
novembro

Em segunda votação, municipalização do trânsito é aprovada com ampla maioria na Câmara de Toritama

Foto: (Evandro Lins/Arquivo).

Após uma manhã inteira de debates no plenário da casa legislativa, João Manoel da Silva, os vereadores decidiram pela aprovação do projeto de lei que cria uma autarquia de trânsito no município.

Nesta quinta-feira (23), parlamentares prós e contras ao projeto praticamente repetiram os discursos já apresentados na última quarta-feira (22) quando a proposta foi aprovada por sete votos a quatro. Na sessão de hoje, com a presença dos 13 vereadores, o projeto voltou a ser aprovado, desta vez por nove a quatro. O aumento favorável a proposta se deu, após o retorno dos vereadores, Maviael Xavier (PROS) e Edimilson Morica (PSL), ausentes na votação do dia anterior.

Com a aprovação na câmara, a municipalização do trânsito de Toritama deverá abrangi entre várias necessidades, a sinalização vertical e horizontal, programas de educação e conscientização das leis de trânsito, fiscalizações, adequações de pontos de moto-taxi, toyoteiros e outros transportes alternativos.

Confira como foi a votação de cada parlamentar:

Governo: Arimateia de Carvalho (SIM), Deoclecio Raimundo (SIM), Derivaldo José (SIM), Doutor do São João (SIM), Edijan Enildo (SIM), Edimilson Morica (SIM), Ferreirinha (NÃO), Fofão (NÃO), Loló (SIM), Maviael Xavier (SIM) e Rossana Ferreira (SIM)

Oposição: Birino do São João (NÃO) e Eduardo da Saúde (NÃO)

;

Com informações de Evandro Lins, correspondente do blog em Toritama

 

23
novembro

Em Santa Cruz – Secretário de Educação fala sobre caso de estudante vítima de bullying em escola da rede estadual

Foto: Arquivo do Blog.

Na manhã desta quinta-feira (23) o secretário municipal de educação, Joselito Pedro (foto), enviou posicionamentos, segundo ele, adotados a um estudante que estava matriculado na rede estadual de ensino, em Santa Cruz.

O estudante de 13 anos (que possui problemas de saúde e não terá sua identidade revelada) foi mais uma vítima de bullying, fato este acontecido desta vez na Escola Estadual José Francelino Aragão, onde um vídeo compartilhado em grupos de WhatsApp gerou repercussão.

O conteúdo mostra o estudante sendo alvo de outros colegas de classe, chegando a ser derrubado da carteira por um dos agressores. Com a repercussão do caso, algumas medidas foram tomadas por familiares, entre elas pedir a transferência do aluno da referida escola.

Já de acordo com o secretário, outras medidas foram direcionadas ao estudante e aos seus familiares, onde o mesmo descreveu através de nota:

.

“Passo para informar que o aluno da Escola Francelino, vítima de bullying e que teve o fato gravado em vídeo que circulou na internet, já está matriculado e de volta na rede municipal de ensino, mais precisamente da Escola Municipal Orlandina Arruda Aragão. A nossa equipe responsável pela Inclusão já esteve na escola, visitamos a Escola Orlandina e tomamos as seguintes medidas, com o objetivo de reunir-se e orientar:

– Direção – sobre como proceder com a família e quais órgãos recorrer;

– Turma de alunos na qual o aluno está matriculado: Foi ontem, no segundo dia de aula na Orlandina, após o pedido da família de transferência da escola estadual, foi feito um trabalho de sensibilização e orientação cidadã sobre conviver com as diferenças, a construção de vínculos, a obediência às regras de convívio social e o RESPEITO como alicerce fundamental para todas as relações sadias (turma muito receptiva);

– Aos professores: Foram passadas orientações de como lidar no avaliar e no interagir – disponibilizei ajuda sempre que precisarem (equipe acolhedora).

– Conversaram diretamente com o próprio aluno (na presença da gestão) e marcamos para conversar com os pais (às 15h), porém estes não foram no horário que marcamos e só compareceram no final do expediente, mas a gestora conversou com eles.

– Foi solicitado ao Núcleo que fosse marcada, em caráter de urgência, uma nova avaliação do aluno por toda a equipe. O início dessa avaliação tem início às 14h desta quinta-feira. O relato é fato, não é boato.

Joselito Pedro

Secretário de Educação de Santa Cruz do Capibaribe

 

22
novembro

“Nos pediram um prazo de três dias para tudo ficar pronto” afirma secretário após suspensão de aulas no Centro de Educação Infantil

Avisos estão afixados na entrada da unidade educacional – Fotos: Thonny Hill

 

Na manhã desta quarta-feira (22) a redação do Blog recebeu ligações de leitores questionando sobre a suspensão das aulas no Centro de Educação Infantil.

De acordo com alguns deles, que se declararam como pais de alunos que estudam no Centro de Educação Infantil, a suspensão será até a próxima segunda-feira (27) onde foi alegado que havia a presença de avisos na entrada do centro educacional, informando a suspensão.

O fato coincide com a suspensão anterior, após a unidade educacional voltar a apresentar problemas em sua rede elétrica.

.

O motivo da suspensão das aulas por mais dias, segundo secretário

Nossa equipe foi até a unidade e constatou a veracidade das informações quanto a suspensão das aulas e, em seguida, entramos em contato com o secretário de educação do município, Joselito Pedro.

Questionado sobre o porquê da suspensão das aulas até a próxima segunda, o mesmo confirmou a questão sobre os problemas elétricos na unidade educacional.

“O que aconteceu é que recebemos a confirmação que a rede elétrica não estava suportando a carga e nos pediram um prazo de três dias para tudo ficar pronto” – disse Joselito.

Ainda segundo ele, uma equipe da prefeitura fará a troca das instalações elétricas que possam oferecer riscos, sendo que o trabalho também seria acompanhado por representantes da empresa que realizou o serviço elétrico anterior.

Um dia de testes, segundo o mesmo, também deve ser realizado com os equipamentos em funcionamento.

 

 .

E a falta de extintores?

O secretário também falou sobre a falta de extintores de incêndio na unidade educacional. Segundo ele, os equipamentos serão instalados ainda hoje e garantiu também que a mesma medida será levada também para as escolas que passaram por reformas.

 .

Reposição de aulas

Finalizando a entrevista, o secretário citou que as aulas perdidas devem ser repostas.

“Vou me sentar com o sindicato para vermos a melhor forma de repor essas aulas para que as crianças não sejam prejudicadas” – concluiu.

21
novembro

Obra da Adutora do Agreste chega na área urbana de Pesqueira 

Mesmo enfrentando dificuldades financeiras, as obras da Adutora do Agreste começam a entrar na área urbana de Pesqueira. As intervenções iniciaram na cidade com uma frente de trabalho para o assentamento de tubulações na Avenida Ézio Araújo, no bairro da Baixa Grande. Ao todo, serão implantados quase três quilômetros de adutora (400 a 500 milímetros de diâmetro) dentro da cidade até janeiro do próximo ano. As escavações seguirão pela Rua Alonso Cavalcanti Maciel e depois pela PE-219, sentido Cimbres.

Pesqueira será um dos primeiros municípios do Agreste que receberão água da Transposição do Rio São Francisco graças à Adutora do Moxotó, outra obra estruturadora que está em andamento e vai antecipar a chegada da água do Canal do Eixo Leste da Transposição na Estação de Tratamento de Água, em Arcoverde. Nesta unidade, o sistema será interligado à Adutora do Agreste, e de lá a água será transportada para Pesqueira e outras oito cidades da região.

Dos 70 quilômetros de extensão da Adutora do Moxotó, 55 quilômetros já estão prontos, lembrando que esse empreendimento foi a alternativa encontrada pela companhia, a pedido do governador Paulo Câmara, para permitir que a água do São Francisco abasteça Arcoverde, Pesqueira, Alagoinha, Venturosa, Pedra, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó, São Bento do Una e São Caetano. A Adutora do Moxotó foi projetada para transportar uma vazão de 450 litros de água, por segundo.

Até o momento, já foram construídos 405 quilômetros da Adutora do Agreste e mais de R$ 700 milhões investidos somente na primeira etapa da obra, que iniciou em 2013 e vai beneficiar 23 municípios. A segunda etapa do projeto ainda não foi conveniada e atenderá os outros 45 municípios da região.

Hoje, a obra está com 14 frentes de trabalho simultâneas atuando nos sete lotes do empreendimento. A expectativa da Compesa era que o governo federal fizesse o repasse de R$ 360 milhões, neste ano, mas até agora a Adutora do Agreste só recebeu R$ 67,6 milhões, o menor repasse anual desde o início das obras.

21
novembro

Em Santa Cruz – Novo incidente faz Centro de Educação Infantil ter aulas suspensas

Foto: Arquivo

Nesta terça-feira (21) as aulas no Centro de Educação Infantil foram suspensas em virtude de novos problemas na rede elétrica. De acordo com informações que chegaram a nossa redação através da professora Luciene Cordeiro (que representa o sindicato da categoria), os novos problemas na rede elétrica da unidade aconteceram no dia anterior, onde professores teriam a alertado para um forte cheiro de queimado no local.

Segundo a professora, que foi ao centro educacional, foram constatados novos problemas elétricos na unidade e a mesma falou sobre o novo incidente.

“Eu fui para lá e só sai de lá quando chegaram os eletricistas. Lá, eles me disseram que os ventiladores estavam todos normais, porque seria uma outra instalação (elétrica), mas a outra instalação feita pela empresa responsável, segundo o eletricista, é precária e precisa ser refeita, mas a empresa (que realizou o serviço) não apareceu” – pontuou.

Ainda segundo Luciene, será a equipe que compareceu ao local que fará o serviço de manutenção da rede elétrica e, em redes sociais, o secretário municipal de educação, Joselito Pedro, falou sobre o novo incidente.

“A equipe está lá resolvendo a situação. Hoje pela manhã não teremos aulas, mas a tarde talvez, vai depender do andamento dos trabalhos” – disse.

Vale destacar que o Centro de Educação Infantil é recém-inaugurado e esse é o segundo incidente envolvendo a rede elétrica, onde um princípio de incêndio em uma das salas, fato ocorrido em 13 de novembro, foi controlado graças a intervenção de uma das professoras, que usou o extintor presente em um carro de passeio.

Outro fato que chama a atenção é que já foi admitido, pelo próprio Joselito, a falta de extintores de incêndio não só no Centro de Educação Infantil, mas em outras escolas da rede municipal.

20
novembro

Combate as arboviroses é intensificado em Santa Cruz do Capibaribe 

A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, através do Departamento de Vigilância Sanitária e da Secretaria de Saúde promove em novembro e dezembro de 2017, diversas ações para reforçar e aprimorar estratégias de combate às arboviroses em todos os bairros da cidade.

Com o objetivo de sensibilizar e manter em alerta a população contra o mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika, a Secretaria de Saúde reunirá atividades que vão da limpeza de terrenos e coletas de lixo até a aplicação de larvicidas, tratamento focal, fumacê e visitas de casa em casa. Todas essas serão realizadas juntamente com a participação efetiva dos agentes de saúde e de endemias.

Nesse sentido, a Secretaria de Saúde trabalha lado a lado com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e a de Governo e Desenvolvimento Social no intuito de intensificar as ações em combate ao mosquito limpando os rios e os focos mais abertos da cidade, e na realização de palestras nas Unidades Básicas de Saúde. Porém, é importante frisar que, de acordo com o Ministério da Saúde, 80% dos focos são encontrados dentro das residências, demonstrando que o papel mais importante nessa ação é o da sociedade.

A Secretaria de Educação vai fazer um trabalho pedagógico a partir da participação ativa dos alunos do sexto e sétimo ano que, treinados pelo projeto “Todos contra o Aedes Aegypti” e, juntamente com os agentes de endemias, irão de casa em casa conscientizar a população sobre as arboviroses com suas produções prévias de panfletos e murais explicativos.

Essas abordagens acontecerão entres os dias 20 e 24 de novembro e serão realizadas nos bairros: Santa Tereza, pela Escola Sevy Ferreira Barros; Centro, pela Escola Municipal Professora Ivone Gonçalves de Araújo; e Rio Verde, pela Escola Municipal Professor Antônio Gomes.

Calendário das atividades nas casas e respectivos bairros:

08, 09, 10 e 13 de novembro – São Miguel, Nova Morada, Cohab e Bela Vista

14,16 de novembro – Nova Santa Cruz

17, 20 de novembro – Santa Tereza, Cruz Alta e Rio Verde

21, 22, 23 e 24 de novembro – Centro, São Cristóvão e Bairro Novo

27, 28 de novembro – Dona Lica e Dona Dom

19, 30 de novembro e 01 de dezembro – Neco Aragão, Armando Aleixo, Nossa Senhora da Conceição, Jaçanã e Acauã

04 e 05 de dezembro – Santo Agostinho e Pedra Branca

06, 07 e 08 de dezembro – São Jorge, Palestina e Malaquias

.

Informações da assessoria.

17
novembro

Em Santa Cruz – Com várias atividades, projeto que traz conscientização sobre o diabetes é realizado na Câmara

Exames rápidos e outras atividades foram realizadas no projeto – Fotos: Thonny Hill

Na manhã desta sexta-feira (17) foi realizado, na Câmara de Vereadores, a quinta edição do projeto “Novembro Azul – Dia Municipal de Combate ao Diabetes”.

O projeto, de autoria do vereador Ronaldo Pacas (PR) tem como objetivos ministrar informações sobre prevenção e conscientização sobre a doença, além da realização de diversas atividades.

No evento, foram realizados, de forma gratuita, testes de glicemia, aferição de pressão arterial, testes rápidos de detecção de HIV e sífilis, realização de palestras com profissionais da área de saúde, além de vacinação contra a gripe, hepatite B e tétano. Também foram emitidas carteiras de vacinação e o cartão do SUS.

 

 

De acordo com o vereador, cerca de 200 pessoas foram atendidas na ação e, para os que eram detectados como possíveis diabéticos, foram realizados cadastros para encaminhamento a médicos especializados na rede municipal de saúde.

Já para os diabéticos que fazem uso da insulina, foi apresentado uma forma de cadastro, de modo a conseguir o medicamento de maneira bem mais barata. A medida beneficia, diretamente, aqueles que não recebem o medicamento pelo SUS. O vereador destacou a importância do projeto.

 

“Estou muito feliz com mais essa edição desse projeto e ver também essa casa lotada. É aqui que podemos ministrar informações realizar exames e claro: conscientizar sobre essa doença, que é silenciosa, mas que, se não controlada de forma adequada, pode trazer sérios problemas. Sou diabético e sei o quanto é importante a informação nesse processo” – disse.

Ao longo de cinco edições, mais de 800 pessoas foram beneficiadas pelo projeto.

16
novembro

Norma define critérios para o abate humanitário de animais em Pernambuco

Foto: Divulgação.

Uma norma aprovada em primeira discussão na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), nesta quinta-feira (16), determina o abate humanitário de animais nas indústrias pecuárias do Estado. A intenção é diminuir o sofrimento dos bichos por meio de técnicas que, de certa forma, vedem a tortura no momento de sangria.

Entre os métodos que a regulamentação prevê é o uso de pistolas pneumáticas, usados para que os bois percam os sentidos. Além da técnica da insensibilização, a adoção de um corredor em forma de “S” a fim de evitar que o animal assista a morte do outro no percurso para o matadouro.

A norma ainda obriga os estabelecimentos a usarem pisos antiderrapantes e rampas pouco inclinadas nos locais de abate de suínos e bovinos e separar aqueles que podem se ferir mutuamente.

Para o autor do projeto, o deputado Odacy Amorim (PT), a regra garante respeito e dignidade aos animais, apesar de, na opinião dele, ainda não ser o ideal. Ele defende que o melhor seria as pessoas adotarem o regime vegetariano, uma vez que, quando um boi vê o outro sendo abatido, libera uma carga de toxinas muito grande.

A ideia de criar a proposta, justifica o parlamentar, é porque o Brasil ocupa, atualmente, a quinta posição entre os dez países que mais consomem carne no mundo, segundo pesquisa da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) realizada em 2016.

.

Com informações da Folha PE.

16
novembro

Secretários de Saúde, Educação e Desenvolvimento Social e Urbano se reúnem com a Compesa em Santa Cruz

Com o intuito de garantir que os serviços essenciais não sejam prejudicados devido à escassez de água em Santa Cruz do Capibaribe, secretários municipais estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira (16) com os responsáveis pelo serviço de abastecimento de água da Compesa.

No encontro, participaram a secretária de Governo e Desenvolvimento Social Alessandra Vieira, o secretário de Saúde, Breno Feitoza, o secretário de Educação, Joselito Pedro, e o secretário de Desenvolvimento Urbano, Gilson Julião, e o chefe do gabinete do prefeito, Gilberto Silva. O gerente regional da Compesa, Bruno Adelino e o coordenador regional, Filipe Pinto, esclareceram alguns pontos sobre a atuação do órgão.

Na reunião ficou decidido que na próxima semana, todas as repartições públicas irão ter o calendário de abastecimento ajustados, evitando que alguns locais possam ser prejudicados com a falta de água.

O secretário de Saúde, Breno Feitoza, comentou sobre a preocupação para que as unidades de saúde não enfrentem qualquer tipo de problema relacionado ao tema, assim como os demais secretários presentes.

“Estamos aqui na Compesa, discutindo um problema que é de interesse de todos, principalmente nós que lidamos diariamente com os serviços de saúde pública. Não podemos deixar que a falta de água prejudique os nossos atendimentos. Essa reunião nos deu a garantia de que os serviços serão executados sem qualquer dano”, pontuou. 

A Compesa afirmou que irá buscar formas para que o abastecimento de água possa ser mantido regularmente nas repartições.

;

Informações da assessoria.

16
novembro

Em Santa Cruz – Apresentação de ideias, projetos e trabalhos voltados aos detentos marcam seminário realizado na Câmara

Fotos: Thonny Hill

Na manhã desta quinta-feira (16) foi realizado, na Câmara de Vereadores de Santa Cruz, o segundo seminário “Passos da Liberdade”.

O evento teve como objetivos promover discussões para melhorias de trabalhos que são desempenhados na unidade prisional e trouxe também o tema “Criminalização da Juventude e Educação para pessoas privadas de liberdade”.

Estiveram presentes no evento estudantes de escolas públicas, professores, vereadores, advogados e também o diretor do presídio do município, Phelipe Melo. Na ocasião, também foram apresentados projetos e iniciativas que atuam em parceria com a unidade prisional e que objetivam, segundo os mesmos, dar a chance de reinserção na sociedade por parte dos detentos.

Professores que atuam em projetos educacionais no presídio local

Entre os projetos que foram destacados estão os com foco educacional e geração de renda tais como as turmas de supletivo com foco nos ensinos Fundamental e Médio, oficinas de música e artesanato, aulas de panificação, de fabricação do sabão caseiro, assessoria jurídica entre outros, além de uma exposição de trabalhos confeccionados por detentos ligados a esses projetos.

 

Jogos educativos, quadros e lembrancinhas são alguns dos produtos confeccionados pelos detentos em projetos que atuam na unidade prisional

A vereadora Jessyca Cavalcanti (PTC), idealizadora do seminário, falou sobre a importância da iniciativa.

“Temos que trazer à tona essas discussões para a sociedade, pois sem elas não podemos mostrar que é importante se investir na educação, nas iniciativas que possam promover a ressocialização dessas pessoas. Temos projetos importantes e que devem ser sim levados a conhecimento da população” – disse.

Uma das professoras do programa Educação de Jovens e Adultos (EJA), que fazem parte do time de profissionais que atuam na unidade prisional, também falou sobre o trabalho realizado.

 

“Não tenho vergonha de dizer que trabalho em uma unidade prisional. Se eles sofrem o preconceito, nós também sofremos, mas temos que acreditar na Educação. Estamos lá e desempenhar esses trabalhos é muito importante, pois os que estão lá também são seres humanos” – frisou Maria Aparecida.

Entre as palestras, os advogados criminalistas Dr. Daniel Paixão, Dr. Alisson Braz e Dra. Aila Vasconcelos também falaram do Programa Adoção Jurídica de Cidadãos Presos da ASCES UNITA. Um dos advogados também falou sobre o seminário.

 

“Esse é o único instrumento de se mudar essa realidade, que é a participação popular. É muito importante que se continuem discussões como essa, pois é nelas que surgem projetos e propostas que resultam em leis e dispositivos que melhoram a vida dos cidadãos” – disse Dr. Daniel.

Ainda de acordo com a vereadora, outros seminários com temas de discussão serão desempenhados nos próximos meses. Participantes que estavam no plenário auxiliaram nas discussões com perguntas aos convidados.

 

 

16
novembro

Demora no atendimento nos Correios gera reclamações em Santa Cruz

Populares de Santa Cruz do Capibaribe se sentiram prejudicados, na manhã desta quinta-feira (16), em virtude do atendimento, considerado fraco, na Agencia dos Correios.

De acordo com eles, apenas um funcionário fez o atendimento ao caixa, enquanto a fila de clientes se estendia, cada vez mais.

Segundo informações de populares, repassadas à nossa redação, esse tratamento já aconteceu em outras oportunidades.

 

Entramos em contato com o Procon de Santa Cruz do Capibaribe, para saber os procedimentos de quem se sentir lesado, diante desse atendimento.

O gestor da unidade, Thalys Henrique, informou que ‘não existe uma legislação municipal ou estadual que regulamente os serviços nos Correios, principalmente, no tocante a fila, como acontece, por exemplo, com os Bancos’. No entanto, Thalys ressalta que ‘por se tratar de serviços, está previsto no Código de Defesa do Consumidor (CDC), a adequada e eficiente prestação de serviços público em geral’, onde, naturalmente, inclui os Correios.

Diante da situação, o Procon notificará a agencia local, para que se explique num prazo de 10 dias, sobre o problema. Ele acrescenta que, caso seja constatado violação às normas do CDC, as ‘providências cabíveis serão tomadas’.

Quem tiver problema com os serviços ofertados, podem acionar o Procon de Santa Cruz, localizado na Av. Padre Zuzinha, 504, Centro.

16
novembro

Empresas de confecções promovem ação conjunta de limpeza em bairro de Santa Cruz

Fotos: Divulgação

Na última quarta-feira (15), um trabalho de limpeza no bairro Polis Pacas foi realizado por colaboradores e proprietários de duas empresas de confecções do município.

De acordo com as informações, os trabalhos foram realizados pelas empresas Pele Bronzeada e Joggofi, onde promoveram a retirada de lixo e outros materiais de diversas áreas da localidade, em especial de terrenos baldios e praças.

 

 

É o segundo ano que a mobilização acontece no bairro, sendo que em 2016, a Joggofi iniciou o trabalho. Já este ano, a Pele Bronzeada também aderiu a ideia.

“O bairro onde vivemos e trabalhamos é a extensão das nossas casas, portanto essa é uma ação mais do que necessária. Essa ação promove educação e conscientização não só para nossa equipe de colaboradores, mas se estende também essa responsabilidade aos seus familiares” – comentou Edna Lúcia, diretora da Pele Bronzeada.

“Os funcionários da fábrica são convidados a realizar o trabalho voluntário anualmente, e todos nós doamos parte do tempo de nosso feriado para a cidade, afim de motivar que esse cuidado e essas mudanças para que comecem em cada um” concluiu Monnika Marikinha, diretora de processos industriais na Joggofi.

O grupo participante do mutirão percorreu as principais vias do bairro e lugares comuns como praças e avenidas e foram retirados cerca de meia tonelada de lixo.

 

15
novembro

Lei obriga agências bancárias a garantir atendimento em Libras e entrada de cão-guia em Pernambuco

Foto: Divulgação.

Uma nova lei obriga as agências bancárias localizadas no estado de Pernambuco a garantir atendimento em Língua Brasileira de Sinais (Libras) para pessoas com deficiência auditiva. No caso de deficientes visuais, o estabelecimento ainda tem que permitir a entrada e a permanência de cão-guia, solicitando, apenas, a carteira de vacinação atualizada do animal.

A norma também contempla pessoas com outras deficiências, com mobilidade reduzida e portadoras de doenças graves. Publicada no Diário Oficial do Legislativo desta quarta-feira (15), a lei de número 16.203 de 2017 e já se encontra em vigor.

Pessoas portadoras de doenças graves também passam a ter atendimento prioritário garantido. Para isso, elas precisam apresentar o laudo médico assinado contendo sua condição.

As agências terão que afixar um cartaz com tais medidas em um local visível no estabelecimento. As informações precisam estar escritas em negrito. “Pessoas com deficiência, mobilidade reduzida, inclusive idosos, gestantes, lactantes, pessoas com criança de colo e obesos, ou diagnosticadas com doenças graves, devidamente comprovadas por meio de laudo médico, têm direito a tratamento diferenciado e atendimento preferencial”, deve conter o texto.

O banco que não cumprir a lei será advertido. Ele será multado no valor de R$ 1 mil a R$ 5 mil, levando em consideração o porte dele e as circunstâncias da infração. Em caso de reincidência, o valor da penalidade será aplicado em dobro.

.

Fonte: G1/Caruaru e região.

14
novembro

Igreja Vale Central realizará Conferência sobre os 500 anos da Reforma Protestante

Fotos: Divulgação.

O município de Santa Cruz do Capibaribe receberá a partir desta quarta-feira (15), a Conferência religiosa sobre os 500 anos da Reforma Protestante, que será na Primeira Igreja Congregacional Vale da Benção, localizada na Rua Dr. Arnaldo Monteiro, 168, Bairro Novo.

A Conferência tem como título: ‘Conferência Refo500 Brasil’. Na Capital da Moda, o evento terá início nesta quarta-feira a partir das 19h30, com a exibição do filme “Lutero – Rebelde, gênio e libertador”, em seguida, haverá uma espécie de mesa redonda para debater sobre a sinopse do longa.

A programação seguirá com palestras na quinta-feira (16), sexta-feira (17) e sábado (18), sempre a partir das 19 horas. Os palestrantes serão os pastores Bruno Cézar, Lúcio Manoel, Paulo Brasil e Jim Witteveen.

Durante as três noites das palestras na Conferência, ficará exposta uma maquete do prédio onde aconteceu o Sínodo de Dordt (1618-1619), que pertencia a Igreja Reformada Holandesa, que tinha o objetivo de regular uma séria controvérsia nas Igrejas Holandesas iniciada pela ascensão do Arminianismo.

O que foi a Reforma Protestante?

A Reforma Protestante foi um movimento reformista cristão culminado no início do século XVI por Martinho Lutero, quando através da publicação de suas 95 teses, em 31 de outubro de 1517, protestou contra diversos pontos da doutrina da Igreja Católica Romana, propondo uma reforma no catolicismo romano.

O resultado da Reforma Protestante foi a divisão da chamada Igreja do Ocidente entre os católicos romanos e os reformados ou protestantes, originando o protestantismo.

13
novembro

Após incidente, professora cobra extintores de incêndio no Centro Educacional de Santa Cruz

Foto: Arquivo.

Aconteceu na manhã desta segunda-feira (13) um início de foco de incêndio em uma das salas do Centro Educacional Infantil Augustinho Rufino de Melo, localizado no Centro de Santa Cruz do Capibaribe.  O fato se deu na cobertura de material PVC da Sala 18, ocasionado após um curto-circuito na energia elétrica.

Neste momento, a professora retirou todos os alunos da sala e em seguida, pegou um extintor de incêndio que se encontrava em um veículo e conseguiu apagar as pequenas chamas. Segundo Elieudes Bezerra, representante do Sindicato dos Professores (SINDUPROM) ninguém se feriu e ficou apenas o susto e a preocupação com a parte elétrica do local.

“Sabemos que são vidas que todos os dias passam naquele ambiente e que a segurança no local deve ser algo primordial, porém não é assim que nós sentimos” – afirmou.

Elieudes destacou que no local não há extintores de incêndio para que possam ser utilizados em algo emergencial, porém ela ressaltou que já teria repassado a preocupação ao secretário de educação do município, Joselito Pedro.

“A semana passada estivemos em reunião com o secretário e falei para ele do perigo que passamos naquele prédio sem extintor. Queremos que as providências sejam tomadas e nada de tragédia aconteça com nossos alunos ou com os professores” – frisou.

Joselito Pedro afirmou que a empresa responsável pela obra, deverá visitar o Centro Educacional na próxima quinta feira (16) para verificar o que realmente teria ocasionado o incidente.

08
novembro

Produção de leite de cabra cresce 30% em Pernambuco e anima agricultores de Santa Cruz

 

Foto: Elivaldo Araújo (Arquivo).

A produção de leite de cabra cresceu 30% este ano no Estado de Pernambuco, informou a Associação Brasileira de Criadores de Caprinos (ABCC). No total, são produzidos de três mil a sete mil litros de leite por dia. As boas chuvas contribuíram para a alta e a exploração desse nicho de mercado.

“Nós tivemos um período de seca muito violento, mas o nosso plantel (lote de animais) se mantém. Com as boas chuvas, cresce a oferta de alimentos e o produtor se sente estimulado a aumentar o plantel, impactando na produção do leite”, comentou o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Caprino (ABCC), Arlindo Ivo.

Em Pernambuco, a produção de leite tem crescido mais do que a de carne por causa, também, das características das propriedades do Estado, que são pequenas, um limitador para a criação do caprino de corte, disse Arlindo.

De acordo com o último censo agropecuário do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizado em 2006, há mais de 1 milhão de cabeças de caprinos em Pernambuco, concentradas principalmente no Agreste e no Sertão do Estado.

Segundo o presidente da Associação da Magana e um dos organizadores de exposição de caprinos da região, Isaias Souza, os números positivos dão um pouco mais de esperança aos produtores de cabras.

“Esse acréscimo é muito importante, pois o leite de cabra é mais rendável e forte. Aqui em Santa Cruz do Capibaribe nós temos uma boa produção de leite de cabra, mas encontramos dificuldades para escoar essa produção. Apesar dessas dificuldades, estamos firmes e contribuindo também com esse resultado positivo” – completou.  

Atualmente, entre as principais raças leiteiras da região, estão Saanen, Pardal-alpina e Anglo-Nubiana, Santa Inês, Boer e Dorper. Do leite de cabra, também poder ser produzidos diferentes tipos de queijo.

Página 1 de 164123...1020...Última »

Notícias Anteriores