Os vereadores de oposição Ernesto Maia (PT), Deomedes Brito (PT) e Carlinhos da Cohab (PTB), alvos de um processo por danos morais movido pela empresa KMC Locadora, foram absolvidos das acusações.

De acordo com as informações, o julgamento do recurso colocado pela empresa, citada como sendo o estopim das denúncias no Governo Vieira e que ficaram conhecidas como “A farra das locações de veículos” aconteceu na Câmara Regional de Caruaru, sendo o recurso movido rejeitado por unanimidade de votos.

A decisão ainda cabe recurso.

 

 

 

Dentro da legalidade, mas…

Com a macaca – Os funcionários públicos de Brejo da Madre de Deu, tanto os contratados como os efetivos, estão com a “macaca” com o prefeito Hilário Paulo (PSD), no que diz respeito aos salários.

Garantia – Nos governos dos ex-prefeitos Roberto Asfora e Dr. Edson, os funcionários públicos tinham a garantia de que receberiam no último dia do mês trabalhado, assim como no mês de novembro já sabiam quando receberia o décimo terceiro e o terço de férias.

Na legalidade – É necessário saber que o prefeito tem até o quinto dia útil do mês subsequente, para quitar a folha, assim como até o dia 20 de dezembro para pagar o décimo terceiro. Contudo, Hilário vem quebrando a tradição da data de pagamento e não deu se quer uma explicação para tal situação.

Atrasados – A maioria dos contratados também continua com seus salários atrasados a mais de um mês, demonstrando uma total desorganização e falta de respeito com o servidor.

Negativo – Semana passada, falava que o prefeito Hilário é detentor de uma boa aprovação, mas faz tempo que necessita de uma pauta positiva. Uma dica ao prefeito, quando afeta o bolso das pessoas, até os aliados contribuem para rejeição e isso está acontecendo de forma perceptível prefeito.

.

As opiniões e informações citadas são de responsabilidade de seu idealizador

 

 

 

Foto: Jabson Nunes

No fim da noite de terça-feira (05) um homem foi detido pelo policiamento militar, acusado de estar, de forma ilegal, com uma arma de fogo. De acordo com as informações, a detenção aconteceu as margens da PE-160, próximo ao local onde acontece a conhecida “Feira do troca”.

Ao se dirigirem ao local após uma denúncia de crime, os policiais se depararam com Antônio José dos Santos (57 anos) que, ao perceber a presença da polícia, tentou fugir e se desfez da arma, jogando a mesma para debaixo de um caminhão.

A arma em questão é um revólver calibre 38, com cinco munições. Diante dos fatos, ele foi levado a delegacia. A arma foi apreendida.

 

 

 

 

 

 

Projeto deve entrar na pauta de discussões e votação já nesta quinta-feira – Foto: Thonny Hill

Nesta quinta-feira (07) será votado, na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, um Projeto de Lei que promete ser de grande repercussão a nível local e regional. De autoria do vereador Carlinhos da Cohab (PTB) o projeto 154/2017 propõe que todas as licitações feitas pelos poderes Executivo (Prefeitura Municipal) e Legislativo (Câmara de Vereadores) sejam filmadas e o conteúdo destas seja disponibilizado, via internet, a população.

De acordo com trecho da justificativa, a implantação do projeto “visa garantir que a transparência no trato das verbas públicas seja a mais ampla possível, assegurando uma plena fiscalização por parte de toda a população”.

 

 

E o que é licitação?

De forma simples, a Licitação é um dos principais dispositivos da administração pública e é nele que são garantidas as escolhas mais vantajosas no que diz respeito a contratação de serviços ou de compra de produtos por parte do Poder Público, garantindo assim a melhor qualidade pelo melhor preço, através de uma livre concorrência.

.

Assessorias jurídicas da Oposição e  Situação divergem quanto a pareceres de legalidade do projeto

Outro fato que chama a atenção no projeto é o posicionamento divergente entre as assessorias jurídicas das bancadas de Oposição e Situação quanto a legalidade do projeto.

De acordo com a assessoria da bancada governista, o projeto seria desprovido de legalidade, onde os argumentos alocados seriam o aumento de despesas para o município no que diz respeito a falta de equipamentos para gravação e posterior transmissão on-line das sessões de licitação, como também incidia na limitação de iniciativa das atribuições da atividade administrativa, previstos na Constituição Federal. O parecer é assinado pela advogada Dra. Tamires das Neves Barboza.

A assessoria da bancada oposicionista afirma que o projeto tem sim o parecer de legalidade, colocando como argumentos a não geração de impacto financeiro (pois o município já dispõe de equipamentos para gravação e transmissão on-line e não se criaria novos cargos e funções no Poder Público), assim como garantiria o princípio da publicidade, que rege a administração pública, como instrumento de fiscalização. O parecer é assinado pelo advogado Dr. Rodrigo José Aragão..

Já a Assessoria Jurídica da Câmara, que deu seu parecer de legalidade ao projeto. De acordo com um dos trechos do parecer, além de não implicar no aumento de despesas para o município, o projeto em discussão seria “um possibilitador de transparência e publicidade nas licitações que serão realizadas pelo município, que poderão ser acompanhados pelo cidadão comum”. Assina o parecer o advogado Dr. José Manoel Jordão.

 

 

Nesta terça-feira (05) um vídeo compartilhado em redes sociais mostra o furto, mais uma vez, que aconteceu na Igreja Nossa Senhora Aparecida, em Santa Cruz do Capibaribe.

 

Câmeras na parte externa pode ajudar na identificação da autora do furto. Fotos: Jabson Nunes

 

Local onde a imagem estava antes de ser furtada

 

Em destaque, imagem que foi levada

A igreja, que fica localizada no bairro Nova Santa Cruz, já teve outros furtos registrados e, de acordo com um dos seus membros, seria o segundo furto praticado pela mulher que é flagrada por uma das câmeras de segurança.

No vídeo, é possível ver que a mulher, antes de sair, furta uma das imagens sacras próximas ao altar, colocando a mesma em uma sacola e sai tranquilamente. Confira o vídeo!

.

 

 

Foto: Arquivo

Nesta quarta-feira (05) o prefeito Edson Vieira (PSDB) irá realizar a assinatura da posse dos 30 agentes de controle de endemias (ACE) que foram aprovados em concurso público.

De acordo com a assessoria da prefeitura local, a assinatura irá acontecer no auditório da Secretaria de Educação e os mesmos já passaram por cursos de qualificação.

Os mesmos estarão designados a realização de visitas em residências e outras ações, em especial para o combate ao mosquito Aedes aegypti, principal vetor de doenças como a Dengue, Zika e Chikungunya.

Ainda de acordo com a assessoria, os mesmos devem começar as visitas aos domicílios nos próximos dias. Já quanto aos Agentes de Saúde (ACS), não há previsão para assinatura de posse dos cargos.

Foto: Ney Lima (arquivo).

Na manhã desta terça-feira (05) foi divulgada a data para início da venda de ingressos para a temporada 2018 do Espetáculo da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém.

De acordo com a assessoria de imprensa da Sociedade Teatral fazenda Nova, que realizada o espetáculo, os ingressos podem ser comprados pelo público a partir de 18 de dezembro, no site oficial.

As entradas têm valores variáveis, dependendo do dia do espetáculo, ficando entre R$ 100 (mais barata) e R$ 140,00 (preço máximo) e podem ser parceladas em até 12 vezes no cartão. Mais informações podem ser acessadas no site www.novajerusalem.com.br.

Confira os valores para cada dia do espetáculo:

.

ENTRADA INTEIRA

08/04 – Sábado – R$ 140,00
09/04 – Domingo – R$ 120,00
10/04 – Segunda – R$ 100,00
11/04 – Terça – R$ 100,00
12/04 – Quarta – R$ 100,00
13/04 – Quinta – R$ 120,00
14/04 – Sexta – R$140,00
15/04 – Sábado – R$ 120,00

.

MEIA ENTRADA

08/04 – Sábado – R$ 70,00
09/04 – Domingo – R$ 60,00
10/04 – Segunda – R$ 50,00
11/04 – Terça – R$ 50,00
12/04 – Quarta – R$ 50,00
13/04 – Quinta – R$ 60,00
14/04 – Sexta – R$ 70,00
15/04 – Sábado – R$ 60,00

 

 

 

Na manhã desta terça-feira (05) foi veiculada mais uma edição do programa Rádio Debate. Em pauta, a discussão sobre a anulação, por parte da Secretaria Estadual de Educação, da nomeação do professor Itamar Gláucio para o cargo de diretor da Escola Estadual José Francelino Aragão, em Santa Cruz.

Itamar é esposo da vereadora e líder do governo na Câmara, Jessyca Cavalcanti (PTC) e nos bastidores, existe a especulação de que a anulação seria uma retaliação do Governador Paulo Câmara (PSB) frente ao rompimento político com o prefeito Edson Vieira (PSDB).

A vereadora participou do programa falando sobre o caso, deixando no ar de que ela mesma também possa ser alvo de alguma retaliação já que sua postura política atual também reflete o distanciamento com o Governo Estadual.

Já o segundo ponto está nas Eleições 2018, onde foram abordados os números divulgados pela pesquisa Datafolha para a corrida presidencial. Ouça o programa na íntegra e fique por dentro dos principais assuntos da política local e nacional!

.

 

 

 

 

 

 

 

 

Dando continuidade ao programa de pavimentação da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, o prefeito Edson Vieira, entregou no último sábado (02) o calçamento da Rua Manoel Monteiro da Paixão, que interliga diversos bairros, entre eles Malaquias Cardoso, São Jorge, Neco Aragão, Santo Agostinho, Dona Dom e Pedra Branca.

A obra, orçada em R$ 450.000,00 (Quatrocentos e cinquenta mil) teve seu tempo de execução acelerado e recebeu investimentos de recursos do município e do Governo Federal. O diferencial desta obra foi a execução das calçadas, sendo essa a primeira rua a receber investimentos nesse sentido.

O prefeito Edson Vieira, comentou sobre a inauguração e ressaltou a importância da via, principalmente por ligar diversos bairros do município.

“A nossa administração tem sido a que mais pavimentou ruas da cidade, e isso é fruto de um planejamento com foco na melhoria do bem-estar dos moradores. A pavimentação da rua Manoel Monteiro, vai facilitar na mobilidade urbana, valoriza os imóveis, e problemas com lama e poeira, ficarão no passado”.

“É uma alegria imensa entregar essa rua pavimentada à população. Quando assumi a Secretaria foi uma das minhas cobranças ao prefeito Edson e nós captamos recursos suficientes para realizar a obra. Além do calçamento, nós estamos executando as calçadas, sendo essa a primeira rua a ter esse tipo de serviço com o apoio dos moradores”, pontuou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Gilson Julião.

“Era uma tristeza essa rua sem calçamento. Quando chovia a gente não podia passar para o outro lado. Esse calçamento traz saúde e dá uma melhor qualidade de vida. Quando não era chuva, era a poeira na época do calor, não podíamos abrir nem a porta que entrava toda sujeira”, disse Maria Aparecida, dona de casa e moradora da referida rua.

A administração de Edson Vieira já pavimentou mais de 250 ruas, com o maior programa de pavimentação do município.

Informações da Assessoria.

 

 

 

 

 

 

Fala foi motivada pela anulação da portaria que colocava o professor Itamar Gláucio, esposo da vereadora, como diretor da escola Francelino Aragão

Foto: Arquivo

Na manhã desta terça-feira (05) a vereadora e líder do governo na Câmara, Jessyca Cavalcanti (PTC), participou ao vivo no programa Rádio Debate.

A vereadora falou sobre a polêmica em torno da anulação da portaria que colocava seu esposo, o professor Itamar Gláucio, no cargo de diretor da Escola Estadual Francelino Aragão.

A anulação da portaria que o nomeava diretor da escola citada foi ordenada pelo secretário estadual de Educação, Fred Amâncio que, de acordo com falas da vereadora, foi uma determinação do Governador Paulo Câmara (PSB).

.

“Se for para atingir, de fato, a mim e ao prefeito Edson Vieira, então eu seria a próxima (a sair) na Escola Dr. Adilson” – diz Jessyca

Jessyca foi questionada se a anulação da nomeação de Itamar como diretor poderia ser um ato de retaliação política pelo fato de a mesma se posicionar como aliada do prefeito Edson Vieira, que é rompido politicamente com o governador.

A vereadora citou que ficou sem entender a anulação, porém deixou no ar que, em caso de se tratar de uma retaliação a se manter ao lado do prefeito, seja ela o próximo alvo:

“Fico sem entender (a anulação da nomeação de Itamar), mas o que posso dizer é que sou de posição desde o começo que surgiu essas coisas aí (de divisão no grupo) e me coloco junto do prefeito Edson Vieira, junto do candidato que ele escolher e vamos fazer o trabalho numa perspectiva que: se for para atingir, de fato, a mim e ao prefeito Edson Vieira, então eu seria a próxima (a sair) na Escola Dr. Adilson, com a certeza de que o trabalho foi feito e que Itamar estava disposto a realizar um excelente trabalho na escola José Francelino. Ele retorna, neste momento, a ser meu adjunto no Dr. Adilson” – frisou.

A vereadora completou que não teme ser exonerada do cargo de gestora da Escola Estadual Dr. Adilson Bezerra (posto que ocupa desde 2005) já que, para ela, o trabalho desempenhado junto a escola iria além de uma questão política.

“Eu lamento, mas não tem forma de a gente apoiar o governo maior do que exercermos um bom trabalho nessas escolas que estamos inseridos. Não é a toa que a Educação de Pernambuco está em patamares de excelência, por conta do trabalho de profissionais que está além da política” – frisou.

.

Influência de Diogo Moraes?

Jessyca foi questionada também se essa possível retaliação quanto a anulação da nomeação de Itamar poderia ter influência do deputado estadual Diogo Moraes. Sobre a pergunta, ela disse:

“Não acredito; até na ligação que ele tem comigo, pelo carinho que tivemos durante todo o tempo de campanha, que nos aproximamos e isso não passa pela questão política. Diogo é uma pessoa que admiro, que quero bem e também a sua família. Acredito que não tem dedo dele” – pontuou.

,

E quanto as Eleições 2018?

Durante suas falas, Jessyca citou que não haveria problemas em pedir votos, mais uma vez, para Paulo Câmara, mas com uma condição:

“Meu grupo está com o governador de Edson Vieira” – concluiu.

 

 

 

 

 

 

Estamos no último mês do ano, período considerado o mais importante para o Polo de Confecções de Pernambuco. É nessa temporada, iniciada em outubro, que as empresas de confecções da região realizam suas maiores vendas, elevando assim a expectativas de bons negócios até o Carnaval.

Novas tendências de moda continuam a surgir e, por falar nelas, uma em especial nunca sai de cena: o jeans. O tecido, considerado o mais democrático e clássico, é o destaque da nossa matéria de capa, pois, devido a sua versatilidade, se reinventou mais uma vez para agradar a todos, sendo um dos mais desejados para o próximo verão.

Como matéria especial, destacamos a Operação Têxtil, do Governo de Pernambuco, solicitada pelas entidades representativas da indústria e comércio do Polo de Confecções, e que trouxe mais segurança para milhares de compradores que continuam a chegar aos três principais centros de compras do polo.

Também é nesse mês que será inaugurado o Expresso da Moda, que já está funcionando em fase de testes, e que vai facilitar ainda mais a vida dos clientes e pequenos produtores de confecções que ainda não estão devidamente formalizados, e que já poderão emitir as notas fiscais das vendas de seus produtos. A aguardada iniciativa vai beneficiar milhares de pessoas e facilitar ainda mais o escoamento da mercadoria que dai do Moda Center para todo o país.

Vale destacar também que na Revista Moda Center você encontra sugestões e dicas de compras das principais marcas do polo, além de artigos sobre moda e economia elaborados por quem realmente entende do assunto. Tenha uma ótima leitura!

 

Expediente desta edição

Diretor: Ney Lima – Jornalista DRT/DF 11423

Editor: Elinaldo Ventura – Jornalista DRT/PE 4770

Foto de Capa: Brytch Jeans

Diagramação e Arte: Ramire Lins, Alex Lima e Matheus Ramos

Reportagens: Thonny Hill, Janielson Santos, Elivaldo Araújo e Elinaldo Ventura

Colunista de Moda: Mari França

Artigos: Adilson Silva, Joana Mirian, Beethoven Barbosa e Romildo Mendes

Depto. Financeiro: Ney Lima, Ana Lúcia e Danielly Marques

Logística e Distribuição: Elivaldo Araújo

Telemarketing e Departamento Comercial: Wellington Cristiano e Ana Lúcia

Distribuição local: Cristóvão Ramos

Redação: Avenida Prefeito Braz de Lira (rodovia PE-160) – 215, Malaquias Cardoso.

.

Tenha uma boa leitura e pegue sua revista gratuitamente nas principais lojas anunciantes!

.

 

 

 

Fotos: Jabson Nunes

Nesta segunda-feira (04) uma confusão que aconteceu enfrente a um bar, na Avenida Luiz Cecílio de Santana, no distrito de São Domingos, terminou com duas pessoas detidas.

De acordo com informações de Guardas Municipais que estavam na ocorrência, Paulo Gomes Bezerra e Laércio Henrique (56 anos) estava armados quando decidiram por brigarem no estabelecimento. Paulo estava armado com uma faca peixeira e Laércio estava com um pé-de-cabra e uma chave de fenda.

O caso foi levado até a delegacia em Santa Cruz, ficando a disposição da justiça. Na briga, os dois ficaram com escoriações e graças a intervenção, nenhum dos dois ficou ferido com maior gravidade. Ambos foram levados até a UPA 24h, onde passaram por atendimento médico.

 

 

 

 

Fotos cedidas por Paulinho Bossa / Divulgação

No último domingo (03), a Rampa do Pepê, na cidade de Taquaritinga do Norte, foi o local escolhido para um encontro de pilotos de asa delta. Organizado pelos pilotos João Paulo e Jair Gomes, o evento reuniu pilotos da região e também de outros estados, incluindo o sul do país.

Desde 2007, não acontecem competições oficiais de voo livre na cidade e o evento serviu, de acordo com os organizadores, para reviver uma tradição que está praticamente esquecida no município, que tem um dos melhores pontos do país para prática do esporte. Dezenas de pessoas compareceram a rampa para ver os voos dos pilotos.

 

 

 

 

 

 

 

 

Na manhã desta segunda-feira (04) foi iniciada mais uma semana de debates dos principais assuntos da política no programa Rádio Debate. No programa, a absolvição da primeira dama Alessandra Vieira e quatro envolvidos em um processo de suposta compra de votos nas eleições de 2008.

A denúncia, que ficou conhecido como “escândalo do jumento”, citava um caderno encontrado em um escritório de campanha, onde haviam no mesmo a supostas doações de bens e outros itens como sacos de cimentos e até um jumento, para a suposta compra de votos de eleitores a favor do então candidato a época: Edson Vieira (PSDB). Na época, Edson foi derrotado por Toinho do Pará, sucessor de José Augusto Maia. O Ministério Público, autor da denúncia, ainda pode recorrer da decisão.

A segunda pauta girou em torno das eleições 2018, mais precisamente na divulgação de números de pesquisa sobre a corrida presidencial. Nomes como Lula, Bolsonaro, Marina Silva, Ciro Gomes entre outros foram colocados na pesquisa de intenções de voto.

Ouça o programa na íntegra!

.

 

 

 

Página 6 de 521« Primeira...567...1020...Última »

Notícias Anteriores