Deputado José Augusto lamenta morte de Renato Arruda

 

O deputado federal José Augusto Maia (PTB) lamentou, na tarde desta terça-feira, a morte do primeiro tabelião de Santa Cruz do Capibaribe, Renato Arruda.

 

Em nota, José Augusto considerou Renato como um homem de um coração generoso, caridoso, servidor, conciliador, sério, amável e brincalhão, na juventude e maior idade, um boêmio, farrista, mas responsável, encantador, gostava de músicas e poesia, estudioso, inteligente e intelectual.

 

Confira:

 

Hoje Santa Cruz amanheceu triste,

 

Faleceu Renato Cordeiro de Arruda, 79 anos de Idade.

 

Renato Arruda, natural de Taquaritinga do Norte, chegou a Santa Cruz na década de 50, após o ano de l.953, época que nosso Município, emancipado, conquistou sua liberdade se tornando Cidade Independente.

 

Renato Arruda chegou aqui com a instalação do Cartório Arruda, foi Escrivão Eleitoral, Cível, Criminal e 1º Tabelião da nossa Cidade.

 

Renato Arruda, junto com sua Esposa, Dona Fernanda, não só constituíram uma Família, mas sim uma história

 

Em sua trajetória, foi Agricultor, Pecuarista, um grande articulador político, e nos momentos de crise, alegria ou dor, a voz ou a ação de Renato Arruda sempre foram presente e imprescindível.

 

Renato Arruda, de um coração generoso, caridoso, servidor, conciliador, sério,  amável e brincalhão, na juventude e maior idade, um boêmio, farrista, mas responsável, encantador, gostava de músicas e poesia, estudioso, inteligente e intelectual.

 

Renato Arruda, o filho e o Esposo Exemplar, o pai amigo, o avô amável e o amigo fiel.

 

Renato Cordeiro é mais um que sai da vida e entra para história como um dos filhos Ilustres de nossa Terra.

 

A Todos os seus Familiares, meus mais sinceros votos de pesar.

 

Que Deus o receba com sua infinita Bondade. 

 

Recife, 16 de Abril de 2013

 

José Augusto Maia

Dep. Federal

Parque Florestal volta a funcionar

 

 

 

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente comunica que após a reforma de toda a parte elétrica, o Parque Florestal Fernando Silvestre da Silva está reaberto para a população, funcionando em horário normal, das 05h às 22h. De acordo com o Diretor de Meio Ambiente, Pablo Ricardo, a instalação elétrica antiga encontrava-se desgastada e oferecia riscos à população.

 

 

O parque recebeu novos postes, refletores, uma caixa de controle da energia e a troca de mais de 500 metros de instalação e de todas as lâmpadas que estavam sem funcionar.

 

 

O local também recebeu a reativação do seu poço, que servirá para regar as plantas e realizar a limpeza do parque.

 

Informações da Assessoria

Morre Renato Arruda, primeiro tabelião de Santa Cruz do Capibaribe

 

 

Morreu, aos 79 anos, na madrugada desta terça-feira (16), o primeiro tabelião de Santa Cruz do Capibaribe, Renato Cordeiro de Arruda.

 

Renato foi o fundador do Cartório Arruda.

 

O corpo de Renato Arruda está sendo velado na Câmara Municipal de Vereadores

Empresa acusada de usar lixo hospitalar para produzir forros de bolso em Caruaru volta a operar em Suape

 

Sem alarde, a empresa de importação NA Intimidade, que usa o nome fantasia Império do Forro de Bolso, voltou a operar no Porto de Suape, trazendo material de confecção do exterior para a produção de forros de bolso, na área da Sulanca, em Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe. A empresa operou pelo canal cinza, um dos mais rigorosos da Receita Federal, em função de toda a polêmica gerada em torno das operações questionadas, no final de 2011.

 

“O desembaraço aduaneiro deste terça-feira é histórico para o empresário Altair Teixeira de Moura. Ele recebeu um atestado de lisura da Anvisa, da Receita Federal, da Policia Federal e da Secretaria da Fazenda do Estado, que acompanham essas operações. Ficou provado que o episódio de 2011 foi um acidente e ele não agiu como um bandido”, declara o advogado aduaneiro da empresa, Gilberto Lima.

 

A empresa Império do Forro de Bolso promete retomar a produção ainda neste mês, depois de recontratar cerca de 40 funcionários. Durante a crise, o Ministério Público do Trabalho (MPT) obrigou a demitir todos os empregados. “Ele não poderia nem mantê-los ociosos na produção. Pagou a todos e mandou-os embora. Eles estavam sofrendo discriminação na cidade, como se fossem leprosos”, relembra o advogado.

 

A empresa Império do Forro de Bolso ficou sem operar desde outubro de 2011, mas não chegou a ser fechada legalmente, podendo voltar a cortar e revender a sua produção agora nas praças de Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e Caruaru.

 

Processo contra o Estado

 

No auge da polêmica, até o governador Eduardo Campos criticou a empresa Forro de Bolso e o empresário Altair Teixeira de Moura, chamando-o de bandido. O empresário é cearense, mas vive em Santa Cruz do Capibaribe

 

“Até hoje não entendo porque o acidente aconteceu em Suape e foi levado para o Agreste. Não havia um só tecido lá na sulanca, minimamente maculado. O governador foi açodado ao chamar o empresário Altair de bandido sem ele ser um bandido. Mas tudo isto agora é passado, viramos uma página, vamos devolver a auto-estima à uma região e resgatar empregos na região, cuja economia está em declínio, com a seca”, diz.

 

Em tese, a empresa poderia representar contra o Estado, uma vez que a Apevisa mandou incinerar todo o seu estoque, em Santa Cruz do Capibaribe. O advogado Gilberto Lima diz que o empresário não tem intenção de representar contra o Estado, “por vestir a camisa de Pernambuco”, mas contra o exportador americano.

 

“Agora, esse governo socialista, que ajudou a desgraçar uma empresa local, poderia estender a mão e oferecer um crédito tributário presumido de ICMS, para ajudar a empresa a se recuperar”, defende.

 

A Apevisa (Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária) recolheu aproximadamente 6T de tecidos no depósito do Império do Forro de Bolso em Caruaru. Em Santa Cruz do Capibaribe, no depósito da NA Intimidade, aproximadamente mais 15T foram recolhidas. Em Toritama houve o recolhimento de aproximadamente outras 15T, também da NA Intimidade.

 

O processo de indenização que a empresa NA Intimidade vai buscar deve ter como alvo o exportador americano e aguarda a conclusão de um inquérito do FBI, que chegou a entrar na investigação do caso, a pedido do governo do Estado. “Assim que este relatório for concluído vamos entrar com uma ação nos EUA com pedido de indenização e lucros cessantes”, afirma Gilberto Lima. No caso, será responsabilizada a exportadora Texport Inc e os seus sócios, que não se limita a um brasileiro.

 

Contra o Ibama, a empresa já venceu todas. O advogado aduaneiro conta que já conseguiu derrubar multas no valor de R$ 6 milhões.

 

Naquela época, a empresa ainda foi obrigada pelas autoridades sanitárias a embarcar para os EUA os dois contêineres que estavam em Suape, em devolução para exportadora Texport Inc., com anuência das autoridades americanas e brasileiras, sob o argumento de quebra de contrato por parte da exportadora.

 

 

Dimas afirma que fiscalização pode ter sido ação orquestrada por adversários

 

Foto: Ney Lima - Arquivo do Blog

O vice-prefeito Dimas Dantas (PP) levantou suspeitas sobre a ação de fiscalização promovida pra Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco, em Santa Cruz do Capibaribe.

 

Durante entrevista na Rádio Vale do Capibaribe, no último sábado (13) e reprisada nesta segunda-feira (15) durante o programa Direto ao Ponto, o vice-prefeito cogitou que a ação pode ter sido causada por armação política e levantou suspeitas sobre seus adversários.

 

Sem citar nome, Dimas disse que alguns dias antes da fiscalização acontecer um blogueiro ligado ao Grupo Taboquinha teria pregado que no sábado (13) haveria uma surpresa em Santa Cruz.

 

O vice-prefeito concluiu que o único fato importante ocorrido no sábado foi a fiscalização e que isso poderia ter sido uma ação orquestrada, apontando José Augusto Maia como suspeito.

“Eu estou sendo descriminado dessas reuniões”, reclama José Augusto Maia por não ter sido convidado para discussões com governo

 

Foto: Ney Lima (arquivo)

 

O deputado federal José Augusto Maia (PTB) reclamou dos adversários pelo fato de não ter sido convidado para as reuniões que aconteceram junto ao Governo do Estado para tratar das ações fiscais em Santa Cruz do Capibaribe.

 

A afirmação foi feita durante participação por telefone ao Programa Rádio Debate, da Rádio Polo FM.

 

“Porque essa discriminação comigo? Quando me discriminam, discriminam muitas pessoas”, afirmou José Augusto.

 

O deputado seguiu dizendo que por ser o único deputado federal que representa o Polo de Confecções do Agreste, deveria ter sido convidado pelos adversários para compor o grupo que foi tentar encontrar soluções junto ao Governo do Estado.

 

“Temos uma batalha pela frente e eu quero me incluir nessa batalha para lutar pelos pequenos confeccionistas”, concluiu José Augusto.

Equipe de Juniores busca entrosamento para “decolar” no torneio

 

Foto: Elivaldo Araújo

 

Enquanto a equipe profissional do Ypiranga se prepara para as semifinais do Campeonato Pernambucano, a equipe sub-20 já estreou no torneio da categoria.

 

A equipe está no grupo c, junto com Porto, Central e Belo Jardim.

 

Na primeira partida, realizada na cidade de Belo Jardim contra a equipe local, a partida terminou com empate sem gols.

 

O mesmo resultado ocorreu contra o Central, em jogo realizado em casa no último sábado (16).

 

A equipe de Juniores, que é comandada por Bissim, irá enfrentar o Porto no próximo sábado (20) novamente em seus domínios, pela terceira rodada, buscando a primeira vitória no torneio.

 

Confira a classificação atual no grupo do Ypiranga:

Ilustração Panorama Esportivo PE

Fiscalização, desenvolvimento, direitos e deveres

 

Arquivo.

Com praticamente 98% da população vivendo na área urbana do município, Santa Cruz do Capibaribe no agreste pernambucano tem uma das mais expressivas migrações das regiões rurais para o centro urbano. E dois fatores ainda hoje contribuem para que isso aconteça: as muitas oportunidades da atividade confeccionista e as muitas adversidades de se produzir algo no semiárido nordestino.

 

Na capa do Jornal do Commercio do último domingo uma dura notícia “Seca devora a economia”. E enquanto uns sentem este drama econômico apenas via jornais, quem vive no agreste pernambucano sente o drama na pele, na alma e no bolso.

 

A atividade confeccionista do agreste pernambucano ao longo de décadas se mostrou uma das mais exitosas experiências de convivência com a seca e de superação das adversidades de produção no semiárido nordestino.

 

Todavia, no último sábado (13/04/2013) vivenciamos uma equivocada ação fiscal (com força policial) por parte da Secretaria da Fazenda de Pernambuco no Moda Center Santa Cruz. E tudo que esta ação fiscal conseguiu foi tumultuar o Moda Center e a agenda de discursão que vem acontecendo no sentido de criar uma estrutura tributária estadual que permita um incremento nos índices de formalização de micro e pequenos empreendedores no polo de confecção do agreste.

 

Num cenário de crise econômica mundial, a experiência nos mostra que a energia empreendedora não pode ser penalizada, tampouco desestimulada. O Governo de Pernambuco e os mais diversos atores do polo de confecção do agreste precisam dialogar e formatar juntos, uma estrutura tributária produtiva, que permita a formalização vencer a batalha contra a informalidade, sem perder a competitividade da nossa região no mercado de confecção.

 

Por sua vez, mesmo se tratando de uma questão cultural de décadas, os empreendedores precisam entender que a formalização baseada numa estrutura tributária justa é o caminho a ser seguido, para o bem do ambiente empreendedor de Santa Cruz do Capibaribe e do polo de confecção do agreste pernambucano.

 

Ao contrário do que muitos pensam – sobretudo em Santa Cruz do Capibaribe – a questão não é de política partidária. Estamos tratando de política de desenvolvimento regional, de política social, de geração e distribuição de renda, de criação de milhares de postos de trabalho, de melhoria na qualidade de vida das pessoas, de diretos e deveres.

 

Não estamos tratando apenas de compra e venda de confecção, de situação tributária e recolhimento de impostos. Estamos tratando do sagrado sustento de milhares de famílias de dezenas de municípios do agreste pernambucano.

 

Empreendedores e Governo precisam ser parceiros, só assim faremos fluir um real desenvolvimento. Termino este artigo com um pensamento de Kofi Annan, ganhador de um Nobel da Paz “Todos os governos devem incentivar as pequenas empresas – elas criam empregos e fortalecem a sociedade”.

 

 

Bruno Bezerra

Secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura

e Meio Ambiente de Santa Cruz do Capibaribe.

Encontro com a Secretaria da Fazenda será realizado em Recife ainda esta semana

 

Secretário Paulo Câmara (foto: SEFAZ).

Em entrevista concedida ao programa Nordeste em Foco, o Secretário da Fazenda em Pernambuco Paulo Câmara afirmou que um novo encontro com lideranças da política e com o empresariado local acontecerá ainda essa semana em Recife.

 

Na pauta, a possibilidade para que sejam tratadas questões sobre a adequação fiscal para Santa Cruz do Capibaribe.

 

Na entrevista, o secretário afirmou que sabe a situação enfrentada por Santa Cruz  e que o governador Eduardo Campos (PSB) pediu para que esse processo de abertura de novos debates seja iniciado o quanto antes.

 

O grupo será formado pelo deputado estadual Diogo Moraes (PSB), do prefeito Edson Viera (PSDB), do secretário de indústria e comércio Bruno Bezerra, além de Fábio Lopes (presidente da CDL), o presidente do Moda Center Valmir Ribeiro e outras lideranças.

Armas apreendidas em Toritama são trazidas para Santa Cruz

Fotos: Fernando Lagosta.

Em operação realizada na noite deste domingo (14), a polícia retirou das ruas mais duas armas de circulação, dessa vez na cidade de Toritama.

 

Segundo criminoso está foragido.

Segundo informações do Cabo Junior (Malhas da Lei), um criminoso que teria roubado mercadorias em Toritama, juntamente com seu comparsa, foi preso.

 

Ao ser levado para sua residência, foi encontrada uma touca ninja e a polícia foi em busca do segundo criminoso (Gilmar Anjos dos Santos), com indicação do primeiro.

 

Ao se deslocar para a casa de Gilmar, o criminoso conseguiu perceber a presença da polícia e conseguiu fugir.

 

Dentro da residência, próximo a Fazenda Velha, foram encontradas duas armas (uma caibre 38 e outra 36) dentro da bolsa da esposa do acusado, além de 13 munições. Foi também encontrado uma CNH falsa, usada pelo foragido e com nome de “Everton Francisco”.

 

Além disso, foram apreendidas mercadorias, uma TV de 50 polegadas, uma Honda Biz Vermelha e duas pessoas foram levadas para averiguação.

 

Mercadoria apreendida.

 

A polícia já trabalha na busca do segundo criminoso.

 

Santa-cruzense é preso em operação antidrogas da Polícia Federal

 

Foto: Diário de Pernambuco.

No último sábado (13), uma operação realizada pela Polícia Federal na cidade de Floresta resultou na prisão de duas pessoas e apreensão de 209 quilos de maconha.

 

Segundo as informações divulgadas pela PF, um dos criminosos era um comerciante natural de Santa Cruz do Capibaribe (com idade de 43 anos e nome não divulgado) e o outro era da cidade de Ibimirim.

 

Ainda de acordo com as informações, os policiais federais souberam que uma caminhonete (Modelo Nissan Frontier Cinza, placa não revelada) estaria transportando a droga já na cidade de Cabrobó. Eles então montaram um cerco na cidade de Floresta e prenderam os dois acusados.

 

Segundo o comerciante, o mesmo teria afirmado aos policiais que tinha recebido uma quantia de R$ 2 mil para fazer o transporte da droga.

 

Os dois foram levados para o presídio na cidade de Salgueiro.

Santa Cruz é a cidade que recebe a maior quantidade de turistas em Pernambuco

 

Em matéria realizada pela TV Clube, afiliada da Rede Record de televisão, o Moda Center foi destaque, mostrando que Santa Cruz do Capibaribe é a que mais recebe turistas em todo o estado.

 

Segundo a matéria, 70 mil pessoas vêm ao município de domingo a terça-feira para realizar suas compras, levado a moda produzida aqui para todos os estados brasileiros.

 

Além disso, a matéria mostra a evolução tecnológica empregada na confecção pelas pequenas, médias e grandes empresas e o grande potencial de geração de emprego e renda na Capital da Moda.

 

Confira o vídeo:

Rádio Debate discute polêmicas desencadeadas pela ação de fiscalização no Moda Center

Em mais uma edição do programa, agora com uma hora e meia de duração, os debatedores abordaram a fiscalização desempenhada pela Secretaria da Fazenda no Moda Center Santa Cruz.

 

A ação do governo do estado gerou grande revolta entre população e também foi alvo de polêmicas entre as principais forças políticas locais.

 

Além disso, você ficará sabendo do que acontece na política do estado e do país com Inaldo Sampaio.

 

Se você não ouviu o programa, clique no link e ouça agora: >>>RádioDebate15042013

A segunda-feira é especial para uma de nossas várias leitoras: Nayara Silva.

 

Feliz aniversário!

Santa Cruz já tem sua representante na busca pelo Miss Pernambuco

 

Foto: Arquivo Pessoal.

 

Foi realizado no ultimo sábado (13), no Parque Florestal, o concurso Miss Santa Cruz, onde dez candidatas representaram vários bairros da cidade, chegando as finalíssimas.

 

Após realizadas as votações, a corretora de imóveis Glaucia Arruda foi eleita a nova “Miss Santa Cruz” e também ganhou o título de “Miss Simpatia”.

 

Recentemente, Glaucia ficou com o terceiro lugar no concurso “Garota Rota do Mar” e com o título, ela representará a Capital da Moda durante a escolha da Miss Pernambuco, ainda sem data definida.

 

Duas mulheres de Santa Cruz do Capibaribe já ganharam o título estadual: Djanira Barbosa (2000) e Leydiane Vasconcelos (2011).

 

Notícias Anteriores