Santa Cruz do Capibaribe ganha mais uma unidade da rede de Farmácias Cruz Alta

Foto: Carla Monteiro.

Está para ser inaugurada a mais nova farmácia da Capital da Moda: a Farmácias Cruz Alta Drugstore.

 

Com diversas opções em medicamentos, artigos de perfumaria, higiene pessoal e produtos infantis, ela traz um novo conceito em saúde para nossa cidade.

 

A inauguração vai acontecer às 16h e, com mais essa unidade, bairros próximos podem encontrar aquilo que precisam em um ambiente agradável e com ótimo atendimento.

 

A Farmácias Cruz Alta Drugstore está localizada na Avenida Biu de Deda, Nº 55 – bairro Dona Dom.

 

Vá lá e confira os preços e promoções especiais!

 

Informações da Assessoria.

Distrito de São Domingos registra homicídio nesta segunda-feira

Corpo foi levado para delegacia do distrito. Foto: Thonny Hill.

Na manhã desta segunda-feira (09) mais um homicídio aconteceu na região, mais precisamente no distrito de São Domingos, Brejo da Madre de Deus.

 

O fato aconteceu por volta das 10h30 na Rua São João, dentro de um estabelecimento comercial que conserta e vende peças de aparelhos eletrônicos.

 

De acordo com informações fornecidas pela polícia civil, Lenivaldo José da Silva (23 anos) foi morto por dois disparos de arma de fogo, desferidos por uma pessoa que ainda não identificada.

 

A vítima teria chegado ao local de carro, estacionado e entrado no estabelecimento quando foi surpreendida pelo assassino, que atirou pelas costas e fugiu em seguida. A polícia militar foi acionada e fez o isolamento até a chegada dos peritos da polícia civil, que coletaram as primeiras evidências para o andamento das investigações.

 

Ainda de acordo com a polícia, Lenivaldo tinha várias passagens pela polícia por envolvimento no tráfico de drogas e na prática de homicídios. Ele estava em liberdade condicional desde 18 de novembro de 2014.

 

Neste momento, o corpo se encontra na delegacia de São Domingos e será conduzido para o IML, em Caruaru.

.

Fotos enviadas via WhatsApp - Blog Jota Lima Agora.

.

..

É o segundo homicídio registrado naquele distrito em menos de 24 horas.


mar
09.

Programa Católico Florescendo com a Igreja já começa as comemorações pelos 05 anos de audiência e evangelização

Equipe atual do programa, transmitido diariamente. Fotos: Thonny Hill.

No próximo mês, mais precisamente em 05 de abril, o programa de rádio Florescendo com a Igreja comemora seus cinco anos ininterruptos de audiência e evangelização.

 

Com um time formado por membros da Paróquia de Nossa Senhora Aparecida, em parceria com a Renovação Carismática Católica, o programa é veiculado pela rádio IGM FM de segunda a sexta-feira, das 17h às 19h.

 

Para quem não conhece, o programa  “Florescendo Com a Igreja” é apresentado em dupla e possui diversos quadros que promovem interação e a evangelização aos ouvintes.

.

.

Um deles é a leitura diária da bíblia leitura com interpretação didática, que facilita a compreensão da mensagem passada, assim como a veiculação de sugestões de livros, eventos de outras paróquias, comunicados e claro: a veiculação de músicas católicas de compositores e interpretes renomados, que são solicitadas via redes sociais e também por telefone.

 

Outro destaque do programa é o quadro “Pensar como Jesus pensou”. Protagonizado pelo Padre Zezinho, o quadro realiza a catequese diária dos fieis, tendo como “plano de fundo” temas como casamento, sexualidade, o cotidiano sob a ótica do evangelho entre outros.

.

Em entrevistas concedidas ao blog, os integrantes falaram sobre suas sensações de levarem a mensagem cristã para os ouvintes:

 

 

.

“É uma alegria imensa de se receber o chamado para se evangelizar, levar a palavra de Deus aos ouvintes e contribuir para que a sociedade esteja mais perto do Senhor.” – Quely Silva.

 

,

“Evangelizar é poder levar para as pessoas aquilo que é mais importante: a palavra de Deus. Graças a Deus, estamos conseguindo esse objetivo através desse programa.” – Inácio José.

.

 

“É uma sensação difícil de explicar, mas é maravilhoso evangelizar e transmitir a mensagem do Senhor para nossos ouvintes, além de ser uma grande responsabilidade.” – Mônica Gomes.

 

 

.

“Sinto-me feliz em poder servir nesse meio de comunicação, onde posso transmitir a mensagem do evangelho de forma dinâmica e atrativa para nossos ouvintes.” – Aline Alves.

 

.

“Evangelizar é sempre uma grande alegria, pois estamos atendendo ao chamado de Deus. Sou muito feliz por servir a Jesus com a minha voz.” – Robério Costa.

 

 

;

“Evangelizar é uma grande missão e fazer esse trabalho é muito gratificante, além de ser desafiador. Deus prepara cada um de nós.” – Ene Barbosa.

 

.

“O mais incrível nesse programa, para mim, é que você vem para evangelizar e também sai preenchido com a mensagem que Deus nos deixou.” – Abimael Santos.

 

.

“Estar em um projeto como esse é algo maravilhoso e, mais ainda, é poder levar uma mensagem de fé, de alegria a muitas pessoas que estão do outro lado, que estão nos doando seu tempo e sua atenção. Agradeço a Deus diariamente.” – Eduardo Brito.


As curtinhas do Romenyck Stiffen

 

Sumiu (I): No dia 27 de fevereiro o secretário de Saúde de Santa Cruz do Capibaribe, Breno Feitosa, se comprometeu em ir à rádio Polo FM, no dia 06 de março, para dar explicações sobre o inquérito do bebê que morreu em frente ao hospital municipal.

 

Sumiu (II): Contudo, o secretário não compareceu a rádio Polo FM no dia marcado e nenhuma justificativa foi enviada com antecedência ao programa para justificar a ausência de Breno Feitosa.

 

Respostas: A população ainda aguarda ansiosa respostas do inquérito administrativo sobre o caso acima citado, por parte da secretária de saúde, assim como ainda faltam respostas do inquérito administrativo sobre o acidente de Júlio Cesar, por parte do setor competente.

 

Sem provas (I): O vereador Carlinhos da Cohab (PSL) fez insinuações sem provas, no programa Oposição em Ação, de que as campanhas de Edson Vieira (PSDB) e Dimas Dantas (PP) teriam tido contribuições de recursos advindos da Petrobras.

 

Sem provas (II): As insinuações gratuitas do vereador foram baseadas simplesmente no fato de Edson Vieira ter apoio e apoiar o já falecido Sergio Guerra, assim como Dimas Dantas (PP) ter apoiado e ter o apoio do deputado federal Eduardo da Fonte (PP).

 

Respostas?: As acusações foram feitas de forma esdrúxula e deverão ter a resposta do prefeito Edson Vieira (PSDB) e, principalmente, do vice-prefeito Dimas Dantas. Caso contrário, irá nos surpreender em muito.

 

Não acredita (I): O vereador situacionista Afrânio Marques (PDT), em entrevista ao programa Nordeste em Foco, disse não acreditar que o vereador Fernando Aragão (PROS) terá o apoio de Zé Augusto (PROS) para disputar a eleição de prefeito pelo grupo de Oposição em 2016.

 

Não acredita (II): Marques ainda argumentou que não acredita que Aragão levará o projeto de candidato a prefeito em 2016 sem o apoio de Zé. Resumindo, segundo Afrânio, o vereador Fernando Aragão é uma carta fora do baralho.

 

Falando nisso: O carnaval passou e o grupo taboquinha ainda não resolveu a pendência da chapa majoritária para 2016.

 

A merenda: Após a Secretaria de Educação divulgar uma pesquisa sobre a qualidade da merenda, os professores reagiram em assembleia e afirmaram que, apesar da merenda ter iniciado no começo de 2013 com uma boa qualidade, a gestão Vieira não conseguiu dar continuidade desde então e a qualidade vem caindo a cada dia.

 

Proposta (I): A proposta da prefeitura de Santa Cruz em aumentar o salário dos professores apenas em maio não agradou a categoria.

 

Exemplo (I): O pior é que a maioria dos professores de Santa Cruz ensinam na cidade de Brejo da Madre de Deus e viram a prefeitura brejense pagar o décimo em novembro, o terço de férias em dezembro e o aumento em janeiro.  O Edson de cá está distante do Edson de lá em relação ao trato com os professores.

 

Não confirmou: O prefeito Edson Vieira (PSDB), em entrevista a rádio Polo FM, não confirmou a escola em tempo integral, anunciada pelo presidente da Câmara Afrânio Marques, também em entrevista a rádio Polo FM. O prefeito estaria escondendo o jogo ou projeto furou?

 

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade de seu idealizador e não refletem, necessariamente, a opinião deste veículo de comunicação.


Imprudência provoca acidente e deixa dois feridos na PE-160

Uma das vítimas teve uma fratura na perna. Fotos: Fernando Lagosta.

Na manhã desta segunda-feira (09) mais um acidente foi registrado na PE-160. O fato aconteceu no quilômetro 02 da referida pista, nas proximidades do Haras Xô Boi.

 

De acordo com as informações obtidas por nossa equipe de reportagem, os irmãos Eduardo Henrique de Brito (48 anos) e Cícero Henrique de Brito (36 anos) estavam de moto (que vinha sentido Santa Cruz do Capibaribe) quando bateram na lateral direita de uma caminhonete, conduzida por Rodrigo Cupertino Cardoso (25 anos).

.

De camisa verde, um dos irmãos envolvidos no acidente teve apenas escoriações.

A caminhonete guiada por Rodrigo vinha em sentido oposto quando ele fez uma manobra proibida. Ele parou na pista, fez uma curva para a esquerda para ter acesso a uma estrada de terra que leva a uma pedreira e foi nesse momento que aconteceu o acidente.

.

Marcas na lateral direita da S10.

Os dois irmãos ficaram feridos, sendo que Eduardo teve uma fratura na perna direita. Os dois foram socorridos pela equipe do Samu e conduzidos para o Hospital Municipal de Santa Cruz do Capibaribe.

 

Agentes de trânsito da Guarda Municipal estiveram no local para organizar a via e agilizar o trabalho do Samu, mas motoristas imprudentes ultrapassavam pelo acostamento.

.

.


Denúncia sobre doação irregular de terrenos públicos predomina em mais uma noite de uso da tribuna

Mesmo com grande denúncia em evidência, plenário da Câmara seguia praticamente vazio. Foto: Thonny Hill.

Na noite de ontem (05) foi realizada mais uma reunião ordinária na Câmara de Vereadores.

 

Como não poderia deixar de ser, o assunto que predominou foi a matéria abordada na Revista Capibaribe, que denunciou a possibilidade de o município ter um prejuízo irreparável em seu patrimônio com a possibilidade de perda de mais de 400 lotes.

 

Dos 17 vereadores, 15 deles discursaram. O vereador Galego de Mourinha (PTB) justificou sua ausência por compromissos particulares e o vereador Helinho Aragão (PTB), mesmo presente na Câmara, não discursou porque chegou atrasado e não deu tempo de se inscrever.

 

O atraso também foi justificado.  Outras pautas também foram levantadas pelos vereadores na reunião.

 

Confira o que abordou cada vereador:

 

Dida de Nan destaca melhorias para o esporte amador na zona rural

.

Abrindo a série de discursos na tribuna, o vereador Dida de Nan (PSDB) destacou iniciativas que estão, segundo ele, favorecendo o esporte amador na zona rural.

 

O vereador destacou a colocação, por parte da Prefeitura, de redes de proteção na quadra de Poço Fundo e também a futura inauguração, para o dia 29 de março, de vestiários no campo do Sítio Magana, onde será realizado o Campeonato dos Sítios.

 

Sobre esses vestiários, Dida citou que foi uma promessa sua aos esportistas da zona rural e enfatizou sua cobrança a prefeitura.

 

“Espero que ela conclua essas obras”, pontuou.

 

Ernesto Maia cobra união da Câmara para resolver a polêmica da doação irregular de terrenos públicos

.

As polêmicas doações de terrenos irregulares no fim da gestão do ex-prefeito Aragãozinho nortearam o discurso do vereador do PSL.

 

Para Ernesto, mesmo com a presença de beneficiaros com os mais de 400 lotes em disputa que militam nas duas álas políticas do município, se faz necessário que haja uma união de todos os vereadores para que o problema seja sanado.

 

O vereador mostrou ser5 favorável a manutenção dos terrenos pelo patrimônio municipal.

 

“Vamos ver se, ao final dessa legislatura, podemos dizer que foi a Câmara de Vereadores que resolveu esse problema para Santa Cruz do Capibaribe.”, destacou.

 

Narah Leandro reafirma interesse do governo em manter terrenos doados, de maneira irregular, como parte do patrimônio público

.

A polêmica doação irregular de terrenos públicos, destaque durante toda a semana em Santa Cruz do Capibaribe, foi uma das pautas do discurso da vereadora socialista.

 

Para Narah Leandro (PSB) a falta de áreas públicas tem inviabilizado diversas obras a exemplo de creches fator que foi colocado em pauta na discussão do Plano Decenal para a Esducação.

 

“Percebemos que Santa Cruz está perdendo projetos de creches por falta de áreas públicas. Esse assunto (da possibilidade de perda de mais de 400 lotes públicos) está recaindo hoje, mas esses terrenos não vamos perder.”, disse a vereadora.

 

Narah também falou sobre o tema Gravidez na Adolescência e cobrou para que iniciativas sejam postas em prátyica para que o assunto seja debatido mais amplamente com a população.

 

Ronaldo Pacas cobra soluções para problemas no saneamento presente no Loteamento Pedra Branca

.

O delicado tema saneamento básico foi pauta no discurso do vereador. De acordo com Ronaldo Pacas, moradores do Loteamento Pedra Branca vivenciam problemas diários com a rede de esgoto lá existente.

 

Ronaldo chegou a mostrar um abaixo assinado dos moradores daquela localidade, que cobram da prefeitura soluções imediatas para os problemas.

 

“Espero que o governo municipal seja sensível e se foque na situação daqueles moradores daquele bairro tão importante para nossa cidade.”, frisou.

 

O vereador também falou sobre seu requerimento que solicita a implantação do crematório municipal e que espera que o mesmo esteja em funcionamento até o final do atual governo.

 

Zé Elias destaca solicitações de melhorias para o trânsito e segurança na Avenida Teófanes Ferraz

;

No uso da tribuna, o vereador petebista destacou requerimentos de sua autoria, que cobram da Prefeitura a implantação de melhorias na Avenida Teófanes Ferraz, no Bairro Malaquias Cardoso.

 

A primeira solicitação foi a melhoria na sinalização da via. A segunda foi a instalação de redutores de velocidade no trecho em frente ao MartModa e a Ciretran, além da manutenção e mais segurança sobre a ponte que existe ao final da via.

 

Klemerson “Pipoca” rebate Oposição sobre críticas pela falta de convite a reunião realizada com Secretário de Defesa Social de Pernambuco

.

O vereador do PMN partiu para o ataque contra a bancada de Oposição. O assunto foram as críticas dos vereadores que não receberam cnvite para participar da reunião convocada pelo prefeito Edson Vieira (PSDB) que tratou, no Recife, sobre a insegurança presente em Santa Cruz.

 

Pipoca chegou a afirmar que a Oposição não foi convidada porque a reunião era com representantes e pessoas ligadas ao atual governo e criticou, segundo ele, pautas que a vereadores da bancada colocaram sobre o não comparecimento do deputado estadual Diogo Moraes (PSB), mesmo com a importância do assunto lá abordado.

 

Em seguida, o vereador criticou o posicionamento tomado pelos vereadores Ernesto Maia (PSL), Carlinhos da Cohab (PSL) e Deomedes Brito (PT) em seu programa de rádio semanal.

 

“A bancada de situação está fazendo a sua parte. Porque não realizam uma campanha, pedindo por mais segurança no programa deles?!”, disse.

 

O vereador também destacou a reativação do Conselho Municipal Anti Drogas e citou que um cronograma de ações será posto em prática para auxiliar no enfrentamento a violência.

 

Zezin Buxin destaca ações do Projeto Transformar e se mostra a favor do internamento compulsório de dependentes químicos

.

No seu discurso, o vereador Zezin Buxin (PSDB) destacou ações realizadas pelo Projeto Transformar, que atua na área da Cracolândia, próximo ao mercado público.

 

De acordo com Zezin, as ações lá desempenhadas como atendimento e acompanhamento médico, alimentação e higiene prestada aos usuários de drogas são importantes e tocou em um ponto polêmico que é a implantação da internação compulsória no estado.

 

Esse modelo de internação faz com que o dependente seja obrigado a permanecer internado em instituições de tratamento, mesmo sem a sua vontade.

 

“Eu sou a favor que se exista essa Lei” e completou: “Entendo que isso deveria ser assim. Podem dizer que isso tira a liberdade, mas que liberdade é essa de ser dependente das drogas?!”, frisou.

 

Vânio Vieira faz críticas ao prefeito Edson Vieira sobre polêmica doação irregular de terrenos públicos

.

A polêmica doação irregular de terrenos públicos foi destaque no discurso do vereador. Para Vânio Vieira (PSDB) o prefeito Edson Vieira (PSDB) tinha conhecimento do que poderia acontecer em relação a possibilidade da perda dos terrenos, mas não teria se posicionado quanto a polêmica.

 

Vânio citou também que, no ano de 1997, ano em que a polêmica estourou pela primeira vez. Edson Vieira presidia a Câmara de Vereadores naquele período e não teria se posicionado contra a Lei Municipal 1276/99, criada ainda no final de seu mandato a frente da Casa de Leis.

 

Já sobre as denúncias levantadas pela Revista Capibaribe e o posicionamento da Prefeitura alegado pelo procurador Dr. Marcelo Diógenes, o vereador foi enfático.

 

“A Casa tem que tomar o posicionamento para resolver esse problema. O procurador dizia que isso pode durar até 20 anos para isso se resolver, mas o município, como é que fica?!”, pontuou.

 

Luciano Bezerra chama de imprestável lei criada para tentar regularizar doações polêmicas de terrenos públicos

 

.

A polêmica da doação irregular de terrenos públicos, que veio a tona com reportagem especial da Revista Capibaribe, foi pauta no discurso do vereador e líder do governo.

 

Para Luciano Bezerra (PR) a Lei 1276/99, usada como base para que o Tribunal de Justiça de Pernambuco anulasse a ação popular que impedia a doação dos terrenos, necessitaria ser revista, ou revogada, rapidamente.

 

“Essa Lei que alguns usam para tentar validar as doações de terrenos é imprestável para regularizar essa situação que temos hoje.”, disse Luciano.

 

Zé Minhoca cobra substituição de semáforos velhos em Santa Cruz do Capibaribe

..

O tema trânsito foi uma das pautas no discurso do vereador e segundo secretário da Casa de Leis.

 

De acordo com Zé Minhoca (PSDB), há uma necessidade urgente para que a Prefeitura promova a substituição dos semáforos no município por outros mais modernos.

 

De acordo com ele, esses semáforos deveriam ter câmeras de segurança e sinalização específica para os pedestres e enfatizou que esse pedido foi feito há um ano, mas que não foi atendido pela atual gestão.

 

Já sobre a polêmica da doação irregular de terrenos públicos, o vereador foi enfático.

 

“Se os vereadores tiveram culpa ou não, temos a obrigação de desatar esse nó!”, disse.

 

Afrânio Marques dispara que Dimas Dantas é contraditório na defesa pela manutenção dos terrenos para o patrimônio público

.

No seu discurso, o vereador e presidente da Câmara, Afrânio Marques, partiu para o ataque contra o vice-prefeito Dimas Dantas.

 

Para o vereador, a posição tomada por Dimas quanto a polêmica doação irregular de terrenos públicos desde 1997 é contraditória. Mesmo ele tendo entrado com a denúncia que resultou na ação popular que impedia a doação dos terrenos, Dimas teria sido favorável, segundo o vereador, a criação da Lei que colocou o município em toda essa situação.

 

Afrânio chegou a apresentar a ata da reunião da época da criação da Lei 1276/99 e citou que o vice-prefeito teria abandonado o processo juntamente com aqueles que moveram a ação popular e que isso teria sido premeditado para que o município passasse pela possibilidade de perder tais terrenos.

 

“O povo de Santa Cruz do Capibaribe foi lesado e essa Lei não tem validade.” e completou: “Dimas vai ter que me perdoar, mas ele foi contraditório demais. Disse uma coisa e fez algo diferente. Foi premeditado para se prejudicar o povo hoje.”, pontuou.

 

Deomedes Brito cobra audiência pública para discussão da polêmica das doações irregulares de terrenos públicos

.

O vereador petista pautou seu discurso em dois assuntos. O primeiro deles foi a polêmica denúncia feita pela Revista Capibaribe da possibilidade de o município ter um prejuízo incalculável com a perda de mais de 400 lotes.

 

Para Deomedes (PT), se faz necessário que o problema seja debatido com a população, mediante a realização de uma audiência pública na Câmara e cobrou ao vereador Afrânio uma atitude para o assunto.

 

“Vossa excelência tem que tomar uma atitude de presidente desta casa e não de aliado do governo.”, frisou.

 

Já a segunda pauta do vereador foi a vista a um PSF no bairro Dona Lica I. A polêmica em torno da visita aconteceu na semana anterior em que o vereador, que preside a Comissão de Saúde, juntamente com os colegas de bancada Fernando Aragão e Ernesto Maia, foram barrados de fiscalizar os estoques do PSF citado.

 

Carlinhos da Cohab cobra que loteamentos aprovados em Santa Cruz especifiquem áreas para construção de creches

..

O vereador, integrante da bancada de Oposição, pautou seu discurso em um requerimento que solicita, dos loteamentos aprovados no município, a especificação das áreas que serão destinadas para a construção de creches pela rede municipal.

 

Carlinhos da Cohab (PSL) citou que a Comissão de Obras e Urbanismo da Câmara irá intensificar as visitas aos loteamentos e cobrou que a prefeitura se prontifique a atender a sua solicitação.

 

Outro ponto abordado pelo vereador foi a não participação da Oposição na reunião convocada pelo prefeito Edson Vieira (PSDB) em Recife com o secretário de Defesa Social de Pernambuco, e que tratou da falta de segurança.

 

O vereador fez duras críticas a equipe de assessoria de imprensa da Prefeitura, acusando-a dela ter sido a culpada em divulgar inf0rmações erradas na imprensa e que, segundo ele, resultaram no não comparecimento de parte da bancada na reunião, visto que a mudança de horário não teria sido avisada.

Junior Gomes dispara duras críticas a Oposição sobre polêmica doação irregular de terrenos públicos

.

O vereador pautou seu discurso na polêmica denúncia da Revista Capibaribe, que trouxe a doação irregular de terrenos públicos ainda na gestão do ex-prefeito Aragãozinho.

 

De acordo com Junior Gomes (PSB), os vereadores Ernesto Maia (PSL), Deomedes Brito (PT), Galego de Mourinha (PTB) e Zé Elias (PTB) deveriam ter vergonha ao tratar do assunto, citando que eles teriam envolvimento em polêmicas relacionadas a tal prática.

 

Junior Gomes também foi crítico quando o assunto ter passado “em branco” durante gestões comandadas por prefeitos da ala de Oposição.

 

“A única coisa que fizeram era obter votos com esses atos e depois eles vem aqui dar uma de bonzinhos?! Aqui não!”, frisou.

Fernando Aragão defende continuidade de terrenos envolvidos em doações polêmicas como parte do patrimônio municipal

..

No seu discurso, o vereador Fernando Aragão (PROS) mostrou seu posicionamento quanto a denúncia apontada pela Revista Capibaribe.

 

De acordo com Fernando, a Lei polêmica que foi usada pelo TJPE para anular a ação popular que impedia a doação dos terrenos públicos precisa ser revista.

 

Fernando citou ter ciência que tal lei serviria para regularizar as doações irregulares em várias gestões e citou as contradições presentes e que essa mesma lei devolveria os terrenos envolvidos na polêmica como patrimônio municipal.

 

“Eu entendo que todos esses terrenos são da Prefeitura”, completando que uma junta de advogados da Casa de Leis precisa ser convocada para dar um parecer se a Lei fere, ou não, o que diz a Constituição Federal.


Morte de criança em acidente na PE-160 permanece sem culpados após três anos de sofrimento da família

Foto: Arquivo.

Na tarde desta quinta-feira (05) recebemos a denúncia de familiares de Agda Nunes da Silva, que faleceu em decorrência de um grave acidente ocorrido na PE-160 em Santa Cruz do Capibaribe, na tarde de 04 de março de 2012.

 

O fato aconteceu na entrada / saída do município onde a criança, juntamente com mais um irmão (de 10 anos) e uma prima (de 13 anos) tentaram atravessar a pista para se dirigir a casa da avó, no bairro da Palestina, mas a menina foi atropelada por um motorista que conduzia uma caminhonete em alta velocidade e que fugiu sem prestar socorro.

 

Agda chegou a ser socorrida e transferida, de helicóptero, para a Recife, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu na madrugada do dia seguinte. Na época, o caso gerou grande repercussão, inclusive com protestos dos moradores do bairro citado, que atearam fogo em pneus e bloquearam a via, cobrando medidas de segurança.

 

De acordo com o tio da criança, Admilton Silva, passados três anos do fato, ninguém foi responsabilizado até então. De acordo com ele, em entrevista a nossa equipe, a família chegou a prestar queixa na delegacia na época mas, que, passado um ano da morte da criança, a família teria recebido a notícia de que o caso havia prescrito e que nada mais poderia ser feito.

 

Com isso, o culpado pela morte da criança sequer foi indiciado judicialmente.

 .

Tio da vítima quer que investigações sejam reabertas

 

Ainda na entrevista, Admilton relatou que a família fez investigações por conta própria, na tentativa de descobrir quem seria o culpado pela morte da criança.

 

De acordo com ele, foram conseguidos dados da placa, da cor do veículo e também o nome do suposto autor do atropelamento.

 

“Se depender de mim, eu quero que as investigações desse crime sejam reabertas para que essa pessoa possa responder pela monstruosidade que fez. Até hoje sofremos com a morte de Agda, mas infelizmente, dependo da minha irmã para que esse caso seja reaberto. Colhemos elementos que, ao meu entender, poderiam ajudar para que essa pessoa não cometa, com outra criança, a mesma coisa e fique impune.”, finalizou.




Votação das contas de Toinho do Pará e de Edson Vieira pela Câmara é adiada, afirma presidente

 

Em telefonema realizado na tarde desta quinta-feira (05), nossa equipe conversou com o presidente da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, Afrânio Marques (PDT).

 

O assunto em questão foi a votação dos pareceres das contas do exercício 2010 do ex-prefeito Toinho do Pará (PHS) e do exercício 2013 do prefeito Edson Vieira (PSDB), que estavam previstas para serem levadas a plenário na reunião ordinária da noite de hoje, mas foram adiadas.

 

Os pareceres foram entregues pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCPE) a Casa de Leis e enviados para análise da comissão de Finanças e Orçamento. Nas contas de Toinho do Pará, a recomendação do TCPE é pela rejeição e quando as do prefeito, a recomendação é pela aprovação, porém com algumas ressalvas.

 

De acordo com o presidente, as duas contas só serão levadas para votação do plenário somente na reunião da próxima quinta-feira (12).

 

Afrânio relatou que o adiamento aconteceu porque o presidente da comissão, o vereador Junior Gomes (PSB), ainda não fez a devolução dos documentos.

 

Vale ressaltar que os trabalhos de análise já haviam se encerrado desde a última terça-feira (03), mas o prazo final se encerra amanhã (06).

Toinho do Pará já apresentou sua defesa

Ainda na entrevista, Afrânio relatou que o ex-prefeito já apresentou sua defesa quanto ao parecer do TCPE, que recomenda pela rejeição de suas contas.

“O ex-prefeito já nos enviou sua defesa e, se ele quiser, pode vir também ao plenário para falar na tribuna da Câmara, na presença dos vereadores e da população.”, disse.

 

Ressalvas nas contas de Edson Vieira

 

Já sobre as contas do atual prefeito, que apresentam ressalvas, o presidente citou que Edson já nomeou uma pessoa para falar sobre as ressalvas apresentadas pelo TCPE.

 

Expectativa

 

Com o adiamento, ainda ficam as expectativas de posicionamentos em relação às contas de Toinho do Pará.

 

O primeiro é o de Fernando Aragão, vereador de situação que integra a comissão de Finanças e tem direito a voto no plenário e o segundo é se o ex-prefeito irá comparecer a tribuna para falar de sua defesa.

 

Reunião que promete ser quente

 

Mesmo sem a votação das contas, a expectativa é sobre o discurso dos vereadores diante das denúncias que foram apresentadas pela Revista Capibaribe.

 

Em reportagem publicada na 10ª edição, a revista trouxe a denúncia, com exclusividade, da grande possibilidade de a prefeitura ter um prejuízo incalculável com a doação irregular de terrenos públicos feita no “apagar das luzes” da gestão do ex-prefeito Aragãozinho, em 1996.

 

As doações renderam uma briga judicial iniciada em 1997 e só veio ser definida já no fim de 2014.

 

 




Edson Vieira reafirma esforço para que terrenos continuem com o município

 

Em participação na manhã desta quinta-feira (05) no programa Rádio Debate, veiculado pela Polo FM, o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB) falou sobre a polêmica que envolve a doação irregular de terrenos públicos.

 

A denúncia foi exposta em matéria da 10ª edição da Revista Capibaribe e tem ganhado grande repercussão no município e na região (entenda o caso clicando AQUI).

 

Na participação, o prefeito citou que sua equipe jurídica já busca reunir subsídios para resolver ou amenizar os efeitos das polêmicas doações que foram realizadas ainda em 1996, que podem gerar um prejuízo com a perda de 439 lotes, entre eles o antigo pátio de eventos as margens da PE-160, avaliado em mais de R$ 8 milhões.

 

“Vamos preservar o patrimônio público de Santa Cruz do Capibaribe, a não ser que outros não tenham o mesmo entendimento nosso, mas o entendimento nosso e da nossa procuradoria e esse. Vamos pegar essa Lei, que ele a tem algumas falhas, mas não é o poder público que vai ou não fazer questão, mas vamos debater corretamente. Vamos fazer isso com calma, teve gente que está querendo hoje aparecer no processo, mas que passou esse tempo todinho e não resolveram. Temos um pouquinho de tempo para que possamos resolver, com clareza, toda essa situação.”, disse.

 

As críticas de Dimas Dantas

 

Questionado sobre as críticas do vice-prefeito Dimas Dantas (PP) que afirmou que o prefeito, enquanto exercia mandato como deputado estadual, teria legitimidade de ter ingressado na ação, antes que saísse a decisão final do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TCPE).

 

“Respeito a posição dele, mas acho estranho essas colocações. Não posso me adiantar de algo que eu não escutei, eu não ouvi sobre isso aí.”, disse.

 

Alegações de Dr. Moaci Pontes, advogado que defende os supostos beneficiários (incluindo ele próprio) com as doações dos terrenos públicos

 

Questionado sobre as palavras do advogado Dr. Moaci Pontes, que afirmou ter oficiado a Prefeitura sobre a decisão judicial desde outubro de 2014 e que só agora, após a denúncia feita pela Revista Capibaribe, a prefeitura decidiu se inteirar sobre o processo, o prefeito respondeu:

 

“Essa ação não foi transitado em julgado em outubro de 2014, foi em 2011 desde a época da gestão do prefeito Toinho do Pará e dos vereadores e de várias outras pessoas que estão querendo entrar dentro do processo e que tiveram a oportunidade de resolver. Ela chegou em um período eleitoral, vale salientar isso,  e a posição que poderia se tomar em outubro… O que se diferenciou até agora? Nada. O problema é que as gestões passadas tiveram oportunidade de resolver o problema e não resolveram, se omitiram. Tem gente que era defensor dos terrenos (Dr. Moaci) e depois foi ser procurador (no governo de Toinho) e aí, deixou a causa para lá. Teve pessoas que eram procuradores, deixaram de ser procuradores e foram defender (as pessoas que receberiam) os terrenos, mas deixou lá caladinho para a ação correr. Essa é a grande verdade.”, pontuou.




Adolescente ingere veneno após mãe não deixá-la comprar um par de sandálias

 

Na noite de quarta-feira (04) uma ocorrência chamou a atenção na cidade de Jataúba.

 

Uma adolescente de 16 anos teria ingerido veneno após a mãe não deixá-la comprar um par de sandálias, que usaria para sair a festa de comemoração dos 53 anos de emancipação política daquele município.

 

Familiares relataram que a adolescente começou a passar mal e  Samu foi acionado. A adolescente foi conduzida para o Hospital Municipal de Jataúba e lá foram realizados os procedimentos médicos.

 

A adolescente está fora de perigo e se encontra com seus familiares.


* Foto enviada via WhatsApp - Grupo Toritama em Foco.





Homem é detido com caminhão lotado de jumentos em Vertentes

 

Imagem meramente ilustrativa.

Na noite de ontem (04), por volta das 20h40, um homem foi detido pelo transporte irregular de 21 jumentos em um pequeno caminhão.

 

De acordo com as informações da polícia, a apreensão dos animais aconteceu na PE-90, na altura do Sítio Cumarú, em Vertentes.

 

José Francisco da Silva (conhecido por “Dedé”) foi detido após denúncias de que ele estava transportando os animais de forma irregular, colocando-os em risco.

 

Alguns foram encontrados feridos, sendo pisoteados devido à superlotação. Além disso, a carroceria do caminhão estava coberta com uma lona, na tentativa de esconder os animais.

 

Ao chegarem até o local, foi constatada a veracidade das informações. O caminhão, juntamente com os animais, foi apreendido e o motorista foi conduzido a delegacia de Santa Cruz do Capibaribe.

 

Contra ele, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), onde ele responderá, na comarca de Vertentes, pelos crimes de maus tratos e transporte irregular de animais.

 

Os animais apreendidos foram conduzidos para o depósito municipal de Santa Cruz do Capibaribe e José Francisco, que alegou que comercializaria os animais em feiras livres, terá que transportar os animais para seu destino em duas viagens.




Homem acusado de furtar moto é preso após perseguição em Santa Cruz do Capibaribe

 

Policiais militares de Santa Cruz do Capibaribe conseguiram prender mais um criminoso, acusado pelo furto de moto.

 

O fato aconteceu na PE-160 que corta o perímetro urbano do município. De acordo com as informações da polícia, Adão Pessoa de Vasconcelos Neto (36 anos, residente na cidade de Toritama) teria tentado furtar a moto de uma mulher e, ao tentar fugir com o veículo, não percebeu que o mesmo ainda estava travado e sofreu um acidente.

 

Na tentativa de fugir, ele pegou um mototaxista que passava pelas proximidades, sendo perseguido e interceptado.

 

Adão foi preso em flagrante e conduzido a delegacia local para que fosse tomada as providências cabíveis.

 




“Posso dizer sem medo de errar: os terrenos ainda são do município!”, afirma procurador da Prefeitura de Santa Cruz

Procurador Dr. Marcelo Diógenes pontuou o posicionamento da Prefeitura sobre a polêmica. Fotos: Márcia Arantes.

Em participação no programa Rádio Debate, o procurador da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, Dr. Marcelo Diógenes, falou sobre o posicionamento da prefeitura após a repercussão de uma matéria publicada na 10ª edição da Revista Capibaribe.

 

A matéria trata da grande possibilidade do município ter um prejuízo, em seu já escasso patrimônio público, em mais de 400 lotes, sendo um deles, o que fica as margens da PE-160 e que já foi o antigo Pátio de Eventos, avaliado em mais de R$ 8 milhões.

 

Durante a entrevista, o procurador expôs seu posicionamento sobre a leitura do processo e falou do porque a demora na prefeitura em se posicionar sobre a questão, após a repercussão do fato.

 

“Fiquei calado durante esse tempo todo porque estava analisando o processo que é composto, salvo engano, quase três mil laudas. É melhor você ficar calado para não dizer besteiras.”, frisou, completando que a sua análise do processo foi terminada ontem (03).

 

Prefeitura não pode fazer mais nada quanto a decisão judicial

 

Marcelo citou que as doações realizadas no fim do governo Aragãozinho, ainda em 1996, foram irregulares, mas citou que a Lei 1276/99 (que autorizava o chefe do Poder Executivo regularizar essas e outras áreas que foram doadas) acobertou essa ilegalidade.

 

Dr. Marcelo citou que na decisão do TJPE dada em 2011, que anulou a ação popular que impedia a doação dessas áreas, não houve qualquer manifestação para que o caso fosse revertido de lá até 2013 e que agora não cabe mais recurso (trânsito em julgado) até mesmo da Prefeitura.

 

“Competia na época a quem tivesse interesse, seja do Ministério Público Estadual, seja através da nova administração tivesse interesse ou de quem quisesse entrar com um recurso a época e que trouxesse, no prazo legal para entrar com um recurso ao STJ para discutir isso… Mas isso não houve!”, disse e completou: “Não tínhamos mais o que fazer porque quando isso chegou as minhas mãos, já se tinha o trânsito em julgado (…). O município não tem mais poder de nada.”.

 

Saídas para amenizar ou evitar a perda desses terrenos

 

Uma das possibilidades apontadas pelo procurador está na discussão da Lei que abriu a brecha para que se tente legitimar as polêmicas doações por parte dos supostos beneficiados.

 

Para Dr. Marcelo, os mais de 430 terrenos envolvidos nessa disputa ainda pertencem ao patrimônio público e deu a justificativa que, segundo ele, garante a manutenção desses lotes.

 

“Quando vamos analisar a Lei, aí vem àquela questão de “votou ou não votou” (para aprová-la)… Isso não me interessa! O que interessa dizer que eu peguei a mensagem da época para a aprovação da Lei e a justificativa é pífia. Não tem justificativa para aquelas doações.”, disse, completando que, na gestão do ex-prefeito Ernando Silvestre, houveram transações de compra, venda e tentativa de escrituração desses terrenos, mesmo eles envolvidos em ação judicial.

 

Dr. Marcelo citou também que a lei em vigor não garante a doação, visto que outros dois critérios que fazem parte da Lei Orgânica Municipal, avaliação prévia e processos licitatórios de acordo com a Lei Federal, não teriam sido atendidos.

.

Procurador foi sabatinado pelos debatedores, pelo vice-prefeito Dimas Dantas, pelo vereador Ernesto Maia e pelo advogado Dr. Moaci Coelho Pontes, um diciários dos lotes polêmicos.

Prefeitura não pedirá demolição de construções em terrenos alvos da polêmica

 

Questionado se imóveis que já foram construídos em algum dos mais de 430 lotes, o procurador citou que a prefeitura não pediria a demolição das casas.

 

Comissão será criada para fiscalizar e analisar caso a caso

 

O procurador pontuou que medidas jurídicas, que já deveriam ter sido tomadas em 1999, deverão ser tomadas e cada caso tem que ser analisado de maneira individual, inclusive com a criação de uma comissão, prevista na Lei, para fiscalizar todo o processo.

 

Dr. Marcelo disse que até mesmo ele pode fazer parte de tal comissão, mas não citou data sobre quando ela será posta em prática.

 

Lei polêmica precisa ser modificada para que regularização aconteça caso a caso

 

Dr. Marcelo pontuou que existem situações jurídicas que podem ser resolvidas e que as 439 licenças devem ser analisadas uma a uma, inclusive com a instalação de processo administrativo e modificação da Lei vigente, onde o advogado apontou contradições na mesma.

 

“Eu não achei aqui as condições previstas em Lei Federal para doação dos terrenos e porque passou?! Agora o que não pode chegar e jogar a responsabilidade para gente (atual gestão) agora.”, disse.

 

Questionado se a prefeitura poderia construir em cada um desses lotes que ainda estivessem desocupados, o procurador citou que sim e completou que é necessário que se ache uma solução definitiva para a polêmica.






Polícia investiga caso de homem brutalmente assassinado em Brejo da Madre de Deus

 

Foto: Erivaldo Silva.

Na noite de ontem (05) policiais militares receberam a denúncia de que mais um homicídio aconteceu na região, dessa vez no município de Brejo da Madre de Deus.

 

De acordo com as informações, Cícero João da Silva (38 anos) estava bebendo em um bar na companhia de mais três pessoas e, ao fim do encontro, teria ido sozinho para sua residência.

 

Duas pessoas que estavam com ele no bar decidiram ir até a casa dele e, ao chegarem, o encontraram já sem vida e com diversas lesões pelo corpo, que foram feitas com um barra de ferro.

 

A polícia militar foi acionada, isolou o local e peritos da polícia civil coletaram evidências que podem auxiliar na identificação do autor do crime.

 

O corpo da vítima foi trazido na manhã de hoje para a delegacia de Santa Cruz do Capibaribe e conduzido para o IML. Cícero, que era natural de São Joaquim do Monte, deve ser sepultado naquele município ainda hoje.

 

As três pessoas que estavam com a vítima pela ultima vez devem ser ouvidas e a motivação para o crime ainda é desconhecida.




Prazo para pagamento da cota única do IPVA para placas com finais 1 e 2 termina nesta quinta-feira

Imagem meramente ilustrativa.

Está marcado para esta quinta-feira (05) o encerramento do prazo para pagamento da cota única do IPVA para veículos com finais de placas 1 e 2. O tributo integra um dos vários que compõem o Licenciamento 2015 de veículos.

 

Para quem desejar pagar o tributo de uma só vez, o desconto é de 5%, mas há também a possibilidade de parcelamento em três vezes.

 

Vale salientar que a primeira parcela do IPVA é paga juntamente com outras taxas como o licenciamento, bombeiros e a maior delas: o seguro obrigatório (que também pode ser parcelado).

 

Para quem não recebeu os boletos pelos Correios, pode imprimi-los pela internet através do site www.detranpe.gov.br.

 

Confira o calendário presente no site e fique atento as datas para evitar juros e multas.




Caruaru dever ser a primeira cidade no estado a regulamentar, com regras baseadas no CTB, o uso das motos cinquentinhas

A falta do uso do capacete por boa parte dos condutores é apenas uma das irregularidades. Regras também exigirão a CHN ou documento equivalente. Foto: Divulgação.

Está marcada para amanhã (05), na Capital do Forró, uma coletiva de imprensa que dará os detalhes de como será a implantação do projeto Moto Amiga.

 

O projeto tem a pretensão de fixar regras que regulamentem o uso das motos de 50 cilindradas, as populares, “cinquentinhas”.

 

Mesmo com a facilidade de acesso ao transporte que esses veículos proporcionaram, seja pelo baixo custo de aquisição em relação a motos maiores ou pela isenção de emplacamento e pagamento de tributos como o IPVA, o veículo tem gerado uma verdadeira dor de cabeça especialmente a polícia e a saúde publica da região do Polo de Confecções e em todo o país.

 

A falta de fiscalização eficaz faz com que a “cinquentinha” seja uma das preferidas pelos bandidos para a prática de assaltos e, pelo fato de não exigir CNH, o veículo é conduzido por pessoas que nunca tiveram curso em autoescolas, a exemplo de adolescentes que se envolvem, com frequência, em diversos acidentes.

 

Entenda detalhes do projeto, que possui regras descritas no Código Brasileiro de Trânsito (CTB):

 

O cadastramento das “cinquentinhas” deve ser feito, na sede da Destra (órgão responsável pelo trânsito daquele município) até o próximo dia 31 de maio.

 

Em seguida, a moto deve ser emplacada e pagar as mesmas taxas que outras motos (exceto o IPVA). Somados, o primeiro emplacamento e o Seguro Obrigatório DPVAT custarão R$ 420,04 aos condutores.

 

Após essa etapa, os condutores terão que ser habilitados, seja com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou com a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC).

 

Os custos podem chegar a até quase R$ 1000,00 com os exames, aulas práticas e teóricas e os procedimentos para obter um dos dois documentos.

 

O Projeto Moto Amiga será apresentado a partir das 09h, no Colégio Atual, localizado na Rua Vasco Fernandes Coutinho, 233, bairro Maurício de Nassau.




PRF para ônibus de estudantes de Toritama na BR-104 por excesso de passageiros

Imagem enviada via WhatsApp mostra o descaso municipal com a classe estudantil..

Dois ônibus que integram a frota da prefeitura de Toritama, que transportam alunos para Caruaru, foram detidos pela Polícia Rodoviária Federal na noite dessa terça-feira (03).

 

A abordagem aconteceu por volta de 18h30m quando os veículos passavam pelo posto da Polícia.

 

Ambos apresentavam excesso de passageiros e um desses veículos, com capacidade para 31 alunos, transportava 48 no momento da abordagem.

 

Mais de 100 alunos tiveram que esperar por cerca de 40 minutos por um novo transporte para seguir viagem. Um veículo da Prefeitura foi até o local.

 

Segundo os estudantes, o excesso de passageiros ocorre em toda a frota de ônibus e a prática é comum.

 

“Sempre que passávamos pelo posto da Policia Rodoviária, o motorista apagava as luzes internas para os agentes não notarem que tinha pessoas em pé.”, disse um deles.

 

A Secretaria Municipal de Transportes informou dois veículos, que fazem o transporte dos estudantes, estariam quebrados e que estão em fase final de reparos.

 

Já motoristas dos ônibus apreendidos negaram o que disse a Secretaria, pontuando que havia ônibus parados na garagem do município, mas que não foram disponibilizados.

 

O caso deve ser encaminhado pela PRF ao Ministério Público de Pernambuco.

 

Com informações de Evandro Balla, correspondente do blog em Toritama.

mar
04.
Categoria: Geral



Após cobrança na Câmara, carteiras de identidade voltam a ser emitidas

Local estava fechado há meses. Foto: Evandro Balla.

 

Durante a última reunião da Câmara Municipal de Toritama, realizada na quinta-feira (26), um dos temas de maior importância debatidos foi o fato das carteiras de identidade não estarem sendo emitidas no município, assim como carteiras de trabalho.

 

No caso das identidades, conhecidas também como “RG”, o vereador Fábio Florentino (PT) denunciou que o imóvel que deveria ser utilizado para emissão do documento e outros serviços estava fechado há alguns meses e que o aluguel estava sendo pago pela prefeitura.

 

Na tarde dessa terça-feira (03), nosso correspondente foi até o local e constatou que o expediente, assim como a emissão de documentos, voltaram a funcionar.

 

Os atendimentos começam a partir das 13h e o local disponibiliza de oito fichas por dia, de segunda a quinta-feira, para emissão do documento.

 

 

 

 

Com informações de Evandro Balla, correspondente do blog em Toritama.



Atenção Básica de Santa Cruz recebe mais um profissional do programa Mais Médicos

.

A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, através da Secretaria de Saúde contratou um novo médico para atendimento no Posto de Saúde da Família (PSF) do distrito do Pará.

 

O médico do programa Mais Médicos irá atender a população semanalmente de segunda à quinta-feira.

 

A Unidade de Saúde daquele distrito, conta com uma dentista Drª Deysiane Lopes, uma enfermeira, Cristiane Castro, um técnico de enfermagem, dois auxiliares e agora vai passar a contar com médico atendendo diariamente.

 

A nova médica é Drª Rhaíssa Venâncio, que começou a atender nesta terça – feira 03.

 

A coordenadora da Atenção Básica, Fabrícia Neves, informou que os investimentos em saúde pública são prioridades do secretário de saúde Breno Feitoza e do prefeito Edson Vieira.

 

“Santa Cruz é privilegiada, pois graças a uma gestão que prioriza a saúde da população, investindo cerca de 33% dos recursos na saúde, hoje contamos com 12 médicos do programa Mais Médicos, atendendo diariamente nos PSF´s de Santa Cruz”, falou Fabrícia.

.

Informações da Assessoria.



Compazscc volta à ativa e elenca pauta de ações para enfrentamento a violência em Santa Cruz do Capibaribe

Representantes de 15 entidades e associações estiveram presentes na reunião. Foto: Thonny Hill.

A violência que assola a Capital da Moda já desperta a atenção de diversos setores da sociedade e, na noite de terça-feira (03) foi realizada uma reunião que marcou a volta das atividades que serão desempenhadas pelo Conselho Municipal da Paz de Santa Cruz do Capibaribe (Compazscc).

 

Na reunião, que foi realizada na Casa de Apoio do “Projeto Transformar” (no bairro São Cristóvão) representantes de 15 entidades compareceram para, juntos, formar uma pauta de ações que serão desempenhadas através delas e também do Compazscc.

 

Após mais de duas horas de discussões e debates, 18 pontos foram levantados pelos representantes do MovPaz, da Prefeitura, Moda Center, Associação de moradores do Bairro São Jorge, Imprensa, Coordenadoria da Mulher, Conselho Tutelar, Guarda Municipal, Casa de Passagem, Cras e Creas, Câmara de Vereadores, Disque Denúncia, UJS, Bombeiros e comandos da Polícia Militar e da 1ª CPM.

 

Muitas dessas ações serão desempenhadas mediante palestras nas escolas e associações, além da distribuição de materiais informativos e a reativação de serviços em parceria com as polícias.

 

Muitos desses serviços, como a distribuição de cartões contendo os números de instituições de segurança, linhas específicas com policiais e outras inciativas que vinham obtendo resultados positivos em 2013, quando o município passava por uma situação praticamente semelhante em relação aos índices de criminalidade, serão reativados.

 

Confira alguns dos pontos que formaram a pauta de ações, cujo calendário será definido na próxima reunião, que será realizada em 17 de março de acordo com a presidenta do Compazscc, a vereadora Narah Leandro (PSB).

 

  • Distribuição de materiais que incentive a população a utilizar os serviços do Disque Denúncia;
  • Distribuição de cartões para a população com telefones úteis;
  • Realização de palestras nas escolas e associações sobre segurança e combate a violência.
  • Incentivo ao uso da Delegacia Virtual com implantação de balcões de atendimento em prédios públicos para priorizar, nas delegacias, os casos de maior complexidade;
  • Reuniões com associações de moradores para ouvir as demandas e necessidades;
  • Solicitação de melhorias na iluminação pública em bairros mais carentes;
  • Cobrança para reativação dos números de celulares que possuíam linha direta com viaturas da PM;
  • Elaboração de cartilha com 10 dicas de segurança para distribuição a população;
  • Cobranças pela humanização do atendimento das polícias;
  • Inserções nos meios de comunicação sobre dicas de segurança;
  • Capacitação de educadores e gestores para a promoção de uma cultura de paz nas escolas;
  • Cobranças pela maior presença do policiamento na área da Cracolândia, onde atua o Projeto Transformar.


Imagem de Contato - Blog do Ney Lima